sábado, 23 de julho de 2011

CBF divulga datas da Copa do Brasil de futebol feminino


A Copa do Brasil de Futebol Feminino é uma competição promovida pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF), e considerado o maior campeonato de futebol feminino do país. 

História
Com o sucesso do futebol feminino nos Jogos Olímpicos de Verão de 2004, onde o Brasil conquistou a medalha de prata, nos Jogos Pan-americanos de 2007, realizados no Rio de  Janeiro, onde a seleção foi campeã, e o vice-campeonato na Copa do Mundo de  2007 realizada na China, fez que a CBF finalmente voltasse a organizar uma competição de nível nacional - antes houve a Taça Brasil (de 1983 a 1993) e o Campeonato Nacional (de 1997 a
2001). 
A primeira copa do Brasil de futebol feminino teve início no dia 30 de outubro e terminou no dia 9 de dezembro de 2007, uma semana após o fim do Campeonato Brasileiro de 2007, isso foi feito para dar mais visibilidade ao campeonato, segundo a CBF.

A Copa do Brasil deverá ter início no próximo dia 18 de agosto, segundo divulgou a diretoria de competições da entidade, através de documento enviado para todas as federações, que tiveram até o dia 15 de julho para informar à entidade quais equipes representarão seus estados na competição. A Copa do Brasil contará com a participação de 32 times. 

As partidas de ida da primeira fase, dia 18 de agosto,  terão 32 clubes. A volta acontecerá no dia 25 do mesmo mês. A equipe que conquistar o título, também garantirá vaga na Taça Libertadores da modalidade do próximo ano.

Tuna Luso feminina (esq.), campeã paraense de 2011

representante do Pará na Copa do Brasil de futebol feminino de 2011 será a Tuna Luso Brasileira, por ter sido campeã do campeonato estadual deste ano.


Datas dos jogos
1ª FASE: 18/08 A 25/08 (32 CLUBES) 
2ª FASE: 01/09 A 08/09 (16 CLUBES) 
3ª FASE: 15/09 A 22/09 (08 CLUBES) 
SEMIFINAL: 03/11 A 10/11 (04 CLUBES) 
FINAL: 17/11 E 24/11 (02 CLUBES) 

Calendário 2012
Por decisão da CBF, a partir de 2012, a Copa do Brasil de futebol feminino será realizada nos meses de março/abril/maio, com a finalidade de fujir dos períodos de competições realizadas pela FIFA e pela CONMEBOL. 

fonte: CBF e Wikipedia

quarta-feira, 20 de julho de 2011

Como será o futuro da Tuna Luso feminina?

Passada a euforia da bela e inédita conquista das meninas cruzmaltinas, ao sagrarem-se no último domingo (10) campeãs (pela primeira vez) do campeonato paraense de futebol feminino 2011, pergunta-se agora como será o futuro da Tuna Luso feminia? Sim, porque agora elas ganharam o diereito de disputar a Copa do Brasil de 2011 mas para isso precisarão de ajuda para aquisição de materiais diversos de treinamento e para auxílio do deslocamento e estadia durante a copa. A CBF deve dar alguma ajuda de custo para as equipes que disputarão a Copa do Brasil mas isso ainda não tem uma data marcada. Enquanto isso, elas precisarão tocar a vida e treinar muito para fazer uma boa campanha. 
Título conquistado com merecimento, após quatro anos de muito trabalho.

Já que o futebol masculino não vai bem das pernas, há alguns anos, que tal ver as belas pernas das nossas brilhantes meninas cruzmaltinas?

domingo, 17 de julho de 2011

TUNA LUSO FEMININA É CAMPEÃ PARAENSE DE 2011

A brilhante equipe de futebol feminino da Tuna Luso Brasileira tornou-se neste domingo (17) campeã paraense de 2011, após vencer o Cruz Azul pelo placar de 1 a 0. A onzena de Aline Costa, técnica da Tuna, já havia vencido o primeiro turno e com a conquista de hoje, finalmente conseguiu o tão sonhado título, perseguido há pelo menos três anos. Esse resultado dá para a Tuna Luso o direito de disputar a Copa do Brasil de 2011.
O jogo aconteceu pela manhã, no estádio do Baenão. Logo após o jogo, a treinadora Aline Costa, acompanhada de sua comissão técnica e demais jogadoras, choraram muito pela grande conquista alcançada. As campeãs seguiram para a sede do clube, na Almirante Barroso, onde aproveitaram para festejar junto de associados e torcedores. Foi a primeira vez que a Tuna Luso conquistou esse título.
Parabéns para todos que de alguma forma ajudaram o futebol feminino a conseguir essa grande conquista!

FICHA TÉCNICA
Tuna Luso 1x0 Cruz azul
Local: Estádio Evandro Almeida (Baenão)
Árbitro: Marcelo Silva Ramos
Assistentes: João Paulo Loyola e José Raimundo
Regra Três; Hislene de Lima Gomes
Gol: Cristiane, aos 11 minutos do1º Tempo.

TUNA LUSO: Rosany, Denise, Driely, Helayne e Raquel (Larissa); Talita, Cintia, Anne (Leila) e Lauze; Cássia (Natasha) e Cristiane.
CRUZ AZUL: Paula, Natália (Tharcila), Jéssica, Rafa e Flávia (Morena); Marilda (Dayane), Claudiene, Ana Paula e Val e Nayara (Priscila).

Sugestão de uniforme novo para a Tuna Luso Brasileira

Navegando pela internet, descobri uma interessante sugestão de um uniforme novo para a Tuna Luso Brasileira.
O endereço visitado foi:
http://2.bp.blogspot.com/-vbXYSjNRgEo/TXer0LrsiaI/AAAAAAAAAcw/ERALu2Eceag/s1600/Tuna.JPG 
A sugestão segue abaixo:

Tuna Luso - Belém (PA) - Brasil

O que os amigos e amigas acharam?

sábado, 16 de julho de 2011

Exemplo de dedicação e superação.

TV Cultura do Pará e RBA visitam academia Dom Quixote

Em função do excelente desempenho dos quatro atletas da academia Dom Quixote e dos judocas de outras academias do Pará que também participaram e contribuiram para bem representar o estado na VII Copa Minas de Judô, as televisões Cultura do Pará e RBA estiveram nesta quinta-feira (14) na academia Dom Quixote para realizar matéria sobre o assunto com o Sensei Anderson, titular da Dom Quixote, e com os judocas presentes.

Por motivo de viagem, os atletas Raquel Castro (ouro no sub-15 até 44kg) e Zé Neto (ouro no sub-15 até 40kg), não estiveram presentes para dar entrevistas. As televisões entrevistaram os judocas da Dom quixote, Fábio Furtado (prata no sub-15 até 54kg) e Victória Letícia (prata no sub-15 até 58kg). Também foi entrevistado o Sensei Gilberto, titular da SEJEL, acompanhado de suas atletas Camila Kethelen (medalha de ouro no pré-juvenil sub-15) e Ana Beatriz (medalha de ouro no infanto-juvenil sub-13), que também participaram e ganharam medalhas de ouro em suas categorias. O presidente a Federação Paraense de Judô, Sr. Luiz Eduardo Pinho, também esteve presente para prestigiar a academia e os atletas envolvidos.
Todos estão de parabéns pela brilhante conquista na VII Copa Minas de Judô 2011.

Mais detalhes sobre os judocas vencedores, acesse o link: http://blogdomquixote.blogspot.com/

sexta-feira, 15 de julho de 2011

TV Cultura do Pará e RBA visitam academia Dom Quixote

Em função do excelente desempenho dos quatro atletas da academia Dom Quixote e dos judocas de outras academias do Pará que também participaram e contribuiram para bem representar o estado na VII Copa Minas de Judô, as televisões Cultura do Pará e RBA estiveram nesta quinta-feira (14) na academia Dom Quixote para realizar matéria sobre o assunto com o Sensei Anderson, titular da Dom Quixote, e com os judocas presentes.


Por motivo de viagem, os atletas Raquel Castro (ouro no sub-15 até 44kg) e Zé Neto (ouro no sub-15 até 40kg), não estiveram presentes para dar entrevistas. As televisões entrevistaram os judocas da Dom quixote, Fábio Furtado (prata no sub-15 até 54kg) e Victória Letícia (prata no sub-15 até 58kg). Também foi entrevistado o Sensei Gilberto, titular da SEJEL, acompanhado de suas atletas Camila Kethelen (medalha de ouro no pré-juvenil sub-15) e Ana Beatriz (medalha de ouro no infanto-juvenil sub-13), que também participaram e ganharam medalhas de ouro em suas categorias. O presidente a Federação Paraense de Judô, Sr. Luiz Eduardo Pinho, também esteve presente para prestigiar a academia e os atletas envolvidos.
Todos estão de parabéns pela brilhante conquista na VII Copa minas de Judô 2011.

quinta-feira, 14 de julho de 2011

TRY OUT DO TUNA TITANS

Tuna Luso feminina perto do título de 2011

A Tuna Luso feminina está bem próximo de alcançar seu primeiro título de futebol. 
As meninas da Tuna Luso Brasileira venceram bem no último domingo (10)  o forte
time do Pinheirense pelo placar de 3 a 0, com gols de Cássia (2) e Cris. A onzena
cruzmaltina, comandada por Aline Costa, enfrenta o Cruz Azul neste domingo e 
caso vença o jogo, será campeã do 2º turno e do campeonato. A treinadora Aline
Costa deve colocar em campo a sua força máxima. 
O diretor de esportes amadores, Sr. Charles Tuma, tentou trazer a partida para  o
estádio do Souza, mas não foi possível. A FPF deve então definir o local da partida, 
que poderá ser no Baenão ou Campo da Seju. 
De qualquer forma, a partida é decisiva e poderá trazer o primeiro título de futebol
feminino pra Tuna Luso. 
Desejamos muita sorte pras meninas!

segunda-feira, 11 de julho de 2011

Dom Quixote é 3º lugar geral no sub-15 da VII Copa Minas de Judô

Atletas da Dom Quixote comemorando a conquista do troféu de 3º lugar geral.

Os quatro atletas de judô (Fabio, Raquel, Victória Letícia e Zé Neto) que representaram a Academia Dom Quixote, de Belém do Pará, na VII Copa Minas Tênis Clube de Judô, realizada nos dias 09 e 10 de julho, na Arena VIVO, do Minas Tênis Clube, em Belo Horizonte, trouxeram uma feliz notícia para todos que fazem a academia.


Raquel Castro e Victória Letícia, antes de suas lutas.

Além das conquistas pessoais dos quatro atletas, a academia também foi premiada no final da competição com o troféu de 3º lugar geral da categoria sub-15 em função dos dois primeiros lugares (medalha de ouro) conquistados por Raquel Castro e Zé Neto, e dos dois segundo lugares (medalha de prata) conquistados por Victória Letícia e Fábio.


Fábio ganhou medalha de prata na categoria sub-15 até 64kg, ao lado de seu pai. 

O primeiro lugar geral da categoria sub-15 ficou com o Palmeiras-SP, enquanto que o segundo ficou com o Judô Brasil Vale Ouro-RJ, cabendo o terceiro lugar para a academia Dom Quixote. Clubes e associações importantes de todo o Brasil, com mais estrutura e muitos atletas, participaram da VII Copa Minas. 


Victória Letícia (medalha de prata no sub-15 até 58kg), ao lado das judocas que também medalharam na categoria.

Clubes como Fluminense-RJ, Corinthians-SP, Pinheiros-SP, Associação de Judô Mauá-SP, Sogipa, Minas Tênis Clube-MG, Colégio Santo Agostinho, etc, estavam presentes na copa. Outras academias do Pará também estiveram na copa. Pará Clube, ASFAM, IFPA (conquistou uma medalha de bronze no sub-15) e SEJEL, do esforçado professor Gilberto (conquistou duas medalhas de ouro no sub-15).


Zé Neto ganhou medalha de ouro na categoria sub-15 até 40kg.

A VII Copa Minas Tênis Clube de Judô bateu todos os recordes de números de participantes no evento. O torneio, considerado o maior torneio independente de judô do país, reuniu 1.527 judocas de todo o Brasil, representando 104 instituições esportivas de 20 Estados brasileiros, desde a categoria mirim até a sênior.
A delegação paraense teve judocas entre 11 e 20 anos, de oito associações de judô do estado. O nível da copa é muito elevado e alguns especialistas consideram até que é superior ao campeonato brasileiro, previsto para ser realizado em agosto, na cidade de Aracaju-SE.


Raquel Castro foi a campeã da categoria sub-15 até 44kg.

A competição iniciou no sábado (09) com as categorias do festival mirim, seguido do sub-20, sub-20 por equipe, sub-13 e sub-15. No domingo (10) a competição continuou com as categorias sub-17 e Senior.


Detalhes do interior da belíssima Arena VIVO, do Minas Tênis Clube.

Os atletas que participaram da copa representando suas academias e o estado do Pará estão de parabéns pela bela conquista.


Valeu turma!

P.S.
A atleta Victória Letícia é filha de Gerardo Von, associado e Conselheiro da Tuna Luso

sexta-feira, 8 de julho de 2011

Tuna Luso Campeã Paraense 1970

Campeões de 1970

"Inegavelmente foi o clube cruzmaltino quem apresentou a melhor equipe do campeonato do ano passado. Trabalho organizado de dois anos, agora surge aos olhos de todos, mesmo perante aqueles que não acreditavam no jovem plantel tunante, inclusive dentro da própria Tuna. Antonio Fidalgo, Raimundinho Fidalgo, Cláudio Arouca e Aloísio Brasil tiveram que lutar para chegar com sucesso ao final do campeonato de 1970, isso depois de 12 anos afastado do centro.

Tecnicamente, o panorama da partida não foi dos melhores. Comum, aliás, nos grandes clássicos do futebol. O onze cruzmaltino jogou certo, cuidando principalmente mais no setor defensivo, mas, inegavelmente, com muito mais presença dentro do gramado, no que tange o conjunto. Dentro desse sistema, a Tuna chegou ao final com excelente vitória.

Sem desmerecer ao grande triunfo da Tuna, o time do Paissandu não tinha condições de vencer a partida. Sem sistema, jogando sob esforço individual, o quadro do Paissandu esteve perdido dentro gramado. Até nas substituições os bicolores andaram indecisos, prova de que não havia comando tranqüilo fora do gramado. Quando saiu Carlinhos (deixou o campo contundido), até Jorge Costa recuou para zagueiro de área.

O único tento do jogo foi marcado aos 42 minutos do segundo tempo, falha de Paulo Tavares e Arlindo. Houve uma jogada junto a linha de fundo bicolor. Dominando o couro, o lateral do Paissandu virou-se entregando a bola ao goleiro Arlindo. Mas o guardião bicolor havia saído do arco. O couro passou então livre frente a meta do Paissandu, para entrada rápida de Gonzaga.

Arbitragem excelente de Manoel Amaro, renda Cr$ 42.400. Os times formaram assim: TUNA - Omar; Marinho, Abel, Carvalho e Acari; Antenor e Waltinho; Fefeu, Mesquita, Leônidas (Nilson) e Gonzaga.
PAISSANDU - Arlindo; Paulo Tavares (Beto), Osmani, Joaquim e Carlinhos (Paulo Tavares); Beto (Tito) e Quarenta; Mário (Amaral), Jorge Cota, Bené e Vila".

Os destaques do jogo

Omar: firme. Defendeu um tiro de Vila no segundo tempo que valeu o o ingresso.
Marinho: um pouco fora de sua característica de apoiar, teve altos e baixos.                         Abel: fazendo valer a sua experiência. Foi um grande capitão esteve em campo. Saiu no segundo tempo contundido.                                                                                                                                  Carvalho: firmesa e noção de cobertura dentro do sistema tunante.Acari: atuação tranqüila. O Paissandu jogou praticamente sem extrema direita.                                                                   Antenor: firme como líbero, fracassando no entanto no momento de apoio.                                                                                                   Waltinho: mesmo sacrificado em marcar Quarenta, foi um dos melhores da peleja.                      Fefeu: sem reeditar atuações do campeonato.                                                                                  Mesquita: outro sacrificado em marcar o meio de campo do Paissandu, pouco lançou.               Leônidas: apagado frente a zaga do Paissandu.                                                                Gozanga: mais armador do que extrema, teve no entanto o mérito de marcar o único goal da partida.                                                                                                                                            Nilson: entrou no lugar de Leônidas, andou fazendo boas jogadas.

Matéria postada inicialmente no blog Memória Tunante
https://picasaweb.google.com/lh/photo/1Yk2lofwJjZPxecYSGLEl_kWYlYvCbNAAxCJh--KxME?feat=embedwebsite
Fonte: Folha Vespertina de 22 de março de 1971.  

terça-feira, 5 de julho de 2011

AÇÃO ENTRE AMIGOS

Victória Letícia (dir.) e Raquel Castro (esq.), disputarão a VII Copa  Minas Tenis Clube.

Considerando a proximidade da VII COPA MINAS TENIS CLUBE DE JUDÔ, a ser realizada entre os dias 09 e 10 de julho, na cidade de Belo Horizonte, os atletas de judô do Pará estão se preparando para viajar e representar o estado. Diversas academias enviarão seus atletas para participarem deste evento por valer pontos pelo ranking estadual e visando usar a copa como treinamento para o campeonato brasileiro sub-15 previsto para agosoto. A academia Dom Quixote também se fará presente na copa através da participação dos atletas Victória Letícia (sub-15), Raquel Castro (sub-15), Fábio (sub-15) e Zé Neto (sub-15).
Devido o período do ano e da temporada de férias, os atletas paraenses vem enfrentando o grave problema dos altos custos de passagens de Belém para a capital mineira, além dos salgados preços de hospedagem. De qualquer forma os pais desses atletas estão se esforçando para enviar seus filhos e acompanhá-los na viagem. Muitos pais estão se virando como podem para arrecadar recursos, tanto que alguns estão realizando rifas para aliviar um pouco a pesada despesa. 
A atleta Victória Letícia, filha do associados Gerardo Von, está divulgando uma rifa de um PROCESSADOR DE FRUTAS, doado pelo amigo Mário Mangas da Eletrônica Solar, tendo o custo de R$5,00 cada cartela (com 4 números) que correrá no dia 28 de agosto, pela Loteria Federal (contatos 8882-1119 Gerardo). Assim também está procedendo a atleta Raquel Castro que divulga a rifa de um ANEL DE OURO ao preço de R$5,00, para ajudar nas suas despesas de viagem (contatos: 8858-6177 Marcia) . Outros atletas também estão usando esse recurso para poderem arrecadar fundos e assim viajarem para BH.
Desejamos sorte aos dedicados atletas de judô do Pará, que consigam arrecadar recursos e que tenham sucesso na competição.