quinta-feira, 25 de agosto de 2011

Tuna derrota Atenas e avança à segunda fase

Copa do Brasil de Futebol Feminino



A Tuna Luso Brasileira derrotou na tarde desta quinta-feira (25), a equipe do Atenas-TO pelo placar de 3 a 1, em partida realizada no estádio Francisco Vasques (Souza).

Os gols da “Elite do Norte” foram marcados através de Cássia (pênalti) aos 30 minutos do primeiro tempo e Keké aos 2 minutos e Cintia aos 32 minutos da etapa final. Pelo time tocantinense descontou a jogadora Raissa aos 25 minutos da etapa final, aproveitando uma falha do sistema defensivo cruzmaltino.
Foto DOL.


Dois pênaltis desperdiçados!

A Tuna ainda teve a chance de ter vencido por um placar mais elástico, já que a jogadora Val desperdiçou dois pênaltis seguidos no segundo tempo. No primeiro aos 34 minutos, ela acertou o travessão, e no segundo aos 35 minutos, ela bateu direto para fora.

Foto divulgação.
Próximos jogos

Na próxima fase (2ª), o time paraense irá enfrentar o Iranduba (AM), que eliminou na sua chave o São Raimundo (RR) no jogo de ida em Boa Vista-RR, pelo placar de 5 a 1.


Segundo jogo será no Souza

Para a segunda fase da Copa do Brasil, já esta definido que o primeiro jogo será no estádio Roberto Simonsen em Manaus (AM) no dia 01/09 (quinta-feira) e o segundo no estádio do Souza em Belém no dia 08/09, já que segundo o regulamento da competição, o mando de campo no jogo de volta pertencerá a equipe cuja federação afiliada esteja em melhor situação no Ranking anual das Federações. A Federação Paraense ocupa a 11ª colocação e a Amazonense esta na 18ª posição.

fonte: Adilson Brasil – Rádio Clube

Um comentário:

  1. Foi muito bom classificar, mas é bom treinar mais a cobrança de penaltis e de faltas. De repente surge um penlati decisivo e aí? Não podemos fazer como o Brasil diante do Paraguai na Copa América. Às vezes o time joga bem, mas não consegue fazer um gol até que vem o penalti. Se desperdiçar pode faltar depois! Há tempo para treinar. Se for nervosismo, a técnica tem que conversar para as principais jogadoras que batem penalti baterem com tranquilidade, sem tanta ansiedade. Um abraço cruzmaltino. Márcio Rodrigues

    ResponderExcluir