BLOG TUNANTE

sexta-feira, 27 de setembro de 2013

Tuna espera por 14 reforços a partir da próxima semana


Clube se prepara para disputar a fase de acesso do Parazão 2014

Com apenas quatro jogadores com contrato profissional - incluindo o novato Gleissinho, emprestado ao Paysandu -, a Tuna segue em busca da formação de um elenco para a disputa da fase de acesso ao Parazão 2014 e já espera anunciar 14 atletas a partir da próxima semana.

Dentro deste grupo de reforços que são aguardados no Souza, o treinador Lecheva explicou que quatro são de fora do Estado e devem ser os primeiros a chegar a Belém; enquanto que outros quatro são regionais e estão em disputa e, ainda, seis atletas aguardam liberação junto ao Paragominas para assinar com a Lusa.

Sobre estes jogadores do Paragominas, aliás, o número de atletas aumentou. 'Antes, tinham somente o Cristóvão (zagueiro), o Dudu (volante), o San (volante) e o Adriano Miranda (atacante - foto) treinando conosco, mas agora chegaram também o Paulo de Tárcio (volante) e o Rondinelli (meia). Todos eles já acertaram até bases salariais com a Tuna, mas estão tentando resolver a situação deles com o Paragominas, porque têm contrato até o final de outubro, que é quando deve começar a competição para nós', explicou.



Já em relação aos outros atletas, a situação é apenas de espera por desembarque na capital paraense e término de competições. 'Temos um goleiro, dois meias e um atacante de fora do Estado para chegar na semana que vem e outros quatro atletas para as posições de zagueiro, lateral esquerdo e meia que já estão apalavrados, mas estão em competição entre Segundinha do Parazão e as Séries C e D do campeonato brasileiro e chegarão assim que deixarem a disputa', falou.

Além da Tuna Luso, estão na disputa da primeira fase do Parazão 2014, prevista para começar no dia 2 de novembro, o Águia de Marabá - rebaixado da fase elite assim como o time do Souza -, Independente de Tucuruí, Parauapebas, Castanhal, São Raimundo e mais os dois clubes classificados da Segundinha do campeonato, que está em andamento.
Fonte: Carlos Fellip (Portal ORM)

Um comentário:

  1. Agora é esperar que os jogadores cheguem, façam os exames e comecem a treinar. É importante que haja também bons jogadores na reserva. Não precisa ser um grupo grande, mas com jogadores bons em número suficiente, de acordo com a competição. Márcio.

    ResponderExcluir