BLOG TUNANTE

quinta-feira, 31 de março de 2011

Espaço MUC

muc2007 | HOMENAGEM DA DIRETORIA A NÓS DA "MUC"
No próximo domingo (03), por ocasião do jogo entre Tuna Luso e Águia de Marabá, no Francisco Vasquez,  deve acontecer a inauguração do novo espaço MUC, localizado no interior da sede da Tuna Luso. 
O espaço MUC é uma iniciativa da torcida organizada Movimento Uniformizado Cruzmaltino, presidida comandada pelo amigo Rogério, onde o visitante poderá conhecer um pouco mais da história da Tuna e de alguns de seus ídolos que ficaram marcaram a história do clube.
Endereço do flogão da MUC na internet:
http://www.flogao.com.br/muc2007 
Participe deste momento e prestigie o espaço da MUC no próximo domingo. 

Seja Sócio da Tuna Luso Brasileira


Desfrute de um clube com uma belíssima área de lazer com um parque social completo e o melhor, bem pertinho de você. Seja sócio e tenha descontos no salão de festas, na academia e nas escolinhas esportivas.
Para se credenciar basta apresentar na secretaria do clube cópia do RG, CPF, comprovante de residência e três fotos 3x4. O investimento é de R$ 600 que pode ser dividido em até três vezes.
Para mais informações:
Av. Almirante Barroso, nº: 4110 
Belém - Pará - Brasil
Telefone: 091 3219-2805
e-MAIL: tunalusobrasileira@yahoo.com.br

Bolas novas da Nike para treino da Tuna Luso

Bola Kike doada para futebol profissional
O técnico Flávio Goiano, da Tuna Luso, fez a solicitação e os colaboradores da ATAT prontamente atenderam e providenciaram a aquisição de cinco bolas novas da marca Nike para dar andamento aos treinamentos do time profissional visando o jogo do próximo domingo (03) contra o Águia de Marabá., no Francisco Vasquez. 
Flávio Goiano, técnico da Tuna Luso, apoiado e sempre atendido pela ATAT.

O Sr. João Araujo, presidente da ATAT, fez a entrega das bolas ao técnico Flávio Goiano nesta quinta-feira (31). Agradecemos aos colaboradores Matheus (ex-goleiro da Tuna) e Sr. Júlio, que doaram os numerários para aquisição as cinco bolas novas solicitadas por Flávio Goiano.

Tuna quer jogo em casa

No que depender da Tuna, o clássico do dia 17 de abril, contra o Paysandu, valendo pela terceira rodada do returno do Paraense, será disputado no estádio Francisco Vasques. A partida, pela tabela da competição, está prevista inicialmente para o Mangueirão. Todavia, ontem, o presidente da Lusa, Fabiano Bastos entrou com documento na Federação Paraense de Futebol (FPF) solicitando a transferência do jogo para o estádio tunante. O dirigente também pediu à comissão de arbitragem da entidade que não coloque mais em sorteio para os jogos do time o nome do árbitro Delson Fernandes Freitas, que, na opinião do dirigente, prejudicou os cruzmaltinos no jogo contra o Cametá, valendo pela Taça Cidade de Belém.
O dirigente salientou em entrevista, no Souza, que o mando de campo do clássico pertence à Lusa e, portanto, o time pode jogar em seu próprio estádio. Ele justificou sua decisão tomando como referência os jogos de Remo e Paysandu em estádios das mesmas dimensões no interior do Estado. "Eles (azulinos e bicolores) jogam em Cametá e Marabá, que têm estádios parecidos com o nosso, e não reclamam nada", declarou. Na avaliação de Bastos, o estádio do Souza oferece até mais condições do que o "Orfelino Martins" e o "Zinho de Oliveira".
Bastos informou que, pela vistoria feita no Souza por órgãos de segurança, o estádio possui capacidade para receber até cinco mil pessoas. "A faixa de público num clássico como esse, contra o Paysandu, deve ser a capacidade de público do nosso estádio", previu. "Se houver prejuízo, ele será nosso, que somos o dono do mando de campo", completou. Na partida do dia 3 de fevereiro, contra o mesmo Paysandu, só que na Curuzu, o público pagante foi de 6.772, com a renda, deduzidas as despesas, ficando toda para os bicolores, conforme acordo firmado entre os clubes.
"Sem preparo" - Com relação a "queima" de Delson Fernandes Freitas, o presidente alegou que o árbitro deixou de marcar um pênalti em favor da Lusa, no jogo contra o Cametá. "O lance foi simplesmete escandaloso", afirmou. "Se ele tivesse tido a coragem de marcar, a nossa equipe teria chegado às semifinais do turno", declarou. O dirigente afirmou que, com a exclusão do time da penúltima fase do turno, a Lusa amargou um prejuízo de cerca de R$ 200 mil. "Não podemos aceitar que um árbitro sem preparo, como é o caso desse, chegue e prejudique nosso clube, que luta com dificuldades", disparou. Junto com o pedido para a não inclusão de Delson Fernandes na lista de sorteio, o presidente entregou à direção da comissão de árbitros um DVD com imagem do lance do suposto pênalti não marcado e outros erros que teriam sido cometidos pelo árbitro.
fonte: Amazônia Jornal - edição 31/03/2011

quarta-feira, 30 de março de 2011

“Risco de morte do jogador é zero”, diz médico que cuida de André Barata

Em entrevista coletiva realizada nesta terça-feira (29), no hospital Barros Barreto, o médico Daniel Monteiro falou sobre o estado atual do jogador André Barata, que ainda encontra-se internado no centro de tratamento intensivo do hospital. De acordo com o médico, o paciente está reagindo bem ao tratamento e ainda esta semana deverá ser transferido para a enfermaria.

médico Daniel Monteiro falou sobre o estado atual do jogador André Barata

“Ele está consciente e reconhece as pessoas. Fizeram perguntas e ele soube responder como, por exemplo, qual é o seu nome, time que ele joga, o clube que ele defende. Todas as perguntas foram respondidos pelo atleta. O risco de morte do jogador é zero. Ele está sem aparelhos mas ainda está no CTI", afirmou o médico.

André Barata ainda não tem data prevista para ter alta e ainda não se pode afirmar se ele terá ou não seqüelas. De acordo com declarações do médico, a saída do hospital irá depender muito do tratamento e da resposta do atleta. Quanto ao risco de seqüelas, Monteiro afirmou que não há o risco imediato e que somente no futuro, quando a doença curar é que será possível perceber.

Quando questionado da duração do tratamento, o médico foi enfático em dizer que dependerá muito do organismo do paciente, e que por se tratar de um atleta as expectativas são bem maiores para uma melhor recuperação. “Tudo dependerá da manifestação do paciente. Se nos próximos dias for de estado estável, ele sairá do CTI. Quanto a sua recuperação dependerá muito da idade e do organismo. O fato dele ser atleta pode colaborar na sua recuperação diretamente. Ele está quatro dias no hospital  e já teve uma boa melhora”, afirmou o médico.

Diretoria, companheiros de equipe, da comissão técnica, torcedores e admiradores torcem para a recuperação de André Barata e todos pensam numa forma de homenageá-lo na partida de domingo (03), no jogo contra o Águia de Marabá, que será disputado no Souza às 9h30.
Força André Barata.
fonte: Blog Oficial da Tuna

Beto Belém homenageia André Barata


Amigo do meia André Barata, o jogador paraense Beto Belém, que atua no Persijap, da Indonésia, fez uma homenagem ao atleta tunante

 

foto: reprodução
Amigo do meia André Barata, o jogador paraense Beto Belém, que atua no Persijap, da Indonésia, fez uma homenagem ao atleta tunante, que está internado na capital paraense com meningite bacteriana. Na comemoração dos seus dois gols em partida contra o Persija, Beto usou uma camisa com a frase “André Barata, Força - Deus está com você”.

Da Ásia, o jogador acompanha com apreensão notícias sobre o estado de saúde do amigo. “Tenha fé em Deus. Ele está sempre do nosso lado. Com o André não vai ser diferente. Ele vai sair dessa porque é uma ótima pessoa e um grande amigo. Força aos familiares do André. O que eu posso fazer por aqui é orar pelo meu amigo”.

Campeão Brasileiro da Série C pelo Clube do Remo, em 2005, o atacante Beto Belém jogou com André Barata na equipe azulina. Ele foi revelado pelo Sport Belém e atou pelo Vila Rica em 2001 e pela Tuna Luso em 2003 e 2004. Desde 2007, está na Indonésia, onde foi campeão da Indonésia Super Liga (ISL), jogando pelo  Persipura.
(Sandro Galtran/Especial para o DOL)

André Barata: a luta do guerreiro


Em entrevista coletiva cedida na Unidade de Diagnóstico de Meningite (UDM) nas dependências do Hospital Universitário João de Barros Barreto, a diretoria do hospital deu as últimas informações sobre o quadro clínico de André Barata, meio-campo da Tuna Lusa. Segundo o médico Eduardo Leitão, diretor do Barros Barreto, o atleta segue ainda internado na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) em tratamento intensivo à base de antibióticos.
O jogador deve permanecer nesse tratamento por, no mínimo, mais dez dias. A expectativa é que, após a medicação, o jogador passe para a enfermaria. “Se ele estiver estável para poder continuar o tratamento com segurança, possivelmente será encaminhado para enfermaria”, afirmou Eduardo Leitão.
A análise é otimista. “O André Barata foi internado na madrugada do dia 24. Ele entrou aqui em coma, entubado, respirando com a ajuda de aparelhos e com risco de óbito. Mas, cinco dias depois de iniciar o tratamento, ele já saiu de tudo isso. Está esperto, conversando com as pessoas, embora ainda apresente confusão mental, o que é normal na evolução do tratamento”, avaliou Leitão.
Entretanto, seu estado ainda é considerado preocupante, pois o líquido espinhal – substância responsável por levar minerais e proteínas ao cérebro – ainda continua comprometido pelas bactérias da meningite. “Com avanço do tratamento, a tendência é normalizar. O quadro dele é bem menos grave”, explicou.
fonte: Diário do Pará - edição 30/03/2011

terça-feira, 29 de março de 2011

Comissão Técnica e elenco profissional da Tuna Luso 2011

COMISSÃO TÉCNICA DA TUNA LUSO
Flávio GoianoNome: Flávio Ataíde Lopes Cavalcante (Flávio Goiano)
Cargo: Técnico do futebol profissional 
Osvilmar FerreiraNome: Osvilmar Simão Ferreira (Mazinho)
Cargo: Auxiliar Técnico
Carlos TrindadeNome: Carlos Fabian Santos Trindade (Fabian)
Cargo: Preparador Físico
José HamiltonNome: José Hamilton Oliveira de Jesus (Hamilton)
Cargo: Massagista
Everaldo CamposNome: Everaldo Campos (Lubrax)
Cargo: Preparador de Goleiros
ElysonNome: Elyson
Cargo: Fisiologista

Nome: Alcino
Cargo: Roupeiro/Mordomo
Nome: Helton Novoa
Cargo: Médico traumatologista e fisioterapeuta de lesões esportivas

ELENCO PROFISSIONAL DE FUTEBOL DA TUNA LUSO

segunda-feira, 28 de março de 2011

RUGBY X GRIDIRON AMERICAN FOOTBALL



Ver-o-Peso completa 384 anos

Ver-o-Peso é um mercado situado na cidade brasileira de Belém, no estado doPará, estando localizada na Avenida 16 de novembro. Símbolo da cidade, é sua maior atração turística e a maior feira livre da América Latina. O mercado do ver-o-pesoabastece a cidade com variados tipos de gêneros alimentícios e ervas medicinais do interior paraense, fornecidos principalmente por via fluvial. Foi eleito entre as 7 Maravilhas do Brasil.
Localizado na área da Cidade Velha e diretamente às margens da baía do Guarajá, foi construído em 1625 no porto do Pirí, assim chamado na época. Enquanto um entreposto fiscal, seu nome faz jus às chamadas Casas do Ver-o-Peso, projetadas no Brasil, em 1614, para conferir o peso exato das mercadorias e cobrar os respectivos impostos para a coroa portuguesa. A partir de então foi popularmente denomindo lugar de Ver-o-Peso, dando origem ao nome do mercado, já que era obrigatório ver o peso das mercadorias que saiam ou chegavam à Amazônia, arrecadando-se os impostos correspondentes. No final do século XIX e XX, o local que temos hoje por Complexo sofreu uma série de modificações tanto funcionais quanto em sua paisagem se adaptando às necessidades e gostos da Belle Époque. Foi nessa época que houve aterramento da Baía do Guajará, amplicação do Mercado de Carne, construção do porto e o Mercado de Ferro.
O mercado faz parte de um complexo arquitetônico e paisagístico que compreende uma área de 35 mil metros quadrados, com uma série de construções históricas, dentre elas o Mercado de Ferro, o Mercado da Carne, a Praça do Relógio, a Doca, a Feira do Açaí, aLadeira do Castelo e o Solar da Beira e a Praça do Pescador. O conjunto foi tombado pelo IPHAN, em 1997.
fonte: Wikipedia

Belém-Pa, Mercado Ver-o-Peso. Amazônia, Brasil.

O editor do blog da ATAT também costuma dar umas voltinhas por lá pelo Ver-O-Peso. Sempre que pode, costumo ir acompanhado de amigos para bater um bom bate-papo e saborear aquele peixinho frito junto de uma cerveja geladinha na barraca do Val. 
O melhor horário para esse tipo de programa costuma ser entre 10h e 12h, quando o volume de usuários não chega a ser tão grande e dá para ver melhor os acontecimentos do dia-a-dia da feira. É bastante interessante passar uma manhã no velho Ver-O-Peso, um local democrático e popular, onde a cultura amazônica está sempre presente e todos caminham livremente.  
Em comemoração aos 384 anos do Ver-O-Peso, desejos de muitos anos mais de bom funcionamento e muito peixe frito com gelada, é claro!!! 
O editor Gerardo Von acompanhado de amigos degustando o prato mais tradicional do Ver-O-Peso, 
peixe frito acompanhado de açaí ou cerveja bem gelada.



Niver da Dona Gisela, festejado na Confraria da Sauna da Tuna

Dona Gisela, ao lado do seu marido, Dr. João Guilherme, apagando algumas velhinhas.

Aconteceu neste sábado (26), na sede da Tuna Luso, o Niver da Sra. Gisela, esposa do amigo João Guilherme, ambos frequentadores da Confraria da Sauna da Tuna. 
Dona Gisela, com seus pais e seu marido, cantando os parabéns.

Os convidados presentes festejaram o aniversário com bastante descontração e animados ao som da boa música de aparelhagem do amigo e também frequentador da Confraria, Sr. Da Silva, o DJ 180º da Tuna.
Dona Gisela com seus pais e os amigos Marcos Moraes e Arnaldo Abílio.

Os festejos começaram na barraca da Confraria da Sauna por volta das 15h. O churrasco ficou sob a responsabilidade da dupla de Ronaldinho e Getúlio.

Dona Gisela com seu marido João e o Garçon Naldo.

Parece que a turma estava com sede mesmo, visto que foram consumidas seis grades de cerveja e duas de refri. Apesar de uma breve chuva, que caiu na parte da tarde, o som rolou e a aparelhagem só foi desligada por volta das 22h, quando finalizou a festa. 
Dona Gisela ao lado do casal Gerardso e Beth.

Os amigos da Confraria da Sauna desejam para a Dona Gisela tudo de bom e votos de saúde e sucesso!

Rogério Ceni é o primeiro goleiro "centenário" da história



Vídeo especial: Veja todos os gols da carreira de Rogério Ceni

Goleiro do São Paulo atingiu o centésimo gol neste domingo (27). Assista a uma história que começou em 1997.



FPF RECEBE CONVITE DA FEDERAÇÃO DO SURINAME PARA JOGOS DA SELEÇÃO FEMININA


O presidente da FPF, Antonio Carlos Nunes de Lima, informou na tarde de hoje (23.03.2011), ter recebido convite da Federação do Suriname, para a duas apresentações da seleção paraense de futebol feminino naquele país, no mês de junho deste ano. Nunes revelou que existirá a possibilidade dos referidos jogos serem realizados, pois haverá uma paralisação de uma semana no campeonato paraense da modalidade, que terá início no dia 10 de abril.
fonte: FPF

domingo, 27 de março de 2011

Tuna Luso vence amistoso e André Barata se recupera


A Tuna Luso realizou jogo amistoso neste domingo, na cidade de Ponta de Pedras, contra o selecionado local, representado pelo time chamado Vila Nova. O placar do jogo foi de 7 a 1 para a Tuna luso, com gols de Felipe Mamão, Zazá e Alexandre Chaves, para a Tuna. A partida aconteceu no estádio Adalberto Tavares. Apesar do jogo servir apenas de treinamento, Flávio Goiano aproveitou para testar seus jogadores e aprimorar a parte tática visando o jogo de abertura do segundo turno, marcado para domingo no estádio Souza, contra o Águia de Marabá.  
O retorno da delegação da Tuna está marcado para esta segunda-feira (28). 

Saúde do jogador André Barata

Segundo informações obtidas da assessoria de imprensa e do departamento médico da Tuna Luso na manhã deste domingo, inclusive divulgadas pela Rádio Clube do Pará e portal ORM, o jogador André Barata está em plena recuperação no Hospital Barros Barreto e até já teria andado no apartamento do hospital. Existe a possibilidade do jogador, inclusive, ser transferido para a enfermaria nesta segunda-feira, caso seu estado de saúde seja favorável.


O meia atacante da Tuna, internado com quadro de meningite e pneumonia desde o dia 22 deste mês, já está recebendo visitas e reconheceu a esposa, na tarde desde domingo (27). Ele está consciente e não faz mas uso de aparelhos para ajudar na respiração, conforme informações da assessoria de imprensa da Tuna.


De acordo ainda com a assessoria de imprensa, Barata, que está internado na CTI (Centro de Terapia Intensiva) do hospital Barros Barreto, está lúcido e recebeu visitas tanto pela manhã, como na tarde desde domingo. A esposa conversou com ele e explicou ao jogador seu estado de saúde. Há dias internado e em coma, ele ainda não sabia de suas condições de saúde.

Os médicos informaram no sábado (27), que estão retirando os aparelhos de Barata, aos poucos, até seu restabelecimento completo. 

Valeu a corrente feita pela recuperação da saúde de André Barata. Lamentamos porém, alguns boatos de muito mal gosto e irresponsáveis que foram espalhados por Belém no final de semana dizendo que o jogador havia falecido e outras asneiras que jamais deveriam ter sido divulgadas pois não tinham nenhuma base de verdade. Pedimos aos boateiros de plantão que tenham mais respeito e consideração pelo ser humano. 

Ao jogador André Barata os nossos votos de breve restabelecimento e que seja logo liberado pelo médico para treinar e ajudar a Tuna neste segundo turno.     

Atletas de Boxe representam a Tuna Luso

Equipe de boxe da Tuna apresentada pelo professor Péricles Oliveira, vice-presidente da Tuna. 

Foram apresentados neste domingo (27), no Salão Vermelho da Tuna, os atletas feminino e masculino de boxe, representantes da Tuna Luso em competições oficiais. 
Os atletas são treinados pelo técnico Agnaldo Salles e foram apresentados no clube pelo diretor de marketing da Tuna, Sr. Dantas, que também é o empresário dos lutadores. 

Atleta de boxe feminino nos 48kg: 
Joseane Kelly Tolosa de Sousa - 3º lugar no campeonato brasileiro 2009
Local: Aracaju-SE

Atleta de boxe  e Vale-Tudo feminino: 
Deize Araujo - Campeã do 1º Pororoca Fight 2011
Local: São Domingos do Capim

Atleta de boxe masculino nos 75kg:
João Leonardo Tolosa Gomes - participaram do campeonato paraense de estreantes dias 4, 5 e 6 de abril de 2011
Local: Belém-PA

Tuna Luso vence a primeira regata de 2011


Equipe de remo da Tuna Luso, comandada por "Lindão" (dir.), venceu a primeira regata de 2011.
A primeira regata do campeonato paraense de remo de 2011, adiada do mês de fevereiro para hoje por problemas adversas de maré, aconteceu na manhã deste domingo nas águas da Baia de Guajará. A largada aconteceu no complexo do Ver-O-Rio e a chagada foi na Estação das Docas. O início da regata foi às 8h10m e terminou por volta das 11 horas. 
Equipe da Tuna aguardando para iniciar páreo 
Foram diputados 10 páreos: Duplo Skiff, Quatro Estreante, Single Skiff Sênior, Dois Com Master C, Quatro Sem Sub 23, Single Skiff Peso Leve, Dois Sem Sub 23, Four Skiff Júnior, Oito Gigantes Sênior, percorridos num percurso total de 1.000m.
A Tuna Luso participou da primeira regata com uma equipe de 30 atletas, liderada pelo técnico Wildemar (o "Lindão") e não deu chance pra ninguém. Venceu o primeiro páreo com o duplo Skiff feminino, com as remadoras Rafaela e Cristiane. 
Uma bem vinda novidade no campeonato deste ano, colocada em práica pelo presidente da Fepar, foi que quando a equipe vencer um páreo o hino original do clube vencedor é tocado. Como a Tuna venceu 5 páreos, sua torcida pode vibrar e cantar por seis vezes, visto que foram cinco primeiros lugares e mais a vitória de campeã da regata. A Tuna foi novamente a "Rainha do Mar" e grande campeã, somando 26 pontos, um a mais que o Clube do Remo que somou 25 pontos e por último o Paysandu que conseguiu 18 pontos.
Vice-presidente da Tuna, professor Péricles de Oliveira, ladeado pelos diretores Edson Dantas (esq.), Eduardo Gonçalves e Durans (dir.), ergue a taça de campeão da primeira regata de 2011.

A Tuna Luso possui dois atletas  que se tornaram revelação nos últimos anos. São eles o Deyvison Renato Siqueira Souto (23), o "Chave de Fenda", e Waldonilson de Andrade Reis (32), ambos campeões brasileiros e da Copa Norte. 

Chave de Fenda, atleta da Tuna  que faz parte do programa Bolsa Talento do Governo do Estado.

O "Chave de Fenda",  que faz parte do programa Bolsa Talento do Governo do Estado, diz que mesmo com todas as dificuldades enfrentadas com a falta de patrocinador, o sentimento de amor pela Tuna não o deixa desistir. "Eu trabalho, estudo e treino. Chego em casa esgotado mas este esporte me dá força para todas as outras coisas da vida'', afirma Deyvison. O Atleta, que disputou o Skiff peso leve e o Oito Gigante, já passou pelo Clube do Remo e treina há dois anos na Tuna Luso Brasileira.
A próxima regata deverá acontecer daqui há dois meses, com data a ser confirmada.
Atleta destaque Waldonilson.

A Tuna Luso é a maior vencedora de títulos de regata do Pará e conhecida como "Rainha do Mar" por ter conquistado 41 títulos, oito a mais que o Clube do Remo que tem 33 títulos, e Paysandu com apenas 12.

Na ausência do presidente da Tuna, Sr. Fabiano Bastos, que viajou com a equipe de futebol profissional para Ponta de Pedras, o diretor Eduardo Gonçalves levantou a taça de campeão, para alegria dos atletas e torcedores cruzmatinos presentes.
A segunda regata deverá acontecer no dia 15 de maio. Esperamos que a Tuna volte a conquistar outros páreos e somar pontos para se distanciar de seus rivais.
fonte: Blog Oficila da Tuna