BLOG TUNANTE

domingo, 4 de outubro de 2015

Decepção!

Aconteceu neste domingo (4), o que já se anunciava há tempo. A jovem e inexperiente equipe da Tuna Luso Brasileira foi derrotada pela desconhecida Desportiva pelo placar de 2 a 0. O jogo foi realizado na Curuzú e valeu pela segunda rodada do Campeonato Paraense da Segunda Divisão de 2015
A Desportiva abriu o placa logo aos sete minutos do primeiro tempo, através de Elsinho. Fechou o placar aos 38 do segundo tempo, com gol de Marajó. Com a derrota, a Tuna soma apenas 1 ponto em dois jogos, enquanto que a Desportiva soma três, com um jogo a menos.
A fiel e sofrida torcida cruzmaltina que foi ver o jogo saiu da Curuzú decepcionada e muito temerosa com o fraca desempenho da equipe. Sobra juventude e falta experiência no elenco. Comenta-se nos bastidores que a diretoria alega não ter condições financeiras para contratar jogadores mais experientes. Sendo assim, o que o torcedor cruzmaltino pode esperar da equipe sabendo que só restam três jogos para o final dessa fase? Será mais um ano de molho?   

OUTROS JOGOS
Tiradentes-PA 3 X 5 Pinheirense
Vila Rica 2 x 5 Castanhal 
São Raimundo 8 x 0 Gavião
Bragantino 0 X 1 Vênus 
Águia 5 X 2 Izabelense

POS TIMES PG J V E D GP GC SG AP

CHAVE "A1"
São Raimundo-PA 4 2 1 1 0 9 1 8 66.7
Águia-PA 4 2 1 1 0 6 3 3 66.7
Pinheirense-PA 4 2 1 1 0 6 4 2 66.7
Gavião-PA 3 2 1 0 1 2 9 -7 50.0
Izabelense-PA 1 2 0 1 1 3 6 -3 16.7
Tiradentes-PA 0 2 0 0 2 4 7 -3 0.0

CHAVE "A2"
Castanhal-PA 6 2 2 0 0 6 2 4 100.0
Desportiva-PA 3 1 1 0 0 2 0 2 100.0
Vênus-PA 3 1 1 0 0 1 0 1 100.0
Tuna Luso-PA 1 2 0 1 1 0 2 -2 16.7
Vila Rica-PA 1 2 0 1 1 2 5 -3 16.7
Bragantino-PA 0 2 0 0 2 0 2 -2 0.0













42 comentários:

  1. Não pude ir. Estava cheio de provas para corrigir e de início pensei que o jogo era fora de Belém. Mas no fundo até gostei de não ter ido para não presenciar esta tragédia. Perder para um time novo, que não tem sede, não tem tradição, não tem campo e que não tem muitas aspirações a não ser mostrar jovens talentos é sim uma tragédia. Um clube com a história da Tuna está reduzida a apenas lembranças de um passado glorioso. Cadê a colônia luco-brasileira para ajudar? Por que abandonaram a Tuna? A não ser uns poucos que ainda são fieis, os portugueses e luso-descendentes na sua maioria abandonaram o clube que foi fundado por um grupo de portugueses em 1903. Muitos luso-descendentes preferiram o caminho mais fácil de torcer por um clube de massas e frequentar um clube elitizado que é o Grêmio (nada tenho contra o Grêmio). Hoje em dia há ainda alguns portugueses que se importam com a Tuna e parte dos luso-descendentes são tunantes. Mas a maioria da torcida tunante de hoje em dia não é da comunidade luso-brasileira. Pena que não podem ajudar mais. O que será da Tuna a permanecer esta situação? Ano após ano os esportes tunantes vão minguando, se tornando cada vez menos significativos, parece que estão ali só por estar. Que títulos a Tuna ainda conquista? Que competições ela tem sido campeã? O que fazer? O que podemos nós tunantes fazer? Para os que foram dar um apoio a este combalido time tunante, meus parabéns por sua fé, por seu amor. Se eu soubesse com antecedência que o jogo era em Belém e se estivesse sem tantos afazeres no domingo eu teria ido e sofrido.
    Ainda existem esperanças nesta segunda divisão para a Tuna subir? Haverá um milagre? Márcio

    ResponderExcluir
  2. Vamos torcer que Zé Carlos motive essa juventude da Tuna e o campeonato a partir de agora tome outra direção é o velho antes tarde do que nunca que apesar de ser errado vem acontecendo nos últimos anos com a Águia Guerreira, só nos resta torcer positivamente a partir de Sábado contra o castanhal
    Wladimir/PB

    ResponderExcluir
  3. Torcedora tunante entristecida

    Eis que a torcedora tunante
    Mostrou um melancólico triste semblante.
    Nem a beleza
    Do dia
    Pôde diminuir a sua tristeza.
    Ah! Torcedora tão bela
    Levaste tua bandeira singela
    Mas depois da derrota
    Colocaste a bandeira sobre o ombro
    E disseste naquela hora:
    "Nada mais me importa!"
    Foste embora
    Em casa deste um chute na porta
    Até assustaste a tua avó
    Que já é uma idosa senhora.
    Ali tão só
    Ficaste entristecida
    Pensando na vida
    E nos bons momentos
    Quando festejavas gols da Tuna
    Em meio à torcida.
    Não fiques assim
    Torcedora querida!
    Foi ruim,
    A Tuna jogará mais partidas
    Decerto foi feita a ferida
    Mas ainda não é o fim.
    Haverá outra manhã de sol
    No velho campo de futebol,
    Quando a Tuna enfim
    Haverá de despertar.
    Os cantos dos torcedores
    Vão se fazer ouvir.
    Haverás de sorrir,
    Enquanto as flores
    Espalharão seu perfume no ar.
    Será uma manhã cheia de cores
    E a Tuna irá triunfar!
    Márcio Rodrigues-07/10/2015

    ResponderExcluir
  4. Torcedora tunante ainda tem esperança

    Naquela manhã
    Tudo parecia complexo
    Você torcedora falava
    Coisas sem nexo.
    Era a tristeza profunda
    De ver nossa Tuna se afundar
    E eu não parava de admirar
    A sua bela cabeleira
    Refletindo a luz do sol.
    Você sacudia a bandeira
    Esperando o gol da Tuna que não veio!
    E eu ainda olhando o seu cabelo
    Tão belo!
    Seus olhinhos faiscavam
    Brilhavam,
    E as lágrimas rolavam.
    Que pena
    Que a Tuna perdeu.
    Sua bandeira é pequena
    Mas a sua fé é gigante!
    Não perca sua fé torcedora tunante!
    Márcio Rodrigues-07/10/2015

    ResponderExcluir
  5. Torcedora à beira da piscina

    Ah! Torcedora
    Naquela hora
    O sol ardia
    E seu corpo lindo se estendia
    À beira da piscina.
    Você se lembra quando era menina
    E corria
    Como se não houvesse amanhã?
    Ah! Você naquela manhã
    Ofuscava o próprio fulgor
    Do sol a brilhar.
    Você era uma flor,
    Você era o canto do mar!
    Aí você vestiu sua bermudinha rosa
    E sua blusa transparente.
    Ah! Como estava quente
    Que manhã gostosa!
    Você foi ver
    Nossa Tuna jogar
    Foi torcer
    Foi gritar.
    Infelizmente
    Não deu.
    Tuna perdeu!
    Mas você no meio de toda aquela gente
    Que torcia
    Era o verdadeiro sol ardente
    Transmitindo uma energia
    Tão diferente!
    E então já não parecia
    Haver tristeza
    Porque toda a sua beleza
    Dava uma grande alegria
    Ao dia.
    E tudo pareceu se envolver
    Com a sua magia!
    Ah! Torcedora
    Só você!
    Márcio Rodrigues-07/10/2015

    ResponderExcluir
  6. Torcedora tunante guerreira

    Tuna vai jogar
    Lá em Castanhal.
    Mas você torcedora disse:
    "Não faz mal!
    Vou lá"!
    Ah! Se você visse
    Como seus olhos brilharam
    Naquela hora.
    Você é realmente uma fiel torcedora
    Da Tuna Luso Brasileira.
    Você é lutadora
    Tunante verdadeira
    Uma grande guerreira!
    Que você seja pé quente
    E a Tuna possa dar desta vez
    Uma alegria para a gente!
    Márcio Rodrigues-07/10/2015

    ResponderExcluir
  7. Torcedora apaixonada

    Ah! Torcedora apaixonada
    Você em sua paixão
    Disse que a derrota da Tuna
    "Não há de ser nada!"
    Ah! Esta sua devoção!
    Você torce mesmo por prazer
    Não torce obrigada.
    Você canta a sua canção,
    Gosta de torcer!
    É uma torcedora assim
    Que é bom a Tuna ter!
    Ah! Diga para mim
    De onde vem sua energia inesgotável?
    Você é sim
    Tão adorável.
    Você acho que o time não é ruim
    Que é coisa passageira
    Então pegue esta sua bandeira
    E sacuda
    Porque que se a Tuna não marcar logo
    Até a metade do jogo
    Vai ser um "Deus nos acuda!"
    Alguém já disse que você tem
    Uma bela voz aguda?
    Márcio Rodrigues-07/10/2015

    ResponderExcluir
  8. Torcedora tunante acredita

    Torcedora acredita no Zé
    Ela ainda tem fé.
    Falou que se a Tuna Luso Brasileira
    Classificar para a primeira
    Vai à pé
    Até Mosqueiro
    Vai fazer promessa para Nossa Senhora de Nazaré.
    Ah! Torcedora,
    Seu cheiro
    É de rosas
    Você chora
    Quando a Tuna é vencida.
    Você é a musa de nossa torcida!
    Ah! Linda
    Não quero você tão sofrida.
    Você grita
    Você goza
    Com o gol da Tuna!
    Você é generosa
    Você gosta
    De ajudar os que precisam
    Suas coxas
    Tão grossas
    Deixam o rapaz inquieto.
    Você guarda uma angústia no peito
    Acha que este time da Tuna ainda tem jeito.
    Certo,
    Você tem sua opinião
    E respeito.
    Você tem tem um amor verdadeiro
    No seu coração.
    O amor pela nossa Águia Guerreira!
    Quando você sai da banheira
    Você se enxuga numa toalha
    Com as cores da gloriosa.
    Vá torcedora torcer,
    Se dependesse só de você
    A Tuna seria sempre vitoriosa!
    Márcio Rodrigues-08/10/2015


    ResponderExcluir
  9. A rainha de nossa torcida

    Ah! Torcedora cheia de paixão,
    Você é nossa rainha.
    Você vivia sua vidinha
    Sem preocupação.
    Mas eis que ao descobrir a Tuna
    Você mudou sua concepção.
    Você passou a ser tunante!
    Você nunca tinha sentido antes
    Esta vibração.
    Naquele instante
    De empolgação,
    Você cantou aquela canção
    De amor pela Tuna.
    Você não bebe e nem fuma,
    Mas a Tuna é sua obsessão!
    Você se veste bem
    E se arruma
    Para ver a Tuna jogar.
    Você atravessaria um mar
    Por um jogo importante.
    Ah! O seu olhar
    É algo assim de tão deslumbrante!
    Márcio Rodrigues-08/10/2015

    ResponderExcluir
  10. O amor da torcedora pela Tuna

    Ah! Torcedora
    Quando você vai embora
    Parece que o estádio fica sem luz
    Você é sedutora
    Você seduz!
    Ah! A Tuna agora
    Parece que carrega uma cruz.
    Mas você ainda está animada
    Disse que crê na virada!
    Ah! Tomara!
    Você tem a sensualidade da Iara!
    Eu vejo sinceridade
    Na sua cara.
    Você ama a Tuna de verdade,
    É um amor que não para!
    Márcio Rodrigues-08/010/2015




    ResponderExcluir
  11. Torcedora tunante que é tão legal

    Naquele domingo
    Tão lindo
    Cheio de sol
    A torcedora apareceu sorrindo
    O seu sorriso era um farol
    Iluminando o estádio do Souza.
    E o rapaz desejava
    Que ela estivesse sem roupa!
    Time da Tuna não anda bem
    De quem é a culpa?
    De quem?
    Qual é a desculpa?
    Ah! Torcedora você tem
    Um corpo tão sensual
    A Tuna tem que ganhar jogo lá em Castanhal!
    Quando você vem
    Sobe logo o meu astral.
    Você é tão legal!
    Márcio Rodrigues-08/010/2015

    ResponderExcluir
  12. Torcedora de olhar tão intenso

    Sob o sol,
    O garoto empinava papagaio.
    Seu pai Caio
    Disse para não empinar com cerol.
    Ah! Torcedora,
    Seu olhar não sai
    Da minha mente,
    Você olhou tão intensamente!
    E até o Caio ficou diferente,
    Notou que você era "pé quente",
    Com você torcendo
    A Tuna jogava pra frente!
    Diga torcedora
    Você também sente
    Uma paixão arrebatedora
    Pela Tuna Luso?
    Caio ficou todo confuso
    Naquela hora.
    Acho que o cérebro dele
    Entrou em parafuso.
    Também pudera!
    Ali torcedora você era
    A própria primavera!
    Márcio Rodrigues-08/10/2015

    ResponderExcluir
  13. O sorriso da torcedora

    Quando a Tuna perdeu
    A torcedora gemeu
    Ficou de cabeça baixa.
    Ah! Torcedora,
    Estes olhos seus!
    Você acha
    Que pelo Castanhal a Tuna passa?
    Ah! Você é tão cheia de graça!
    Você não cansa
    De ter esperança.
    Mas vai ter de vencer
    Senão não adianta.
    É tão bom ouvir
    Quando você canta.
    Você é tão linda ao sorrir
    Que a todos encanta!
    Márcio Rodrigues-08/10/2015

    ResponderExcluir
  14. A flor da nossa torcida

    No jogo com a Desportiva,
    Você torcia tanto,
    Você era tão ativa.
    Ah! Você com os seus encantos
    A todos cativa.
    A torcida se empolgava com os seus cantos,
    Você dizia vivas à Tuna,
    Viva!
    Você é tão decidida,
    É a flor delicada
    Da nossa valorosa torcida!
    Márcio Rodrigues-08/10/2015

    ResponderExcluir
  15. No jogo passado

    No jogo passado
    Você estava tão bonita
    Que deixou apaixonado
    Aquele rapaz da torcida.
    Você cantava e dançava
    Toda feliz da vida.
    Mas quando vieram os gols,
    Da Desportiva,
    Você de repente murchou,
    Que o rapaz logo notou.
    Porém sua luz interior
    Não se apagou.
    Tuna não lutou
    Como deveria.
    A derrota você superou
    E aí você falou:
    A vitória da Tuna há de vir outro dia!
    Márcio Rodrigues-08/10/2015

    ResponderExcluir
  16. Japiim no almoço

    Seus olhos
    São dois sois que brilham demais.
    Seus sonhos
    São só de amor e paz.
    Você faz
    Do triste rapaz
    Alguém risonho.
    Se o mundo às vezes parece medonho
    Ele logo se desfaz
    E vira algo tão maravilhoso
    Naquele jogo da Tuna
    Você gritava mais.
    E o seu cabelo sedoso
    Esparramava-se todo cheiroso
    Pelos seus ombros,
    Cobria o seu pescoço.
    Ah! Se me vier a coceira
    Eu coço.
    A manga cai da mangueira
    E eu chupo até o caroço!
    Tuna Luso Brasileira
    Há de comer japiim no almoço!
    Márcio Rodrigues-08/10/2015


    ResponderExcluir
  17. Bons tempos torcedora

    Torcedora tunante
    Já faz algum tempo
    Um tempo já distante.
    Feche os olhos um instante
    Para relembrar.
    Eram tempos de glória
    Da nossa Águia Guerreira!
    A grande Tuna Luso Brasileira!
    Tuna já fez História
    No futebol.
    Sob chuva torrencial
    Ou sob o mais inclemente sol
    Tuna era sensacional!
    Agora,
    Torcedora,
    Tuna está mal.
    Mas a esperança
    Não morreu ainda.
    Alguém já disse que você é linda
    Quando dança?
    Você não toma banho de mar
    Por causa do sal.
    O seu olhar
    É sensual.
    Ah! Quando os pingos da chuva
    Caem no seu corpo
    E percorrem sua curvas
    Também é sensacional!
    A chuva caindo,
    Você rindo.
    É um espetáculo sem igual!
    Você na praia
    Molhada e nua!
    Tuna não fuja da raia!
    A sua luta continua!
    Márcio Rodrigues-08/10/2015


    ResponderExcluir
  18. Torcedora tunante sonhadora

    Ah! Torcedora
    Você é sonhadora,
    Sonha com uma vitória redentora
    Da nossa Tuna.
    Não vá embora
    Não suma!
    Não saia pelo mundo
    Vamos torcer juntos!
    Tire sua bandeira do armário
    Convide o Carlos
    E o Mário.
    Não será fácil vencer
    Mas podemos torcer
    E aí quem sabe?
    Pode até ser!
    Não custa sonhar,
    Tuna há de ganhar!
    Sem ao menos tentar
    Não dá para saber!
    Márcio Rodrigues-08/10/2015

    ResponderExcluir
  19. Torcedora é hora de ter esperança

    Vamos nesta hora esquecer
    A Desportiva.
    Vamos agora comer japiim
    Com maniva.
    Foi muito ruim
    A derrota.
    Mas devemos fechar a porta
    Dessa lembrança.
    Pôr um fim!
    Tuna fez sim
    Lambança.
    Mas como você disse para mim:
    "Temos de ter esperança!"
    Márcio Rodrigues-08/10/2015

    ResponderExcluir
  20. Sábado tem japiim

    Naquele dia amaldiçoado
    Que a Tuna perdeu o jogo
    Você pôs logo
    O seu vestido preto.
    Disse que seu espírito estava enlutado!
    É, eu também fiquei arrasado.
    Mas você ficou tão bela
    Com seu vestido
    E uma flor amarela
    Na cabeça.
    Ah! Não se esqueça
    Que no sábado é o japiim.
    Se você for
    Também quero ir.
    Ligue para mim!
    Márcio Rodrigues-08/10/2015

    ResponderExcluir
  21. Não liga torcedora!

    Ah! Torcedora
    Não liga se te disserem
    Que és sofredora
    Porque torces para a Tuna.
    Deixa que digam o que quiserem.
    Pensa nas glórias
    Nas inesquecíveis vitórias!
    Lembra da nossa torcida
    Por nós tão querida.
    E segue tua vida!
    Tu és tão vibrante
    Tua animas a galera tunante!
    Sendo deste jeito
    Enche de amor este teu peito,
    E segue adiante,
    Que a caravana passa
    E tu és cheia de graça!
    Márcio Rodrigues-08/10/2015

    ResponderExcluir
  22. Torcedora tunante confiante

    Torcedora tunante
    De belo nariz,
    Tu és confiante
    Tu és tão feliz.
    Naquele instante
    Estavas radiante!
    Os pássaros cantavam alegremente
    E tu evidentemente
    Estavas linda demais!
    Com a tua calça apertada
    E a tua blusa da Tuna
    Recém-comprada.
    Quando falei que estavas linda
    Tu me disseste:
    "Obrigada!"
    Ah! Até no pico do Everest
    Onde congela,
    Serias sim tão bela.
    As flores da primavera
    Dizem que tu és uma delas!
    Tão perfeita é tua boca,
    Ouvi dizeres que moras no bairro do Souza
    Que dá para ver o jogo da Tuna da janela
    Do teu apartamento logo adiante.
    Acho que estás ficando louca!
    Tu moras mais distante!
    Márcio Rodrigues-08/10/2015


    ResponderExcluir
  23. Perplexo

    Ah! Torcedora tunante,
    Fiquei perplexo.
    Vi o reflexo
    Do teu belo sexo
    No espelho,
    No casarão já velho
    Em que moravas antigamente.
    Ah! Tu mudaste para um anexo
    Da casa de teus pais?
    Não te quero depois falando coisas sem nexo,
    Cheia de ais.
    Ah! Este espelho é convexo,
    É demais!
    Tuna vai jogar no sábado
    Se não ganhar
    Não importa mais.
    Técnico novo vai estrear
    Vamos trocer,
    Vamos ver
    Do que ele é capaz!
    Tuna estreia técnico novo
    Vamos ver do que é capaz!
    Márcio Rodrigues-08/10/2015


    ResponderExcluir
  24. Torcedora tunante apreensiva

    Torcedora tunante está apreensiva
    Lembra do jogo com a Desportiva.
    Sabe que com o Castanhal
    A partida será decisiva.
    Torcedora não fique nervosa,
    Que faz mal.
    Seja positiva,
    Você sempre foi tão forte!
    Cadê aquele seu amuleto da sorte?
    É Tuna ainda ruim nos esportes...
    Não anda bem!
    Quem diria hein!
    Mas você é uma tunante
    Sim Tunante até a morte!
    Muito atuante!
    Então a partir deste instante
    Não pense besteira.
    Vá com fé na Tuna Luso Brasileira!
    Márcio Rodrigues-08/10/2015


    ResponderExcluir
  25. Com coragem e com convicção

    Ah! Torcedora tão bela
    Você gela
    Quando pensa como a Tuna está na tabela.
    Não está fácil não,
    Você sente uma apreensão.
    O que fazer então?
    Apegar-se ao último fio de esperança!
    Sei que é tunante desde criança,
    Uma tunante de coração.
    Segure na bandeira da Tuna
    E peça com convicção.
    Tuna tem que ir com coragem
    E cheia de disposição!
    Márcio Rodrigues-08/10/2015

    ResponderExcluir
  26. Torcedora tem fé

    Naquela manhã no estádio
    Torcedora levou o seu rádio
    Estava antenada
    Sintonizada
    Numa emissora
    Ouvindo as notícias da Águia do Souza.
    Ah! Estava tão sedutora...
    Com ar de importante
    Jeito de doutora.
    Ah! Torcedora,
    A torcida tunante,
    Espera agora
    Uma reação.
    Não vai ser fácil
    Haja coração!
    Agora é com o Zé!
    Torcedora já foi até a Sé
    Fez promessa para Nossa Senhora de Nazaré.
    É torcedora,
    É...
    Já está chegando a hora,
    É preciso ter fé!
    Márcio Rodrigues-09/10/2015


    ResponderExcluir
  27. A tunante mais bonita

    Torcedora saiu aborrecida
    Quando a Tuna perdeu a partida.
    Nem se despediu dos amigos da torcida!
    Chegou até a pensar:
    "A Tuna tá frita!"
    Mas de cabeça fria
    Ela já ria
    E sentiu a esperança renascer
    Como a luz de um novo dia.
    Ela continuará a torcer
    Pois ainda quer ver
    A galera tunante com alegria.
    É torcedora,
    Não fique triste
    Uma tensão existe
    Sei que você não desiste
    Com tanta facilidade.
    Acho que você é tunante mais bonita
    De toda esta cidade!
    Márcio Rodrigues-09/10/2015

    ResponderExcluir
  28. Não perca a esperança torcedora!

    Ah! Torcedora
    Você vibrou
    Você torceu
    Você gritou
    E enlouqueceu
    Naquela partida.
    Parecia até o momento mais importante
    Da sua vida.
    Eu me lembro do sol
    E da sua pele bronzeada.
    Mas quando o adversário fez aquele gol
    Você ficou calada.
    Parecia que o mundo tinha se partido,
    Você que tanto tinha rido,
    Ficou desolada!
    Você não sabia
    O que pensar.
    Você queria
    Desaparecer
    Chorar.
    Tomou então
    Um pouco de ar
    Bateu mais forte seu coração
    E você passou a acreditar
    Numa virada que infelizmente não veio.
    Ah! os pingos de suor escorriam pelos seus seios...
    Você teve de se conformar.
    Ainda resta um pouco de esperança
    Para a Tuna se classificar.
    Japiim quer bicar
    O pescoço da águia guerreira.
    Que ela seja valente,
    Que ela seja matreira.
    Para então finalmente podermos dizer
    Que a Tuna pulou uma fogueira!
    Márcio Rodrigues-09/10/2015


    ResponderExcluir
  29. Que pena torcedora!

    Ah! Torcedora
    Naquele dia
    Tão quente
    Você torcia
    Freneticamente!
    Os seus olhinhos brilhavam
    Incandescentes!
    Você ali sentada
    Na arquibancada
    Com as pernas cruzadas.
    Você só queria ver
    A Tuna vencer
    E mais nada!
    Só que não aconteceu,
    Porque o que ocorreu
    Foi a derrota maldita!
    Você ficou fula da vida!
    Ah! Os lindos olhos seus,
    As suas pernas que são tão bonitas!
    Quando o jogo acabou
    A bandeira você enrolou
    E disse "até mais" pra torcida.
    Que pena que a Tuna não ganhou,
    É a nossa Tuna querida!
    Márcio Rodrigues-09/10/2015

    ResponderExcluir
  30. Torcedora linda como a lua

    Naquele jogo infeliz
    O time contrário fez o que quis.
    Ah! O sol refletia sua luz
    Bem no seu nariz!
    Você nutria esperança
    De ver a Tuna feliz.
    Mas como nem sempre quem espera
    Sempre alcança
    A esperança foi pelo ralo.
    Você se lembra que quando criança
    Tirou uma pena do galo?
    Agora você dança
    E bebe cerveja no gargalo.
    É...
    Houve uma mudança.
    É o que sempre falo.
    Quando vi você tão linda
    Como a lua cheia
    Quase me entalo!
    Márcio Rodrigues-09/10/2015

    ResponderExcluir
  31. Bola pra frente torcedora!

    Ah! Torcedora
    Em me lembro de tudo
    Daquele domingo de outubro.
    Foi uma manhã desoladora!
    Aquele torcedor até ficou mudo!
    Contudo,
    Você como mulher inteligente
    Que tem conteúdo,
    Sabe que outros jogos virão.
    Então enfrente,
    Tire a tristeza do coração
    E bola pra frente!
    Márcio Rodrigues-09/10/2015

    ResponderExcluir
  32. Torcedora queria estar lá no campo

    Você estava viajando
    Quando soube
    Que a Tuna estava jogando.
    Ah! Queria estar lá no campo!
    Era um jogo com o Vila Rica
    Você ficou tiririca
    Quando a Tuna acabou empatando.
    Foram tantos gols que a Tuna perdeu
    Que você achou que era psica.
    Porém o João deu uma dica
    Você então se convenceu
    Que o time da Tuna foi mal.
    Empatar não é legal,
    Mas pior foi perder o jogo seguinte
    Um time da Tuna assim,
    É ruim e eu não quero.
    Para um bom torcedor é um acinte!
    Márcio Rodrigues-09/10/2015

    ResponderExcluir
  33. O cheiro da torcedora

    Naquela hora
    Torcedora
    Tuna estava sem forças
    Você gritava feito uma louca
    Pedia garra pro time.
    É tão linda a sua boca
    Que até pede que eu rime!
    Ah! Foi uma vergonha
    Um clube com dois títulos brasileiros
    Perder assim é um crime!
    Em casa você derramou lágrimas na fronha
    Molhou todo o travesseiro.
    Parou de chorar
    E foi pro chuveiro.
    Ah! O travesseiro até tem
    O seu cheiro!
    Márcio Rodrigues-09/10/2015

    ResponderExcluir
  34. Torcedora da Tuna dengosa

    Ah! Torcedora
    Para ti
    A torcida ri!
    Ri de satisfação!
    Tu tens a Tuna no teu coração!
    Eu nunca vi
    Torcedora da Tuna mais animada.
    Diz que a razão para tanta energia
    É tomar bastante gemada!
    Deve ser por isso que ao torcer
    Tu gemes,
    Não consegues ficar parada.
    Teu corpo treme
    Ficas toda agitada.
    Quando bebes és um navio sem leme
    Danças todas nas baladas.
    Ah! Quando sonhas
    Sonhas com uma Tuna vitoriosa!
    Esparramada na cama
    Toda dengosa!
    A Tuna tu amas
    És delicada como uma rosa!
    Márcio Rodrigues-09/10/2015

    ResponderExcluir
  35. Torcedora da Tuna que sonha com a primeira

    Ah! Torcedora,
    Sonhas com a Tuna Luso Brasileira!
    Tua cabeça de tão fria
    Para até geladeira.
    Dissestes que querias
    Ver a Tuna logo na primeira.
    Agora tá difícil
    Embora não impossível.
    Já vimos tantas glórias
    Da nossa Tuna Luso Brasileira.
    O jeito é esperar
    E torcer
    Ver o que o time ainda tem de render.
    Não pode mais empatar,
    Não pode nem pensar
    Em perder!
    Márcio Rodrigues-09/10/2015

    ResponderExcluir
  36. consertando: parece até geladeira...

    ResponderExcluir
  37. Torcedora torcendo à beça

    Naquele dia
    Você torceu,
    Tanto que até doeu
    A garganta.
    Quando você torce
    Você canta
    Você se agiganta.
    Você torce com amor
    Até esquece a dor.
    Porque o que mais interessa
    É torcer muito pela Tuna
    Torcer à beça!
    Você é tão cheia de esperança
    Quer minha bandeira emprestada?
    Então me peça!
    Márcio Rodrigues-09/10/2015

    ResponderExcluir
  38. Torcedora com o cabelo cheio de tranças

    Ah! Torcedora
    Você é meio lusa
    Meio brasileira.
    Você usa
    A sua blusa
    Da Tuna.
    Verde da cor da esperança!
    Você é o que há de mais lindo
    Até onde a vista alcança.
    Você sorrindo
    É a Dulcineia do Quixote
    Com sua lança.
    Que a Tuna tenha boa sorte
    Naquela manhã você estava tão bela,
    Com o cabelo cheio de tranças.
    Márcio Rodrigues-09/10/2015

    ResponderExcluir
  39. Amor feito tatuagem

    Ah! Torcedora
    Que bela imagem!
    O amor pela Tuna está em você
    Feito tatuagem.
    Você torce com emoção
    Você tem coragem!
    Você torce com sofreguidão
    A Tuna devia fazer para você
    Uma homenagem
    Você é a nossa torcedora padrão,
    Não gosta de sacanagem
    Com o seu clube do coração.
    Você ama nosso querido pavilhão!
    Vamos cantar então
    Juntos aquela canção!
    Márcio Rodrigues-09/10/2015

    ResponderExcluir
  40. Torcedora é uma fera!

    Naquela tarde
    Você chegou sem alarde.
    Vestida de vermelho
    Você se olhou no espelho.
    Na blusa uma faixa branca
    Nela o escudo tunante.
    Uau!
    Sensual!
    Você estava mesmo deslumbrante!
    O vermelho fogo
    O fogo em seu corpo
    Disse que queria ir logo
    Pro jogo,
    Que iria já começar.
    Pouco a pouco
    A torcida começou a chegar.
    O Zé da torcida
    Parecia louco
    Quando você sentou ao seu lado.
    Completamente alucinado
    Gritava como um desesperado
    Pela Tuna.
    Você foi sua aluna!
    Você mexeu com a galera!
    Torcedores gritavam!
    Não parecia nossa pacata torcida,
    Que estava tão aguerrida,
    Parecia que estava numa guerra.
    Só você torcedora
    Com este seu jeito de fera!
    Márcio Rodrigues-09/10/2015




    ResponderExcluir
  41. Torcedora sedução

    Ah! Torcedora
    Vestida com qualquer cor
    Você demonstra o seu amor
    Pela Tuna!
    Você é tão boa!
    Seu avô é do Porto,
    Sua avó é de Lisboa,
    Time da Tuna ainda não está morto!
    Vai jogar sua cartada final
    Eu já disse o quanto você é sensual?
    Nos seus romances
    Você é só alto astral.
    Nunca trata alguém mal!
    Tuna ainda tem chance
    Para que alcance
    A classificação.
    Você sabe né?
    Você é só sedução,
    Gosta de um cafuné!
    Márcio Rodrigues-09/10/2015

    ResponderExcluir
  42. Declaração de amor da torcedora

    Ah! Torcedora,
    Você deita na sua rede
    E prega na parede
    O escudo da Tuna.
    Quando faz calor
    Dá uma sede.
    O seu amor,
    Excede a razão.
    Sua pele transpira
    Excitação.
    Você pira
    Na emoção.
    Aí você grita
    Faz da bandeira uma capa
    Diz que sua mãe veio da Lapa
    Lá no Rio.
    Você parece uma loba
    No cio.
    Nua,
    Uivando para lua,
    Despertando a rua
    De um sono milenar.
    No Souza
    Você sua
    Sua roupa.
    Quer cantar!
    Você diz para todo mundo:
    "A Tuna Luso Brasileira
    Para sempre eu vou amar!"
    E os torcedores todos juntos
    Repetem,
    Não querem mais parar!
    Márcio Rodrigues-09/10/2015

    ResponderExcluir