quinta-feira, 29 de novembro de 2012

Victor Moraes convocado para Seleção Brasileira Estudantil



O nosso campeão Victor Moraes foi convocado oficialmente para a Seleção Brasileira Estudantil que representará o país nos Jogos Estudantis Sul-Americanos.  Nosso atleta embarcou hoje para Natal, onde se juntará aos outros atletas selecionados.Victor, estamos torcendo por você!!!

fonte: Blog Natação da Tuna

terça-feira, 27 de novembro de 2012

Time da Tuna Luso na 9ª Copa de Miúdos e Miudinhos de Futebol 2012


Time da Tuna Luso, participante da 9ª Copa de Miúdos e Miudinhos de Futebol 2012, organizada pelo Grêmio Recreativo e Literário Português, na programação do Dia das Crianças, em 12/10/2012.

fonte: http://mandoubemgremio.blogspot.com.br/2012_10_01_archive.html

Tuna Luso e Paysandu decidem o Sub 17 no sábado


O encontro entre Tuna Luso Brasileira e Paysandu, valendo pela decisão do Campeonato Paraense de Futebol Masculino, categoria Sub 17, acontecerá às 09h30 deste sábado (01/12), no Estádio Mangueirão. O vencedor desta finalíssima ganhará o direito de participar da Copa São Paulo de Futebol  Junior 2014.  

segunda-feira, 26 de novembro de 2012

Notícias da Natação da Tuna Luso

Atletas da Tuna no Ranking Nacional Mirim-Petiz
A Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos anunciou o Ranking Brasileiro das categorias Mirim & Petiz. O ranking é baseado nos tempos obtidos pelos atletas em todos os festivais regionais mirim-petiz. Oito atletas da Tuna foram listados, mostrando que nossa equipe de base continua revelando talentos promissores. Na categoria Mirim II, Tamela Magalhães é a décima-quinta nos 50 m peito. No Petiz I masculino, José Francisco Neto é o vigésimo-quinto nos 100 m costas e décimo nos 50 m costas. A nossa mais longa lista está na categoria Petiz I feminino. Larissa Bastos é a décima-sexta nos 50 m borboleta; Thayla Nascimento é a décima-oitava nos 50 m costas; Ana Luiza Lobo é a sétima nos 50 m livre, oitava nos 100 m borboleta e décima nos 100 m costas; Marina Santos é a décima-primeira nos 50 m borboleta; Jaqueline Targino é a nona nos 50 m peito; e a nossa dedicada Ingrid Souza é a sexta colocada nos 50m peito e a décima-quarta nos 50 m costas. Parabéns ao nossos atletas, pais e comissão técnica. 

Atletas da Tuna nos Jogos Estudantis Brasileiros
Duas atletas da Tuna Luso Brasileira estarão representando o Pará nas competições de natação dos Jogos Estudantis Brasileiros que serão realizados de 25 de novembro a 8 de dezembro de 2012 em Cuiabá, Mato Grosso. Fernanda Rodrigues competirá nos 50 e 100 costas e Hecklin Machado competirá nos 50 borboleta, 100 borboleta e 200 medley. A foto abaixo mostra as duas em um intervalo da preparação para mais este importante evento. Vamos lá. Estamos torcendo por vocês! 

II Festival Mirim-Petiz e Torneio de Provas Longas

A Tuna participou com destaque no II Festival Paraense Mirim-Petiz e no Torneio de Provas Longas, que foram realizados no Parque Aquático da Universidade do Estado do Pará no período de 16 a 18 de novembro de 2013. Os nossos vencedores de provas individuais no Festival Mirim-Petiz foram: Cassimiro Oliveira, Jaqueline Targino, Ana Luiza Lobo, RAfaela Torres, Max Lima e Larissa Bastos. No Torneio de Provas Longas, os nossos vencedores individuais foram: Hecklin Machado, Fernanda Rodrigues, Victor Moraes e Leandro Neto. Parabéns ao nossos atletas e comissão técnica por mais este excelente resultado.

Tuna no Campeonato Paraense de Classes
Com um pouquinho de atraso, estamos apresentando os nossos resultados no Campeonato Paraense de Classes, que foi realizado no Parque Aquático da Universidade do Estado do Pará. A nossa equipe foi campeã na categoria infantil, vice-campeã na categoria e terceira colocada na categoria junior-senior.  É um salto significativo quando comparado com poucos anos atrás, quando a nossa equipe se resumia a poucos atletas oriundos da nossa base. Os nossos grandes campeões paraenses em provas individuais foram: Edielson Souza, Ian Resque, Irlan Chagas, Thalyssa Melo, Fernanda Rodrigues, Henrique Silva, Victor Moraes, Taina Souza, Leandro Neto, Andre Bastos, Ana Beatriz Brito, Klaus Araújo, José Moisés de Medeiros, Bianca Silva, Arthur Couceiro e Felipe Castro.
A Tuna também quebrou seis recordes paraenses. Leandro Neto quebrou os recordes dos 50 e 100 m peito, Klaus Araújo quebrou os recordes dos 50 m livres e 50 m borboleta, o Revezamento Feminino Juvenil quebrou o recorde da prova de 4 x 50 livre e o Revezamento Masculino Infantil quebrou o recorde da prova de 4 x 50 livre.
Parabéns a todos os nossos atletas, pais e comissão técnica por mais este resultado maravilhoso para a natação tunante. Vamos continuar nos dedicando. O ano de 2013 promete ser um ano de muitas glórias!
fonte: Blog Natação da Tuna

Tuna Luso 10 x 0 Sport Pará, no futebol feminino

Assim como no sub 17 masculino, a Tuna Luso vai bem no futebol feminino. Neste domingo (25), a equipe cruzmaltina aplicou uma goleada de 10 a 0 sobre o Sport Pará, no estádio do Souza, valendo pela quarta rodada do segundo turno do Campeonato Paraesne de Futebol Feminino 2012. Com mais essa vitória, a Tuna Luso chegou a 10 pontos na tabela de classificação, sendo três vitórias e um empate. Como já havia vencido o primeiro turno, caso vença o segundo turno conquistará o bi campeonato e ganhará o direito de participar da Copa do Brasil, em 2013. 

sábado, 24 de novembro de 2012

Tuna Luso na final do sub 17 de futebol masculino

Pela categoria sub 17, o Paysandu venceu na manhã deste sábado (24) o Clube do Remo na disputa de penalti. O jogo foi realizado no Mangueirão e no tempo normal o placar ficou em 2 a 2. Com a vitória sobre o Remo, o Paysandu garantiu vaga na final do Campeonato Paraense da categoria sub-17 e enfrentará a Tuna Luso Brasileira que venceu o Pinheirense na outra semifinal. .
A FPF até o momento não divulgou local e data da final do sub 17.

quinta-feira, 22 de novembro de 2012

Tuna Luso na imprensa



Tuna realizou amistoso no Estádio do Souza (Foto: Antonio Cícero)
Duas vezes campeã nacional e tentando voltar aos melhores dias, a equipe da Tuna Luso Brasileira retoma o pensamento para o Campeonato Paraense 2013, adotando as medidas ‘caseiras’ e de baixo custo dos últimos anos.
Alguns amistosos estão sendo realizados como maneira de formatar uma equipe e descobrir novos talentos para o futebol tunante, que vive sério problemas financeiros.
Contra um selecionado do Clube Bancrévea, com participação de jogadores da Alunorte Rain Forest, a Lusa perdeu por 2 a 0, com destaque para alguns jogadores, como os meias Wilham de Castro e Guilherme Muller, o volante Diego André e o goleiro Airton Barros.
Além da garotada observada em amistosos e realização de testes no Estádio do Souza, o presidente Fabiano Bastos confirmou que alguns jogadores ‘experientes’ serão integrados ao elenco cruz-maltino.
“Nós buscamos jogadores em outros clubes, mas jogadores experientes, não velhos. Exatamente para trazer essa experiência para a garotada”, comentou o presidente Fabiano Bastos.
(DOL, com informações do Diário do Pará)

Natação da Tuna Luso


Tuna oferece apoio para atletas de natação em 2013

Em uma iniciativa única no Estado do Pará, a diretoria de Natação da Tuna Luso Brasileira resolveu investir significativamente em sua equipe para a temporada de 2013. Todos os atletas serão beneficiados. Além de contarem com a orientação de uma das melhores equipes de profissionais de natação competitiva no Estado do Pará e um dos melhores parques aquáticos do norte-nordeste do Brasil, os atletas que defenderem a Tuna em 2013 terão:
1. Todas as taxas de registro na Federação Paraense de Desportos Aquáticos pagas pelo clube.
2. Todas as taxas de competição em competições regionais (norte-nordeste) e nacionais também pagas pelo clube.
3. Todos os atletas das categorias de infantil a senior que tiverem pelo menos três índices para provas de campeonatos brasileiros e estiverem entre os 16 melhores tempos de suas categorias em uma das provas receberão pelo menos R$ 1.000 de ajuda para cobrir gastos de cada viagem.
4. Bolsas integrais e totais serão concedidas aos atletas com base em critérios sociais e esportivos. A avaliação será feita caso a caso.
Os nossos atuais atletas não precisam fazer absolutamente nada. Basta os pais confirmarem as suas inscrições para o próximo ano. Para atletas que não fizeram parte da equipe da Tuna em 2012 e que desejarem fazer parte da melhor natação do Estado do Pará, basta enviar um carta de intenção à diretoria de natação da Tuna Luso Brasileira no endereço tunanatacao@gmail.com.
fonte: Blog Natação da Tuna

Tuna Luso na imprensa


Jovens são testados pela comissão técnica da Tuna

Já começando seus preparativos para o Campeonato Paraense de 2013, a Tuna Luso Brasileira realizou na tarde de ontem um jogo-treino contra a equipe do Brancrévea, para poder testar o elenco e analisar as opções de jogo. A equipe do Souza investe na base e atletas jovens para o próximo Parazão e o jogo foi a forma inicial de testar as habilidades dos jogadores. Entre os destaques da equipe, estão os armadores Wilham de Castro e Guilherme Muller, o volante Diego André e o goleiro Airton Barros, todos vindos do Alunorte Rain Forest.
Com a bola rolando às 16h no Souza, a equipe lusa começou com a garotada da base, enquanto o Bancrévea era formado por ex-jogadores de futebol profissional. O jogo acabou em 2x0 para a equipe do Bancrévea, que contou com os jovens do Rain Forest no primeiro tempo e com a presença de jogadores como o ex-Remo, Ávalos.
Para os jovens vindos do Rain Forest, foi uma excelente oportunidade para evoluir o ritmo e melhorar o entrosamento. “O ritmo jogando aqui muda um pouco e nós precisamos melhorar o entrosamento. Mas nós temos qualidades e foi por isso que fomos chamados. Agora temos que provar isso para poder seguirmos em frente”, declarou Wilham.
Os jovens chegam como parte de um plano de renovação de elenco tunante. Para o presidente do clube, Fabiano Bastos, esse será o diferencial. “Nosso pensamento é em montar um time jovem. Nós já tivemos experiências com jogadores que chegaram já bichados e não queremos isso novamente”. O presidente busca montar uma equipe equilibrada. “Nós buscamos jogadores em outros clubes, mas jogadores experientes, não velhos. Exatamente para trazer essa experiência pra garotada”, disse, seguindo. “Mas estamos observando também essa primeira fase, para buscar jogadores que possam ser de nosso interesse”, declarou Fabiano Bastos.
(Diário do Pará)

terça-feira, 20 de novembro de 2012

Tuna Luso na imprensa

  • Time de futebol profissional da Tuna Luso realiza jogo amistoso amanhã (quarta-feira (21) contra a seleção do Bancrévea, às 16 horas no estádio do Souza.

  • Ex-jogador Ondino, criado nas categorias de base da Tuna Luso, é formado em Educação Física e trabalha como treinador da categoria sub-17 da base do clube cruzmaltino. Deverá viajar para o Rio de Janeiro onde fará curso de treinador de futebol. 
fonte: Blog Rádio Club do Pará (20/11/12)


Tuna aposta em jovens 

Equipe de Belém apresenta revelações regionais para a disputa do Campeonato Paraense

A Tuna a apresentou novos reforços para a disputa do Campeonato Paraense. Ontem, obedecendo a característica que vem sendo observada na montagem da equipe, a Águia recebeu mais três jovens apostas da região: o goleiro Airton e os meio campistas Wilham e Guilherme, todos de 17 anos. Eles são crias do Alunorte Rain Forest (ARF) e foram descobertos por Marabá, ex-jogador e agora técnico sub-15 da Tuna. Eles agora estão sob a supervisão de Marajó, treinador que vai comandar o time no Parazão.
Os três novos atletas cruz-maltinos fizeram ontem a primeira atividade no clube: um treino físico, visto de perto pela comissão técnica, que tem Marajó como treinador e Marabá como preparador físico. Airton, Wilham e Guilherme chamaram a atenção depois de um amistosos que a Tuna fez contra o ARF na semana passada.
Eles passam a integrar o elenco profissional, que tem 30 atletas, dos perfis mais variados. "Eles chegam com a indicação do Marabá, que viu potencial nos garotos, e dentro da mentalidade de fazer um time regionalizado. Temos muitos garotos, revelações da base, mas também atletas experientes como o Zeziel, o Cledir", disse Marajó.
Para Alberto Muller, que acompanhou a evolução dos jovens como treinador do ARF, o trio chega em condições de se firmar, tendo no currículo participações em torneios internacionais e títulos da Copa Atletas do Futuro.
Marabá concorda. "Acompanho o trabalho do ARF e lá vejo uma coisa rara no Pará: estrutura. Eles chegam com base e para ficar aqui vai depender apenas do rendimento deles. A Tuna quer resgatar sua verdadeira identidade, que é a de revelar atletas", explica.
Wilham, Airton e Guilherme devem estrear pela Tuna nesta quarta-feira, quando o time fará um jogo treino contra um combinado de atletas experientes, mas ainda não escolhidos. "Temos entrosamento e sabemos como um e outro joga. Sabíamos que a oportunidade ia chegar e agora é a hora de batalhar forte pelo nosso espaço", disse Wilham.
Jogadores como Preto Barcarena, que já atuou até na Europa, Djalma e Lino, que defendem Paysandu e Remo, também foram revelados pelo ARF.
fonte: Amazônia Hoje (20/11/12)

segunda-feira, 19 de novembro de 2012

Um pouco de história da Tuna Luso




 • Artigo • Tweetar • Compartilhar no Facebook


Campeonato Paraense 1991 - O juiz

“Os protestos contra o árbitro José Aparecido de Oliveira foram a tônica no vestiário da Tuna, após o jogo de ontem contra o Remo. O empate de zero a zero (a Tuna abandonou o jogo e por isso perdeu de 1 a 0) foi considerado vitorioso pelos cruzmaltinos, que achavam que o resultado já estava armado.
Como o resultado foi empate no tempo regular, a Tuna teve direito a 50% da renda do jogo. A diretoria vai premiar os jogadores, mesmo com a arbitragem dando a vitória ao Remo. A Federação Paraense de Futebol (FPF) tentou entregar o troféu de vice-campeã à Tuna, o que foi rejeitado pela diretoria tunante. A revolta dos jogadores e diretores era tão grande, que alguns chegaram a ameaçar de morte o árbitro José Aparecido. ‘Preto safado! Tu estás no bolso! Tu estás na gaveta! Ladrão! Tu não saíras vivo de Belém, seu ladrão’, gritava transtornado, o vice-de-futebol da Tuna Alírio Gonçalves.
O técnico Nélio Pereira também criticou a atuação do juiz, primeiramente pela expulsão de Zedivan. ‘O Rildon fez pior e não foi expulso’, criticou. Pereira, entretanto, perdeu a calma quando foi marcado o pênalti contra a Tuna. Ele disse que aceitou a ordem para que a Tuna não continuasse no jogo. ‘Sou o empregado do clube e ele (Mangini) é o presidente e está mandando’.
Fonte: O Liberal de 1º de dezembro de 1991.


  Artigo  Tweetar  Compartilhar no Facebook


O vice-campeonato de 1991

Ondino (atrás) disputa uma jogada com Gilmar (7) e Alencar (à esq.). Os remistas, desta vez, ganharam o duelo no meio-campo
“O Clube do Remo não precisou marcar gol na Tuna para conquistar o tricampeonato Estadual invicto - longe do Baenão desde 1979 -, ontem, no Mangueirão. Após o empate de 0 a 0 no tempo regulamentar, no início do primeiro tempo da prorrogação, o árbitro paulista José Aparecido de Oliveira marcou um pênalti em favor do Remo, numa jogada que Lamartine caiu dento da área, após ganhar uma dividida com Juninho. Os tunantes contestaram muito a marcação e catimbaram a cobrança. Cacu agrediu Papelin e terminou expulso juntamente com seu companheiro Carlão. O presidente da Tuna, Genésio Mangini, invadiu o campo e ordenou que seus jogadores não permitissem que o pênalti fosse cobrado. ‘Não fica no gol, sai, sai’, disse Genésio ao goleiro Altemir, que ficou em frente ao túnel da Tuna.
O árbitro José Aparecido deu o jogo por encerrado, após esperar cinco minutos, para que o goleiro Altemir voltasse ao gol, para a cobrança do pênalti. O Código Brasileiro Disciplinar de Futebol (CBDF) prevê a derrota de 1 a 0 para o time que abandona o campo.
Pepelin (5) se livra de Ageu, numa das muitas jogadas que ganhou no meio-campo.
A Tuna (…) só teve o domínio do jogo nos 10 primeiros minutos, dando a impressão que a história da partida passada se repetiria. Logo aos 2 minutos, Dema deixou Cabinho em condições de marcar, mas o centroavante da Lusa errou o chute. Em seguida, Mário Vigia cruzou da esquerda, Cabinho, novamente desmarcado, cabeceou raspando a trave.
Aos 14 minutos [do segundo tempo], Cabinho cruzou da direita. A defesa remista parou, obrigando Wagner arrancar do gol, para evitar que a bola fosse dominada por um adversário. Wagner voltou a fazer uma boa defesa num cruzamento de Dema, que alcançaria Cabinho, livre na pequena área. 
Fonte: A Província do Pará de 1º de dezembro de 1991.
O vice-campeonato de 1986Equipe da Tuna em 1986.

“Observou Fernando Oliveira [gerente de futebol da Tuna] que os problemas de contusão sofridos pelo zagueiro Paulo Guilherme e pelo lateral-direito Quaresma foram fatais. Depois - disse ele - as mortes do pai do Ondino e do pai de Clóvis contribuíram negativamente um melhor desempenho do time que se sentiu abalado psicologicamente pelas duas perdas instantâneas. E no jogo não estava previsto acontecer o que aconteceu com o Hidalgo e com o Jango que tiveram de deixar campo por contusão.

Segundo Fernando Oliveira o gol de abertura da vitória azulina pegou de surpresa a Tuna e garantiu ele que ‘se o Paulo Guilherme estivesse jogando aquele gol não sairia porque o Mesquita subiu para cabecear com o Belterra e ganhou a jogada que deu seqüência ao lance que terminou em gol. E se fosse o Paulo Guilherme que tivesse subido para cabecear com o Mesquita o jogador do Remo não pegaria na bola porque o zagueiro não ninguém ganhar dele numa disputa por alto como aquela”. 

Fonte: A Província do Pará de 19 de agosto de 1986
Extrato do Blog Memória Tunante

Torneio Mônica Rezende de Natação

foto: Blog Natação da Tuna

A Federação Paraense de Desportos Aquáticos promove, de 23 a 25 de novembro, o Troféu Mônica Rezende, no Parque Aquático da Uepa (na avenida João Paulo II). Inscrições e informações pelo e-mail fpda2006@yahoo.com.br. Nadadores devem se inscrever até amanhã. Segundo a presidência da FPDA, o torneio destina-se a não federados e todas as escolinhas de natação de Belém e interior podem participar.
fonte: Blog Gerson Nogueira e - Bola/DIÁRIO edição 19/11

domingo, 18 de novembro de 2012

Patrimônio sob proteção


Por Gerson Nogueira

Até demorou a cair a ficha, mas os deputados finalmente despertaram para a aflitiva situação dos clubes mais tradicionais do Estado. Tramita na Assembleia Legislativa um projeto de lei que declara Remo, Paissandu e Tuna patrimônios culturais de Natureza Imaterial do Estado do Pará. 
De autoria do deputado Raimundo Santos, líder do PEN, o projeto é um oportuno instrumento de proteção na medida em que impede que o patrimônio dos clubes seja vendido ou permutado.
Leia o restante da matéria ... http://blogdogersonnogueira.wordpress.com/
fonte: Blog do Gerson Nogueira

quinta-feira, 15 de novembro de 2012

"Garoto e Garota ATAT"


De acordo com informações recebidas da colaboradora Mara Lígia, repassamos aos interessados que no próximo dia 18 de novembro (domingo), acontecerá na sede social da Tuna Luso, o evento denominado como "Garoto e Garota ATAT", promovida pela associação em conjunto com o departamento social do clube. O evento começará às 12 horas e na ocasião será apresentada a bandeira oficial da ATAT. A idealização e coordenação do evento é da colaboradora Mara Lígia. Em breve retornaremos com fotos do acontecimento.
fonte: Mara Lígia

domingo, 11 de novembro de 2012

Utilidade pública


CMB: oposição promete boicotar votação


A direção da Câmara Municipal de Belém fará nova tentativa de votar o projeto de lei do vereador Gervásio Morgado (PR), que tenta liberar o limite de construções em todo o bairro do Souza até o Entroncamento da capital. A proposta que causou a movimentação de entidades da sociedade civil organizada será o primeiro item da pauta de amanhã, mas a oposição promete reação para barrar a matéria ou utilizar a estratégia de esvaziar o quorum, a fim de evitar a aprovação do PL Morgado, como já denominam o projeto. Os manifestantes contrários ao projeto também se articulam para lotar as galerias populares da CMB para pressionar os vereadores favoráveis e apoiar os parlamentares contrários.
O autor do projeto já tentou impor a pauta várias vezes, a última na quarta-feira, mas não conseguiu quorum suficiente para aprovar a matéria. Gervásio Morgado perdeu a eleição e tem até o dia 15 de dezembro para tentar aprovar o PL, que ele defende com unas e dentes e alega que é para desenvolver a cidade com construções comerciais e grandes prédios de moradias nas avenidas Almirante Barroso, João Paulo II, Tavares Bastos, Pedro Álvares Cabral e todo entorno. Mesmo sem nenhum estudo técnico, o vereador afirma que não vai piorar o clima e nem congestionar mais as vias da cidade, já estranguladas.
CENTRO HISTÓRICO
Na semana que passou outro projeto foi retirado de pauta pelo presidente da CMB, vereador Raimundo Castro (PTB). Castro propôs a alteração do modelo urbanístico do centro histórico de Belém, para liberar a expansão do shopping Pátio Belém, segundo explicou, após o projeto ter recebido críticas de entidades de defesa do patrimônio histórico de Belém. No início da semana, a CMB foi notificada pelo Ministério Público Federal, que enviou recomendação para retirada da matéria da pauta. No dia seguinte, o presidente da Câmararetirou o projeto para estudos técnicos.
GANÂNCIA
A especulação imobiliária desmedida tem sido apontada pelos urbanistas locais como a tônica dos dois projetos. Pior é que a maioria dos vereadores têm se mostrado favoráveis, mesmo com toda reação da sociedade. Porém, os opositores também estão estrategicamente atentos para derrubar o que chamam de excrescência. Marquinhos Silva e Otávio Pinheiro da bancada do PT admitem que a matéria é perniciosa para a cidade.
Pinheiro informa que amanhã os vereadores contrários à matéria vão esvaziar o quorum se perceberem que a bancada da situação estiver em maior número. São necessários 18 dos 35 vereadores presentes à sessão para que o quorum seja mantido para a votação. Portanto, se houver este número em plenário, é preciso que dez vereadores sejam contrários para rejeitar o PL Morgado. Se a soma for o contrário os opositores devem se retirar para não dar quorum. Mas os vereadores também informam que vão tentar mais uma vez retirar a matéria da pauta, que segundo eles, é a medida mais acertada.
Professora do curso de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Federal do Pará (UFPA) e membro do Conselho Internacional de Monumentos e Sítios Históricos/ICOMOS, Roseane Norat, explica o que pode ocorrer com a área da cidade para a qual o PL Morgado é direcionado. Ela esclarece que gabarito é o limite de altura máximo permitido para construção em determinada área. No caso da legislação municipal vigente, há apenas uma delimitação clara de altura na área do Centro Histórico de Belém - no núcleo originário da cidade nos bairros da Cidade Velha, Campina e Reduto, onde o gabarito é mais rigoroso entre 7 e 10 metros. Na área de entorno o gabarito varia entre 19 e 22 metros, como áreas mais novas do bairro Cidade Velha, parte de Batista Campos e Nazaré. Nas demais áreas da cidade, esse limite de altura se dá, explica a professora, pela relação da área do terreno e do coeficiente de aproveitamento da área. “De maneira simples podemos verificar que quanto maior o lote, maior a possibilidade de construir em altura nesses terrenos”, esclarece a urbanista sobre o PL Morgado.
O vereador propõe o modelo M16 à Zona de Ambiente Urbano ZAU6, Setor 3, Anexo X da Lei nº 8.655 de 30 de julho de 2008. A lei que foi aprovada, após um processo longo de audiências públicas, porém, Morgado que fazer alterações severas na zona referente ao Souza-Entroncamento, sem estudo, nem debate algum, mas que libera o modelo urbano severamente. Na verdade, afirma a professora, o vereador propõe aditar, criar os modelos M16 e M5, com novas possibilidades para construção nesse que é um dos mais importantes setores da cidade (ZAU 6, Setor 3).
Ela esclarece que primeiramente, o projeto não apresenta justificativa técnica para embasar a proposta. Hoje os modelos aplicados na área em questão voltados para o uso de comércio varejista, não permitem o uso de comércio atacadista e depósito e no caso para o uso habitacional multifamiliar, há permissão de compor com o uso de comércio varejista e serviços. “Se for permitido adotar o modelo M16 para a ZAU 6 - Setor 3 será permitida a instalação de empreendimentos que possuam área do lote igual ou superior a 1000m², não sendo estabelecida a área máxima do lote, podendo o empreendedor construir a mais, até três vezes a área do lote”, alerta Roseane Norat.
A arquiteta e urbanista também afirma que não havendo delimitação da área máxima do lote, surge a expressão que tem se ouvido comumente “o céu é o limite”, algumas vezes de forma preocupada e outras de forma pejorativa.
Outra questão, segundo a professora, são os empreendimentos classificados como Polos Geradores de Tráfego (PGT’s), que se configuram como de grande porte, pois atraem ou produzem grande número de viagens, causando reflexos negativos na circulação viária em seu entorno imediato. Como consequência direta podem comprometer a acessibilidade não só da área próxima ao empreendimento, mas em toda a região, o que pode agravar a trafegabilidade e mobilidade tanto de veículos, públicos e privados, como de demais motociclistas, ciclistas e pedestres. “O arquivamento é a melhor medida”, defende a professora. Ela complementa que uma cidade como Belém, às vésperas de completar 400 anos, merece melhor tratamento e comprometimento por parte do poder público, legislativo e executivo, aliado à sociedade, na busca de um crescimento e desenvolvimento com qualidade e compromisso com seus cidadãos.
(Diário do Pará)

Tabela de datas da Peneirada Cruzmaltina


quinta-feira, 8 de novembro de 2012

Tragédia com 96 mortos que mudou o futebol na Inglaterra completa 20 anos

Vejam o desastre que aconteceu num estádio da Inglaterra por total falta de planejamento, treinamento e descaso com a coisa pública. Qualquer semelhança por aqui poderá se mera coincidência!  


Bradford (Inglaterra)Em 1985, a arquibancada de madeira do estadio pegou fogo por causa de um toco de cigarro em um copo de isopor. O fogo se alastrou e incendiou todo o estádio. Não havia bombeiros no lugar, a partida foi interrompida e 56 pessoas inocentes saíram mortas do stádio.


 

fonte:  http://espn.estadao.com.br/post/251635_VIDEO%20HA%2023%20ANOS%2096%20MORTOS%20ANTES%20INCENDIO%20MATOU%2056%20EM%20ESTADIO%20VEJA
http://globoesporte.globo.com/Esportes/foto/0,,20417367-EX,00.jpg

quarta-feira, 7 de novembro de 2012

O primeiro título estadual da Tuna Luso no Mangueirão

Recordar é viver!

Resumo do Concurso Rainha das Rainhas do Carnaval Paraense, a partir de 1974.

 

1973 - SANDRA GIL PADRÃO conquistou em 73 a única coroa para a Tuna Luso. A fantasia "My Fair Lady" lembrava a figura famosa do mais badalado musical do teatro norte americano. Foi assistindo ao filme que a estilista Nilza Silva se inspirou para fazer a fantasia de Sandra. Dona Nilza usou 170 metros de filó azul e 35 plumas no chapéu. A 2ª colocada, Laurilene Teixeira, é filha de uma ex-Rainha, Brigitte Teixeira, de 1949.

Saibam todas as vencedoras do Concurso Rainha das Rainhas do Carnaval Paraense, entre 1949  e 2007.
fonte:
http://www.skyscrapercity.com/showthread.php?t=571646&page=3
http://www.youtube.com/watch?feature=endscreen&v=qqE6WSJm12Y&NR=1

Tuna Luso realiza peneira para jovens Sub-20

FUNK DA TUNA LUSO, POR MC ZÉ DA RIMA

Para  escutar apenas a música do funk (YOU  TUBE), desabilite o som do MIXPOD.COM, que toca música neste blog, localizado ao lado, abaixo da janela LINKS.

segunda-feira, 5 de novembro de 2012

Tuna Luso feminina Campeã do 1º Turno 2012

Será que também no feminino os torcedores cruzmaltinos terão que sofrer até o último minuto? Pois bem, aconteceu neste domingo! A Tuna Luso Brasileira, jogando no Souza, conseguiu bater o bom time da Esmac pelo placar de 1 a 0, isso aos 41 minutos do segundo tempo!  Com a vitória, as meninas cruzmaltinas conquistaram o título do Primeiro Turno do Campeonato Paraense de Futebol Feminino 2012. O gol salvador foi marcado pela atacante Cris, que só entrou no segundo tempo do jogo, e que também havia marcado o gol do título do campeonato de 2011.

Time feminino da Tuna Luso, Campeão do Primeiro Tunro do Campeonato Paraense de Futebol 2012.

A partida teve início às 8h:30m, sob um forte sol de beirou os 40º na manhã deste domingo (04), que forçou o árbitro da partida a paralisar o jogo na primeira e na segunda etapa para refrescar as atletas.
Aos 30 minutos do segundo tempo, a técnica Aline substituiu a atacante Leila e colocou em seu lugar a jogadora Cris. Com a substituição, a Tuna melhorou e foi para cima da Esmac. O gol salvador que deu o título de campeã à Tuna só veio aos 41 minutos, através de Cris. Daí em diante foi só alegria e festa entre as tunantes.

A Tuna Luso feminina venceu com o futebol de: Rosane; Kekê, Driele. Elaine e Raquel. Talita, Lause, Tunejo (Danila), Cássia, Cíntia e Leila (Cris). A torcida da Tuna tomou conta do gramado e comemorou o título com as campeãs.
Parabéns para as campeãs!

sábado, 3 de novembro de 2012

Café da manhã para garagem náutica

Estivemos na manhã deste sábado (03/11) na garagem náutica da Tuna Luso, ocasião em que entregamos nas mãos do técnico "Lindão" e da "Tia Maria" suprimento alimentar para o café da manhã dos atletas (café, açucar, leite em pó e aveia) suficiente para o período de 30 dias. A doação desse material foi feita pelo colaborador Jaime Eiras, ex diretor e associado do clube,  que atualmente reside no Rio de Janeiro mas que mensalmente envia sua contribuição para ajudar seu clube do coração. Informamos também que a padaria 16 de Novembro, do amigo Mário, continua doando cerca de 40 pães diariamente, desde 2009, para a garagem náutica da Tuna.
Agradecemos aos amigos Jaime Eiras e Mário por tão importante colaboração! 

quinta-feira, 1 de novembro de 2012

Senador faz denúncia de corrupção no futebol paraense

Mário Couto pede agilidade na investigação de parlamentares e de corrupção no futebol paraense

Corrupção no futebol

Em outro pronunciamento, o senador Mário Couto denunciou a corrupção em estágio avançado que acomete a direção do futebol no Estado do Pará. Segundo Mário Couto, a Federação Paraense de Futebol é dominada há 12 anos por um esquema corrupto liderado por seu presidente, Coronel Nunes.
“Meu estado é um dos mais respeitados na formação de craques, meu estado já serviu à pátria com vários craques. Mas a Federação de Futebol tem no seu presidente um ditador, tem no seu presidente um incompetente e irresponsável, um ex-coronel reformado da PM do Pará, que há 12 anos está no comando desta Federação. Um ditador que se impõe pela força, um ditador que não mostra a arrecadação da entidade, um ditador corrupto. Eu já tenho documentos para mostrar à torcida paraense os atos corruptos deste presidente”, disse o senador.
Mário Couto fez no Plenário um apelo para que a CBF tome providências em relação ao comando da Federação. “Eu vou contar ao Estado e à Nação a história do comando da Federação Paraense de Futebol. E que a CBF tome providências, porque são providências necessárias para o bom andamento e para o crescimento do futebol paraense. O segundo capítulo dessa história eu vou contar na próxima quarta-feira. Vou falar sobre a história do Coronel Nunes, o presidente corrupto da Federação Paraense”, completou. 
Patrícia Mazzilli – Assessoria de Comunicação da Liderança do PSDB no Senado