BLOG TUNANTE

domingo, 27 de setembro de 2015

Tuna Luso e Vila Rica empatam sem gols no Souza

Na ensolarada manhã deste domingo (27), Tuna Luso Brasileira e Vila Rica jogaram no estádio do Souza, valendo pela primeira rodada da Segunda Divisão do Campeonato Paraense de Futebol profissional 2015/2016. Com bom público presente, os jovens jogadores cruzmaltinos não conseguiram passar pela onzena do Vila Rica, time de jogadores mais experientes. No primeiro tempo o time cruzmaltino foi melhor e teve várias chances de gol, porém não convertidas. No segundo tempo, o Vila Rica teve dois jogadores expulsos, mas mesmo assim a Tuna não foi capaz de abrir o placar. Final do jogo 0 a 0, deixando a fiel torcida presente decepcionada e bastante preocupada com o futuro da equipe na competição. 
Comentários escutados de torcedores presentes é de que, apesar do time não ser ruim, está faltando pelo menos uns três jogadores de maior experiência para dar maior equilíbrio e segurança aos mais jovens. A grande barreira nisso tudo chama-se falta de verba para contratar. 
No próximo domingo (04) a Tuna Luso enfrenta o time da Desportiva, fora de casa, em local ainda a ser confirmado. Desejamos melhor sorte aos jovens jogadores da nossa Águia do Souza. A renda divulgada do jogo foi de R$4,010, para 410 pagantes (tinha pelo menos o dobro disso presente no Souza!). 


 
 

RESULTADOS DA 1ª RODADA

TUNA LUSO BRASILEIRA 0 X 0 VILA RICA
CASTANHAL 1 x 0 BRAGANTINO
IZABELENSE 1 X 1 SÃO RAIMUNDO
GAVIÃO 2 X 1 TIRADENTES


POSTIMESPGJVEDGPGCSGAP
CHAVE "A1"
Gavião-PA31100211100.0
Izabelense-PA1101011033.3
São Raimundo-PA1101011033.3
Tiradentes-PA0100112-10.0
CHAVE "A2"
Castanhal-PA31100101100.0
Tuna Luso-PA1101000033.3
Vila Rica-PA1101000033.3
Bragantino-PA0100101-10.0
Fonte: Rádio Clube do Pará

11 comentários:

  1. Von, você pode divulgar, assim que puder, a tabela completa com os locais e horários dos jogos da Tuna?
    Márcio

    ResponderExcluir
  2. Torcedora da Tuna deslumbrante

    Torcedora tunante
    Cantou o hino nacional
    Naquele instante.
    Cante torcedora
    Cante!
    E depois que o jogou começou
    Achou que seria emocionante.
    Tuna não fez gol
    Mas atacou
    Em alguns momentos foi vacilante.
    Torcida apoiou
    Tuna não perdeu
    Nem ganhou
    Empatou!
    Ah! Torcedora
    Naquela hora que a bola não entrou
    E o time adversário se safou
    Foi frustrante!
    O seu semblante
    Tão lindo!
    Você estava deslumbrante!
    Vamos Tuna!
    Em frente!
    Avante!
    Que o próximo jogo seja diferente,
    Vá torcedora!
    E assim a vida segue adiante!
    Márcio Rodrigues-28/09/2015



    ResponderExcluir
  3. Torcedora tunante sob o sol

    Ah! Torcedora tunante!
    Suas coxas grossas
    Sob o sol escaldante!
    Cada pingo
    De suor escorrendo
    Pelo seu corpo lindo!
    Quando a Tuna não ganhou
    Disse tchau para a torcida,
    E falou aborrecida
    "Já estou indo!"
    Ah! Quando você chegou,
    Antes do início da partida,
    Você estava rindo!
    Márcio Rodrigues-28/09/2015

    ResponderExcluir
  4. Torcedora tunante cheia de esperança

    Torcedora tunante
    Estavas tão esperançosa!
    Dava gosto de te ver assim
    Bonita como uma rosa!
    Teus olhos brilhavam de esperança
    Como se dissessem:
    "Vai jogador!
    Avança!"
    No teu corpo um calor
    Um sorriso de criança.
    Ah! Linda
    Quando te foste
    Eu me dizia que não fosses ainda!
    Outros jogos virão
    Sabes que na Tuna
    Serás sempre bem vinda!
    Márcio Rodrigues-28/09/2015




    ResponderExcluir
  5. Torcedora de cabelo assanhado

    Ah! torcedora,
    De coragem,
    A sua bela imagem!
    Na sua coxa uma tatuagem,
    Da Tuna Luso Brasileira!
    Não quer ver novamente
    A Tuna morrer na beira.
    O seu coraçãozinho sente
    Tanta aflição.
    É infelizmente
    Tuna não venceu.
    Ah! Coração
    Aguente!
    É não deu,
    Pelo menos não perdeu.
    Estava tão quente!
    O seu cabelo se assanhou
    E você não tinha pente!
    Márcio Rodrigues-28/09/2015

    ResponderExcluir
  6. Torcedora impaciente

    Torcedora impaciente
    Naquele dia
    Você torcia
    Desesperadamente!
    Quanto agonia!
    Até rangia os dentes!
    A bola até bateu
    No travessão.
    Quando chegou em casa
    De raiva chutou o cão.
    Ah! Não faça isso não,
    Que a raiva passa,
    E depois virá a desolação,
    De ver que o seu cão de raça,
    O seu pastor alemão,
    Ficou na maior desgraça.
    Toma uma com limão,
    Esqueça a derrota
    E ache graça.
    Não vá fazer malcriação!
    Márcio Rodrigues-28/09/2015

    ResponderExcluir
  7. Torcedora que é musa

    Torcedora
    Você usa
    A sua blusa
    Da Tuna
    Que é lusa
    E é brasileira.
    Você é musa!
    Você sacode
    A bandeira
    Você se treme por inteira
    De tanta emoção!
    Cuidado
    Com o seu coração!
    Márcio Rodrigues-28/09/2015

    ResponderExcluir
  8. Torcedora do bombom

    Ah! Torcedora tunante,
    Naquele momento frustrante
    Que o jogador da Tuna perde o gol
    Você é o que há de bom
    Para se olhar.
    Você é o recheio do bombom.
    Você é o som
    Maravilhoso de se escutar.
    Uma bela sinfonia!
    De dia,
    Você é a luz do sol.
    E o luar
    Em uma noite cheia de magia.
    Você tem a grandeza do mar,
    A beleza do arrebol.
    O estádio se encanta com sua alegria!
    Você é a natureza cheia de vida
    Você grita
    E se agita
    É muito querida
    Pela nossa torcida!
    Venha sempre torcer
    A galera da Tuna espera por você!
    Márcio Rodrigues-01/10/205


    ResponderExcluir
  9. Torcedora cheia de energia

    Ah! Torcedora,
    De tanto gritar naquela hora
    Você ficou depois afônica.
    Você é a maior guerreira
    Da Tuna Luso Brasileira!
    Você é demais,
    Você é o sol ao nascer
    O próprio brilho do amanhecer.
    Você faz
    O estádio se envolver
    Na sua mágica.
    Você é fantástica!
    Até o sol parece se comover
    E seu olhar magnetiza
    Hipnotiza!
    Ah! Moça,
    Torça,
    As suas coxas
    Grossas
    Endoidecem o rapaz.
    Que bem você faz
    Para aquele torcedor nervoso
    Já meio que sem esperança.
    Você canta,
    Você dança,
    Pula como uma criança.
    A todos encanta
    Com sua energia que parece que não cansa!
    Márcio Rodrigues-01/10/2015

    ResponderExcluir
  10. Torcedora da Tuna numa manhã de calor

    Ah! Torcedora
    Você vem agora
    Com seu vestido branco.
    Você e seu canto
    Você seus encantos.
    Você é uma feiticeira!
    Faz a charanguinha
    Parecer uma orquestra sinfônica.
    Você vibra pela Tuna Luso Brasileira!
    Você tem mais energia
    Que uma usina atômica!
    Fala de paz
    Mas uma guerra você faz.
    Você torce entusiasticamente
    Grita mais e mais!
    Você é realmente voraz
    Na sua vontade louca
    De ver a Tuna campeã.
    Ah! O vermelho fogo de sua boca,
    É uma coisa louca
    Incendiando a manhã.
    De noite quando você tira sua roupa
    Deve ser um momento de esplendor.
    Ah Linda moça
    Naquele jogo no Souza
    Fazia tanto calor...
    Márcio Rodrigues-01/10/2015


    ResponderExcluir
  11. Torcedora verdadeira

    Naquela manhã de domingo,
    Você torcedora de olhos lindos,
    Estava tinindo.
    Eu estava vindo
    Você estava sorrindo.
    O venerável estádio do Souza...
    Ah! O campo velho de guerra
    O campo todo verdinho
    A grama espalhando-se pela terra.
    E ali estava você sempre bela
    Com sua graça
    Sabe que quando você passa
    Parece que começa a primavera?
    É verdade sim,
    Veja!
    Quando o apito deu início à peleja
    Você se ajeitou na arquibancada
    O calor era grande
    Ficou logo suada.
    Quando o adversário quase marcou
    Você ficou brevemente calada.
    Mas quando a Tuna atacou
    Você gritou emocionada.
    Você quis tanto aquele gol
    Mas infelizmente nada!
    Partida empatada,
    Você ficou desanimada!
    Guardou sua bandeira,
    Mas nunca acabará sua jornada.
    Pois é torcedora verdadeira
    Da Tuna Luso Brasileira!
    Márcio Rodrigues-01/10/2015

    ResponderExcluir