BLOG TUNANTE

domingo, 3 de janeiro de 2016

Amor Sem Divisão: paixão pela Tuna Luso

5 comentários:

  1. Como tunante, em 2016 espero que a Tuna possa nos surpreender com um desempenho melhor nos esportes, principalmente no futebol profissional. Pela proposta que tinha no sentido de uma valorização maior dos esportes, votei na chapa 2. Como a vencedora foi a chapa 1, que já foi empossada na direção do clube, o que eu venho a dizer é que os novos diretores se empenhem por um maior desenvolvimento esportivo no clube. Chega de ver a Tuna passar situações vexatórias. Chega de se contentar com pouco ou com meras participações em competições esportivas ou com apenas vice-campeonatos. Nas décadas de 70, 80, 90 e início dos anos 2000 a Tuna ganhava títulos em campeonatos de vários esportes. Depois foi decaindo até chegar à situação que está agora. Aí alguns vão dizer que o torcedor tem que que amar o clube mesmo que ele não ganhe nada. Tá, tudo bem, mas qual é o torcedor tunante que pode dizer que não está interessado em que a Tuna ganhe títulos em campeonatos? Se algum disser isto não é tunante! Claro que quem é tunante quer ver a Tuna ser campeã! Não vai condicionar seu amor à conquista de títulos, mas quer ver a Tuna ganhando títulos. Afinal, todo torcedor de qualquer clube esportivo quer ver seu clube vencendo campeonatos. É hipocrisia dizer o contrário!
    Já é hora de ver a Tuna ganhando campeonatos. Seja o esporte náutico, basquete (foi criado só para participar?), natação. E nas categorias de base. No futebol de campo masculino a Tuna precisa voltar a ter destaque. A Tuna tem dois títulos nacionais. Já basta de vê-la se humilhando em partidas de segunda divisão, perdendo para times como Bragantino e Vênus em pleno estádio do Souza. A última partida foi uma tremenda vergonha! Cinco a zero para o Vênus! Pelo amor de Deus, dizer que não é humilhante isso é ser um tunante de meia tigela.
    E além dos esportes que falei, seria muito bom ver a Tuna "resgatar" outros esportes. No volei, no qual ela nos anos70, 80 e 90 formava grandes equipes adultas no masculino e no feminino, ganhando campeonatos. No futebol de salão adulto, no qual possui vários títulos. No futebol feminino, tendo a Tuna ganho títulos paraenses.
    A parte social e de lazer são importantes. Porém, a Tuna não te que ser só um clube voltado para estas áreas. Tem que voltar a brilhar nos esportes! E, presidente, não se iluda e não queira iludir o torcedor dizendo que vai ter sucesso no futebol profissional com valores da base do futebol tunante. Claro que alguns jogadores da base poderão ajudar bastante, mas será preciso contratação de bons jogadores. Vimos o que aconteceu em 2015. A Tuna precisava de reforços. Além da preparação ter sido pouca, havia necessidade de mais jogadores experientes, em especial bons atacantes. A base da Tuna em 2015 a meu ver, mesmo com o título de vice-campeã, foi fraca para formar um time profissional. Poucos realmente se destacaram. Se em 2016 não houver as contratações que se fizerem necessárias, vai de novo ser um fiasco.

    ResponderExcluir
  2. Continuação.
    Desejo à nova gestão um bom trabalho. Sim, pois por mais que eu tenha apoiado a chapa 2 torcer contra a administração atual seria uma sandice porque seria a Tuna a perder e eu quero o bem da Tuna. Mas eu e outros torcedores que gostamos de ver o clube ser vitorioso nos esportes iremos cobrar resultados. Podemos ser ignorados ou mal vistos. Porém é nosso papel de torcedores cobrar. Penso que todos nós torcedores que realmente amamos e acompanhamos o clube, em especial no futebol, iremos dar o incentivo na hora de torcer. E estaremos lá nos jogos pagando ingressos, vez ou outra comprando camisas ou participando de alguma promoção em favor do futebol. Penso que quem cobra tem que dar sua contribuição de algum jeito, seja de algum modo financeiro, ou incentivando (no estádio, na internet etc) e sugerindo.
    Já ouvi um boato de que o esporte nautico iria acabar ou passar por uma suspensão este ano. Posso dizer que não concordo. Em vez de abandoná-lo, é necessário conseguir mais apoios, patrocínios, parcerias. O esporte náutico faz parte da tradição esportiva do clube. Ele e a Tuna nasceram juntos. Não se deve simplesmente deixá-lo só para a memória, só guardando os troféus do passado.
    Bem, é isso! Por uma Tuna grande! Por uma Tuna que valorize os seus esportes!!! Tuna sempre!!
    Márcio Rodrigues

    ResponderExcluir
  3. Alguns comentários de grandes tunantes no passado:

    “O patrono Raimundo Fidalgo, contudo, nega que a torcida da Tuna seja assim pequena:
    - O que acontece é que a torcida da Tuna está sendo humilhada nos estádios e acovardou-se. Tanto que, em 1970, quando conquistamos nosso último título estadual, a turma comparecia e tivemos sempre boas rendas.
    O presidente César Matar concorda com a tese:
    - O que dá torcida são os títulos de futebol. Hoje, a torcida do Remo está por volta de 45% da população e a do Paissandu em 40%, restando 15% para a Tuna. Se ganharmos campeonatos, esta situação poderá melhorar.
    Fonte: Placar 10 de setembro de 1976

    ResponderExcluir
  4. Acho que a situação da Tuna está ficando pior nos esportes que a desses anos 70. Que títulos a Tuna ganha? Que campeonatos conquista? E aí? A Tuna vai virar mais um "Pará Clube"? É isto que a nova gestão pensa ser uma "Nova Tuna"?
    Márcio

    ResponderExcluir
  5. Lembro que há uns dez anos atrás a Tuna dominava categorias de base do futebol de campo e de salão. Agora o que leio nos noticia´rios esportivos são notícias assim: "Remo conquista Campeonato Paraense de Futsal sub-17"; "Sub-13 do Paysandu conquista o Paraense de Futsal","Remo conquista o Paraense de Futsal da categoria Sub-15". Nada da Tuna. Que tristeza!
    Márcio

    ResponderExcluir