BLOG TUNANTE

quinta-feira, 16 de janeiro de 2014

Reunião na Náutica define planos para 2014

 Tirar as plantas e pintar é uma das metas
Ontem, pela manhã, numa reunião acontecida na Garagem Náutica da Tuna Luso Brasileira, em comum acordo com os companheiros da Confraria, este escriba aceitou a Diretoria Náutica da Tuna.

Na reunião, com a presença do presidente Charles Tuma, o vice João Rodrigues, os diretores Landri (Natação) e Augusto Monteiro (Patrimônio), além do cruzmaltino Mário Mangas, um dos abnegados da Náutica da Águia e do diretor eleito da Náutica João Macapá, que se exonerou da função. 

Na oportunidade, os membros da diretoria da Tuna conheceram da realidade da garagem mostrada pelo técnico da equipe Luso Brasileira, José Wildemar. Lindão apresentou aos dirigentes a real situação da garagem, com problemas estruturais como infiltrações, vazamentos, rachaduras, além de algumas árvores que nasceram na frente da sede, o que enfeia e leva perigo para a estrutura do prédio.

Após meus sinceros agradecimentos à diretoria pelo voto de confiança, foram discutidas as primeiras providências que serão tomadas, que será um inventário dos bens da Tuna, como Barcos, Remos, troféus, móveis, etc.

O diretor de Patrimônio, Augusto Monteiro, acertou que dentro da proposta de melhorar a estrutura da sede náutica será feito um planejamento com o novo diretor para que se comece dentro de pouco tempo as reformas. 

Este escriba ficou de marcar uma conversa com Lindão para acertar o planejamento para o Campeonato Paraense de Remo deste ano, como das necessidades para a equipe, a formação de novos atletas e já a partir da primeira regata, que acontecerá em Março, a Tuna ter uma equipe de completa para disputar todos os páreos, no sentido de dar início a uma recuperação do bom nome da Águia nesse esporte em que ainda é a maior vencedora de nosso Estado.
Fonte: Didascália

Um comentário:

  1. A Tuna nos dois últimos anos decaiu muito no esporte de remo. É preciso recuperar o espaço perdido. Sei que há tunantes amantes deste esporte e sei que querem melhorar a situação da Tuna nas regatas. Pode não ser uma recuperação imediata, haja visto que deixou-se no passado recente de fazer certos investimentos e devem haver alguns problemas com certo grau de seriedade. Mas tenho certeza de que, com boa vontade e com patrocínios a Tuna poderá ir se levantando e voltar a vencer as regatas. É um esporte tradicional que a Tuna sempre disputou. Será preciso ter bons barcos, uma boa estrutura na garagem naútica e bons remadores, com condições para eles desenvolverem bem suas atividades. Que a Tuna tenha sucesso em seus vários esportes! Márcio

    ResponderExcluir