BLOG TUNANTE

quarta-feira, 30 de junho de 2010

3ª REGATA DE 2010 SERÁ NO DOMINGO



A terceira regata do campeonato paraense de remo 2010 será realizada no próximo domingo (04). Um bom público está sendo esperado na Estação das Docas quando acontecerá a terceira regata na baia de Guajará, com a participação das três principais potências do esporte náutico no Pará: Tuna Luso (Rainha do Mar), Clube do Remo e Paysandu. A disputa deverá ser bastante acirrada, visto que o Clube do Remo está na dianteira, já que somou 55 pontos nas duas primeiras regatas. A Tuna Luso segue em segundo com 40 pontos e o Paysandu em terceiro, com 35 pontos.
A 3ª regata terá dez páreos: 4 com estreantes; double-skiff sub-23; dois sem júnior; skiff feminino estreantes; 4 sem master C; double feminino; 2 sem peso leve; skiff master C; four skiff sub-23 e oito gigante júnior. A largada do primeiro páreo está prevista para às 8h.

A Tuna Luso teve um desempenho razoável na primeira regata deste ano mas foi muito mal na segunda regata, quando ficou em terceiro lugar, com apenas um primeiro lugar. A Lusa precisa de maior apoio da diretoria e de seus colaboradores e melhorar para não se distanciar muito do primeiro colocado e assim tentar reverter a situação e quem sabe conquistar novamente o título em 2010.

Bons ventos Tuna!!!

sexta-feira, 25 de junho de 2010

Brasil 0 X 0 Portugal

Copa do Mundo da FIFA 2010

Grupo G
Jogos V E D GM GC +/- P

Brasil 3 2 1 0 5 2 +3 7
Portugal 3 1 2 0 7 0 +7 5

Costa do Marfim 3 1 1 1 4 3 +1 4
Coreia do Norte 3 0 0 3 1 12 -11 0

Segundo comentários da maioria das pessoas que assistiram Brasil e PortugaL, o jogo não parece ter sido dos melhores mas no final o resultado deu o que previamos e serviu para classificar as duas seleções para a próxima fase.

Após um razoável primeiro tempo, a seleção brasileira voltou para o segundo tempo sem muita objetividade na parte ofensiva.

Já Portugal, em nenhum momento no primeira tempo, dominou o jogo. Em um determinado momento, puxaram contra-ataques e sairam com mais velocidade. A subida de Fábio Coentrão pela esquerda, aproveitando que Daniel Alves ia muito para o meio, abrindo o corredor para a subida do lateral. Durante todo o segundo tempo, Portugal foi a melhor equipe em campo. O Brasil errava passes demais no meio-campo e os portugueses, assim que retomavam a bola, aceleravam as jogadas, utilizando principalmente o lado esquerdo do ataque. O time luso fez um jogo mais de cautela, teve em seu habilidoso jogador Cristiano Ronaldo a sua maior figura mas não conseguiu suplantar a boa defesa do Brasil. O empate ficou na medida e classificou as duas seleções para as oitavas de final.

O Brasil, Líder do grupo G, evitou cair na chave de Inglaterra, Argentina e Alemanha e só deverá encará-los em uma eventual final. Os portugueses asseguraram a segunda colocação da chave e poderão pegar a seleção da Espanha, Chile ou Suiça na próxima fase.

O Brasil jogou sem o trio Robinho, Kaká e Elano. Com essa ausência, não poderia ter comportamento mais apático, mesmo já estando classificado. O jogo não foi bom e a postura do Brasilfoi decepcionante para os que esperavam 100% de aproveitamento. O time do técnico Dunga que compensa com a raça a falta de técnica, hoje não mostrou isso. De qualquer forma, entre mortos e feridos todos se salvaram.

Classificados como líder do Grupo B (nove pontos e 100% de aproveitamento), os argentinos aproveitaram a folga na tabela para tirar sarro do "sonolento" empate entre Brasil e Portugal, nesta sexta-feira, em Durban. Em sua edição eletrônica, o diário Olé chamou a partida de "jogo dos bocejos", pela ausência de emoção.

Esquemas táticos: Brasil: 4-2-3-1 / Portugal: 4-1-4-1.

Formação das Seleções:
BRASIL
1 Julio César (Goleiro), 8 Gilberto Silva (Meio-campista), 12 Gomes (Goleiro), 10 Kaká (Meio-campista), 22 Doni (Goleiro), 16 Gilberto (Meio-campista), 2 Maicon (Defensor), 7 Josué (Meio-campista), 3 Lucio (Defensor), 18 Ramires (Meio- campista), Juan (Defensor), 20 Kleberson (Meio-campista), 13 Daniel Alves (Defensor), 9 Luis Fabiano (Atacante), 14 Luisao (Defensor), 11 Robinho (Atacante), 15 Thiago Silva (Defensor), 19 Julio Baptista (Atacante), 5 Felipe Melo (Meio-campista), 21 Nilmar (Atacante), 6 Michel Fernandes Bastos (Meio-campista), 23 Grafite (Atacante), Elano (Meio-campista)
Dunga (Técnico)

PORTUGAL
1 Eduardo (Goleiro), 7 Cristiano Ronaldo (Meio-campista), 12 Beto (Goleiro), 8 Pedro Mendes (Meio-campista), 22 Daniel Fernandes (Goleiro), 10 Danny (Meio-campista), 2 Bruno Alves (Defensor), 11 Simão (Meio-campista), 3 Paulo Ferreira (Defensor), 15 Ruben Amorim (Meio-campista), 4 Rolando (Defensor), 16 Raúl Meireles (Meio-campista), 6 Ricardo Carvalho (Defensor), 19 Tiago (Meio-campista), 13 Miguel (Defensor), 20 Deco (Meio-campista), 14 Miguel Veloso (Defensor), 23 Fabio Coentrao (Meio-campista), 15 Pepe (Defensor), 9 Liedson (Atacante), 21 Ricardo Costa (Defensor), 18 Hugo Almeida (Atacante), 5 Duda (Meio-campista),
Carlos Queiroz (Técnico)

ESPORTE E EMOÇÃO UNEM BRASIL E PORTUGAL


Assim como na música, na dança, na culinária e no futebol, Brasil e Portugal possuem muitas outras semelhanças para compartilharem juntos em bons momentos de união e fraternidade.

Hoje é dia de muitos corações baterem mais forte pois haverá jogo de futebol entre as seleções do Brasil e de Portugal. Para alguns é o jogo mais importante e aguardado deste Mundial, que certamente dividirá temporariamente as atenções e os corações de muitos brasileiros e portugueses unidos por laços de amor e de amizade.

Brasil e Portugal são as duas seleções que deverão se classificar no Grupo e os mais sérios candidatos às próximas fases e até mesmo às finais.

Assistam e ouçam o jogo com emoção, moderação e bastante cautela. Aproveitem este grande encontro de futebol. Iremos torcer para que o jogo seja empate mas caso tenha vencedor, que vença o melhor e ao que não vencer, que ganhe experiência para seguir em frente rumo a próxima fase da copa.
Boa sorte para as duas seleções!

terça-feira, 22 de junho de 2010

AINDA HÁ TEMPO!


Caros amigos e amigas, a questão é que quase tudo na Tuna é muito dificil de se resolver, conseguir ou realizar. Muitas vezes as barreiras enfrentadas são gigantescas diante de pequenas soluções alcançadas. Se alguém tenta de alguma forma fazer alguma coisa para ajudar o clube, faz algum questionamento ou crítica, sendo de forma construtiva ou não, é logo interpretado de forma distorcida e taxado como intrigante, fuxiqueiro ou moleque, injustamente!

Na Tuna, lamentavelmente, convencionou-se que quem não faz parte da situação é oposição e portanto faz parte do "outro" grupo e vise-versa, fechando assim as portas para quem poderia verdadeiramente colaborar com o clube.

Primeiro perdemos o bom time de voley masculino (campeão paraense que não gerava custos para o clube), posteriormente foi o quase fim do futebol masculino (pelos menos até aqui, nada!), em seguida foi o futebol feminino e em breve poderá ser o fatídico fechamento da centenária e vencedora sede náutica cruzmaltina, que também não gera quase nenhum custo para o clube. Algumas escolas de base do clube ainda continuam em atividade. como as de futebol de campo e futsal. A natação da Tuna sobrevive heróicamente em função da atuação de abnegados e colaboradores.

O ginásio Miranda Sobrinho está largado há várias gestões. Colaboradores isolados e algumas empresas que estavam ajudando o clube estão se afastando por causa desses motivos e de outros que não valem a pena comentar.

É uma pena que a Tuna esteja passando por essa triste e cruel realidade.

O Ideal, em minha opinião, seria que os clubes Grêmio Literário e Recreativo Portugês e Tuna Luso Brasileira se unissem e fizessem um único grande clube, com uma diretoria atuante, aproveitando a excelente estrutura do Grêmio, concentrando lá toda a parte social e a magnífica localização da Tuna apenas para a prática esportiva, criando uma verdadeira vila olímpica, com a construção de um novo estádio, reforma das atuais piscinas e ginásio, construção de novos alojamentos, saunas, academia e mantendo apenas a boite (ampliada e reformada) para arrecadar fundos com evento sociais de grande porte.

Considerando que esses dois clubes anteriormente eram basicamente mantidos pela colônia portuguesa e seus descendentes, por que não sonharmos novamente com essa possibilidade?

O Paraná Clube, por exemplo, surgiu e cresceu com a fusão de dois grandes clubes de Curitiba (Pinheiros e Colorado). A história da Tuna nos mostra que também já fez algumas fusões importantes no passado. Então, já que não estamos tendo nenhum tipo de apoio da FPF, dos governos municipal e estadual, nem de outros setores da sociedade privada, por que não procuramos alternativas e soluções caseiras para resolvermos nossos problemas? Ainda há tempo!

Cruzmaltinos e simpatizantes, chegou a hora de darmos as mãos no sentido de ajudarmos a Tuna e assim, com união e paz, sem mágoas ou intrigas, cortarmos a possibilidade de perdermos para sempre o clube.

Ainda há tempo!

Palavra do torcedor

Depoimento recebido por e-mail do torcedor e sócio Marcio Jose Matos Rodrigues:

"Como um simples torcedor e sócio, gostaria de ver a Tuna novamente valorosa em vários esportes. Deve ser feito algo. Peço àqueles que possuem condições que apoiem a Tuna para ela seja de novo um clube lembrado por suas conquistas esportivas. Não podemos só ficar lembrando dos jogadores que formamos e das glórias do passado. Um abraço cruzmaltino. Márcio Rodrigues.
Podem dar uma notícia boa da Tuna?"

segunda-feira, 21 de junho de 2010

TUNA DEMITE TREINADORA E ACABA FUTEBOL FEMININO


ALINE COSTA
EX-TREINADORA DO FUTEBOL FEMININO DA TUNA

Noticia das mais lamentáveis para os cruzmaltinos: a Tuna Luso Brasileira nesta quinta-feira estará dispensando a treinadora de futebol feminino Aline Silva. A noticia nos foi fornecida por uma jogadora de futebol feminino, que disse ainda que a intenção da diretoria da Cruz de Malta é extinguir este esporte em que a Tuna é pioneira em nosso Estado. Aline Silva é treinadora das mais competentes de futebol feminino, sendo também preparadora física, e uma das mais dedicadas profissionais desta area em nossa Capital. Com a eliminação do Clube e consequentemente o final do Campeonato, a treinadora já estava pensado em formatar uma nova equipe com jogadoras novas e as mais veteranas a custo zero para o Clube, uma vez que são poucos os incentivos para esta modalidade esportiva, e a Tuna também pouco participa, estando naquela base de não querer gastar nada. Mas de repente Aline foi surpreendida com o aviso de sua demissão, embora tenha feito um bom campeonato. A tendência agora é perder todas as atletas, já que as mesmas jogam sem ganhar nada, e como boa parte delas têm muito talento, imediatamente estarão em um dos bons clubes de futebol feminino, como Remo, Pinheirense e Esmac, que dão incentivos fnanceiros e bolsas de estudo para a maioria. A Nação Cruzmatina lamenta mais este baque nos esportes do Clube, que vão se esvaindo, como a Náutica, Futsal, Vôlei e até o Futebol, que dá muita mídia ao Clube, mas que até o presente não vê nenhuma movimentação para as disputas da Primeira fase do Campeonato 2011.
Postado por Marcos Moraes de Lima - Blog Didascália

sexta-feira, 18 de junho de 2010

JOÃO ARAÚJO, DA ATAT, DIZ AINDA TER ESPERANÇAS NA TUNA

Pelo telefone, o cruzmaltino João Araújo, fundador e presidente da ATAT (Associação dos Torcedores e Amigos da Tuna Luso Brasileira) me discorre um leque de lamentações. João, que sempre ajuda a equipe de futebol da Tuna de longas datas, é um grande torcedor cruzmaltino que, ao lado de seus filhos, está sempre presente no campo, nos vestiários, fazendo campanha para conseguir apoio, dando conselhos, reclamando que falta isso, aquilo, enfim, um ser incansável em prol da nossa Tuna. Quando fundou a ATAT teve a melhor das intenções, embora eu particularmente tenha alguns questionamentos de como ela funcionou ou funciona, uma vez que, na minha modesta visão, todos os associados da ATAT deveriam ter um laço social maior com o Clube, tipo sendo sócio proprietário, sócio torcedor ou mesmo sócio colaborador, mas com um poder de voto e também de questionar não somente o futebol, mas outros esportes e a própria situação social da agremiação. Mas no geral, apoiei, fui um dos fundadores e continuo apoiando.
João, como muitos cruzmaltinos, viu com tristeza o que aconteceu na reunião da FPF, quando mais uma vez a Tuna foi jogada para escanteio, praticamente vilipendidada por Remo, Paysandu e pela própria FPF, que não valoriza o passado histórico do Clube, com dois titulos nacionais (o primeiro do Norte do País!), 10 campeonatos paraenses e, indiscutivelmente, o maior celeiro de craques do Estado. Vê, com tristeza, que mais uma vez poderemos ficar de fora do Parense, já que diminuiu ainda mais a oportunidade de entrarmos, pois o número de clubes que subirão para 2011, diminuiu: serão somente dois.
Explico-lhe o que penso de tudo, discerrando sobre a falta de compromisso dos dirigentes, principalmente por não serem cruzmaltinos, a propota já decantada pelo Presidente em licenciar o Clube e até a falta de empenho de quem poderia fazer muito mais pelo Clube, a Comunidade Luso Brasileira, que, a meu ver, poderia ter um papel fundamental na reorganização de alguns esportes do Clube, como o futebol, que dá mídia, abre espaços em todos os veículos da Comunicação, e das Sedes Náutica e Social, que infelizmente estão carentes de apoio e zelo. João desligou dizendo que não perde as esperanças (como também eu e outros cruzmaltinos!), mas confessa que está triste e desestimulado, principalmente por não ver no Conselho da Tuna pessoas que tenham um real compromisso, "só gente que não tem nada a ver com o Clube, pois não torcem e nem têm história na Tuna, como o próprio presidente da FPF, coronel Nunes e o deputado Jordy", reclama. Porém, como bom cruzmaltino, concluiu que a luta por uma Tuna melhor continua. "E eu, como tunante de coração vou lutar. Sempre", disse.
Postado por Marcos Moraes de Lima do blog Didascália

quarta-feira, 16 de junho de 2010

NOVOS CAPITÃES DE CABOTAGEM FORMADOS PELO CIABA


Uma nova turma de Capitães de Cabotagem, composta por 23 homens e uma mulher, acabou de se formar no CIABA (Centro de Instrução Almirante Braz de Aguiar), em Belém do Pará, credenciando-os para o exercerem a função de Comandantes de navios mercantes que operam na linha de cabotagem brasileira.

Convite da formatura dos novos Capitães de Cabotagem APNT-2010.
Marcando o importante acontecimento, os futuros Comandantes se reuniram com seus familiares e convidados especiais num animado baile dançante realizado no último dia 11 (sexta-feira), no salão no Maison PommerD'or. O evento foi animado pela banda Sayonara e se prolongou pela madrugada adentro num belo ambiente de amizade e confraternização.

Os novos Capitães de Cabotagem são:
Simone Ferreira Lopes (única mulher da turma), Thiago Emídio Cavalcante, Everaldo Rodrigues do Nascimento, Waldfran Ferreira Deodato da Silva, Henderson Lucena de Sousa, Gerardo Monteiro Filho, Max Andrey Barreiros Ferreira, Ricardo Anderson Mesquita Felix, Wilquer Naimaier Pontes, Richardson Marinho Antunes, Leandro Freire Rodrigues, Mario Augusto Santos de Oliveira, Edson Tavares Castro, Fábio Augusto Vilas-Boas Barata, Fernando Rodrigues de Albuquerque, Raildo Viana do Nascimento Junior, Ricardo Monteiro da Costa, Edilson Edgardo Guevara Caballero, Jaime Teixeira Neto e João Batista Ferreira.

A turma de APNT 2010 recebeu o nome de CLC José Alves de Albuquerque, homenageando-o por ter sido o 1º Comandante da Fronape, atualmente vivendo na cidade do Rio de Janeiro.



segunda-feira, 14 de junho de 2010

VAMOS SALVAR A TUNA! A HORA É ESSA!

Uma tristeza a Tuna não ter conseguido força para mudar a rotina ridícula do Campeonato Paraense com oito equipes. A historia dos homens da Federação, apoiados por Remo e Paysandu, que na verdade não são bons parceiros, de que nosso futebol não comporta 10 equipes ou mais, é um discurso antigo de quem não pensa no futebol, mas sim, somente na grana.
Não é admissível um Campeonato sem a presença da Tuna. Os coerentes da Imprensa (porque está cheia de incoerentes!) sabem que a Águia faz falta e nada fazem para que o Clube cruzmaltino volte à elite do futebol paraense.
A decisão que foi tirada na sexta-feira, quando a FPF e os clubes decidiram que o Campeonato vai continuar com 8 Clubes e a mudança foi ínfima em termos de avanços, mostra o descomprometimento da FPF, dos dirigentes de Remo e Paysandu e até um certo desinteresse da atual diretoria cruzmaltina, que sempre diz que a "Tuna deve se licenciar do Paraense". Acho que tem que ser tomada uma medida mais drástica em termos de futuro da Tuna. Particularmente não procuro mais o sr. Presidente, porque sinto de sua parte um desinteresse em atender o que eu proponho, embora já tenha lhe afirmado que só quero o bem do Clube. Vejo também um certo desinteresse e despreocupação por parte dos que fazem a comunidade Luso Brasileira. A comunidade tem força, tem, como se diz "bala na agulha". A ajuda na feitura do estatuto não valeu. Nosso estatuto é fraco, conservador. Taí no que deu: 15 diretores eleitos, muita confusão e até o presente, nenhum compromisso. É importante que nesse momento crucial em que o Clube vive, todas as forças sejam uma só, unidas para salvar o futebol do Clube e a Tuna propriamente dita, que a cada dia vai sucumbindo, quem frequenta a Sede vê, sente como está a situação por lá. Vejam o que está acontecendo na Garagem náutica! Nas saunas, nas piscinas. Talvez quando se desejar tomar uma posição seja tarde. Tarde demais.
Ninguém entende determinadas cabeças que só trabalham para tentar botar o Grêmio lá em cima, enaltecer a toda hora o Clube, e deixar a Tuna numa situação de desprezo. Será que falta amor por parte dos gremistas à Tuna? Não acredito! será que a vaidade de alguns vai deixar que a Tuna sucumba para depois só criticar? Também não acredito. Acho que está faltando é atitude. Enquanto um grupo de líderes voluntariosos (talqual o grupo de caixeiros que em 1903 fundou a Tuna) nao se juntar e salvar nosso futebol, nossa natação, nosso remo, nosso basquete, nosso futsal e nossas sedes social e náutica, teremos que remar contra a maré ou chorar. A hora é essa! Todos unidos pela nossa Gloriosa Tuna Luso Brasileira!
Postado por Marcos Moraes de Lima - Blog Didascália

sábado, 12 de junho de 2010

GANSO VISITA A TUNA LUSO E CAUSA EUFORIA NA CRIANÇADA

Neste sábado, durante exibição do programa de TV Esporte Fantástico, na Rede Record, o jogador "Ganso" (ex-Petrobras) apareceu em matéria nacional, gravada na Tuna Luso Brasileira, quando reconheceu publicamente suas origens e mostrou para o Brasil onde iniciou sua carreira de futebol. A visita foi muito badalada e contou com a tietagem de muitos garotos das escolinhas de futebol do clube.
O técnico "Capitão", que descobriu o talento de Paulo Henrique para o futebol, se emocionou muito com a visita de Ganso e viu seu trabalho ser reconhecido.
Parabéns ao "Ganso" por sua visita e pela humildade em reconhecer suas origens.
Foi uma excelente forma de divulgação para o nosso clube e uma prova de gratidão do jogador "Ganso" para com a Tuna. Se todos fizessem assim as coisas poderiam melhorar e quem sabe novos patrocinadores viessem para ajudar.
A luta continua!

quinta-feira, 10 de junho de 2010

POR QUE A TUNA NÃO HOMENAGEIA GANSO?


Nessa visita que Paulo Henrique Ganso faz a Belém, oportunidade em que vai rever parentes, amigos e logicamente lembrar de quando jogava pelo futsal da Tuna Luso Brasileira e era apenas "Petrobras", seria de "boa valia" que a diretoria da Tuna fizesse uma justa e grande homenagem ao craque que, todo o País sabe, começou nas categorias de base do Clube, como atleta de futsal, comandado pelo mestre Capitão. Seria oportuno que o presidente mostrasse a Ganso que não só a Tuna foi importante para ele, mas que ele também é importante para a Cruz de Malta, porque leva o nome do Clube para outros rincões e com certeza levará para outros continentes muito breve.

Ao contrário de Giovane, que tornou-se uma pessoa de difícil acesso, desprezando todos os clubes do Pará, inclusive a própria Tuna que foi quem lhe projetou e até negociou seu passe na época com o Santos (talvez pelo tratamento que a torcida do Clube do Remo lhe dispensou, na época em que jogou pela equipe), Paulo Henrique é um camarada simples, cabeça feita, educado, demonstra saber o que quer, assim, tranquilamente, aceitaria uma hmenagem por parte do Clube que o lançou para o futebol brasileiro e mundial, a Tuna Luso Brasileira. Talvez agora já seja até um pouco tarde, pois o atleta já está em seu terceiro dia em Belém, mas com certeza é importante que o presidente da Tuna faça essa homenagem ao nosso ex-atleta e agora craque santista. Aproveitaria, também, para solicitar um apoio para as nossas esquecidas categorias de base, que o atleta falou tem interesse em apoiar. Não é uma ajuda monetária, é tipo um investimento de quem acredita no potencial de nossas crianças e adolescentes, porque temos muitos "Gansos" e "Giovanes" por aqui. Como Paulo Henrique é uma realidade, podemos ter outras por aqui. Não custa nada tentar.

fonte: Blog Didascália - http://moraesdidascalia.blogspot.com/

segunda-feira, 7 de junho de 2010

Clube do Remo vence a 2ª regata de 2010

O Clube do Remo sagrou-se Campeão da 2ª Regata do Campeonato Paraense de Remo de 2010, ocorrido hoje na manhã de domingo (06), com chegada na Estação das Docas.
Foram disputados 10 páreos, onde o 1º lugar vale 04 pontos, o 2º vale 02 pontos e o 3º vale 01 ponto.
O Clube do Remo totalizou 32 pontos na competição com 07 primeiros lugares, 01 segundo lugar e 02 terceiros lugares.
O Paysandu totalizou 19 pontos com 02 primeiros lugares, 04 segundo lugares e 03 terceiro lugares; Não disputou o 4-feminino.
A Tuna Luso totalizou 18 pontos com 01 primeiro lugar, 05 segundo lugares e 04 terceiro lugares.
De acordo com a nova pontuação que estásendo aplicada no campeonato, premiando até o terceiro lugar, o Clube do Remo totalizou 32 pontos, o Paysandu marcou 19 e a Tuna, 18. Com as duas regatas somadas, o Clube do Remo disparou na liderança com 55 pontos, seguido pela Tuna Luso, com 40, e o Paysandu, 35.

domingo, 6 de junho de 2010

NATAÇÃO DA TUNA LUSO RENASCE

A natação da Tuna Luso Brasileira está em franco processo de renascimento. Em um primeiro momento, conseguimos finalmente o equilíbrio financeiro, com as receitas cobrindo as despesas. Depois, contratamos uma nova equipe técnica. Eduardo Souza, ex-nadador tunante e técnico respeitado nacionalmente na formação de nadadores de base é agora o coordenador-técnico do Departamento de Natação. O experiente Aurélio Dantas foi contratado para trabalhar com a pré-equipe. A campeoníssima Anna Neri, o Ramon Silva (ex-nadador tunante) e o dedicado Arlindo Paixão ficarão responsáveis pelas turmas de aprendizagem, enquanto o mestre Lourival Cardoso continua orientando a natação adulta. O Departamento tem um Conselho Técnico formado pelos dois diretores (Osório Landry e José Maria Cardoso da Silva), pelo coordenador técnico e por Mônica Rezende (ex-atleta olímpica), que representará o Programa Natação Cidadã. Este conselho se reunirá quatro vezes por ano para definir as prioridades e as metas anuais. Com o apoio do Programa Natação Cidadã (http://www.natacaocidada.org/), temos 200 crianças de famílias de baixa renda nadando em nossa escolhinha e equipe de base. Uma delas, Ediele Souza, com apenas 9 anos, conquistou medalhas de prata e bronze no último torneio norte-nordeste. No último torneio norte-nordeste de natação mirim-petiz nossos atletas conquistaram 7 medalhas, sendo 3 de ouro (2 de Victor Moraes e 1 de Klaus Araujo), duas de prata (Klaus Araujo e Ediele Souza) e duas de bronze (Ediele Souza e Marcelo Campelo). Com isso, já somos a segunda força paraense nas categorias de mirim a petiz, ultrapassando a poderosa ADESEF. Estamos lentamente recompondo as nossas equipes das categorias que vão de infantil a sênior, que hoje possui apenas 18 nadadores (precisamos de pelo menos 48 para nos tornarmos competitivos nestas categorias). Entretanto, os nossos atletas destas categorias são sempre destaques individuais em todas as competições que participam, sendo que três foram convocados para a seleção paraense no último torneio interfederativo norte-nordeste. Esperamos concluir este ano como o primeiro ou segundo clube paraense no ranking nacional da Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos (o ranking nacional é baseado nos resultados dos atletas nos campeonatos nacionais). O Departamento mantém um blog (http://www.natacaodatuna.com/) com notícias sempre bem atualizadas sobre nossas atividades. A natação da Tuna tem até mesmo uma nova música para motivar os seus atletas. A música é “Beber Nossa Espuma”, a letra é de José Maria C. Silva, a melodia e os instrumentos são de Joel Melo, a voz é de Ruy Montalvão (do Coletivo Rádio Cipó), a realização da Ukauaka Produções Artísticas e a Produção do Nicobates. Para quem quiser uma cópia mp3 da música, basta enviar um e-mail para tunanatacao@gmail.com. Em resumo, estamos promovendo uma revolução na natação tunante, que tem sido reconhecida como um verdadeiro modelo nos blogs especializados de natação brasileira. Esperamos contar com o apoio de toda a comunidade para atingirmos as nossas metas bastante ambiciosas para os próximos anos.

José Maria Cardoso da Silva

Domingo é dia de regata!!!!

"Todos os tunantes tem que torcer pela glória cruzmaltina, por mais um título. A Tuna tem que brilhar no esporte!!!! Todos nós tunantes temos que desejar o sucesso do clube. A glória da Tuna tem que ser o objetivo de todos nós tunantes!
Os verdadeiros tunantes tem que almejar a grandeza do clube sempre!

Márcio José Matos Rodrigues - sócio e torcedor"

sexta-feira, 4 de junho de 2010

DOMINGO É DIA DE REGATA NA BAIA DE GUAJARÁ


CAMPEONATO PARAENSE DE REGATA 2010

Terá prosseguimento neste domingo (06) o Campeonato Paraene de Regatas 2010, nas águas barrentas da Baía de Guajará. Tuna Luso, Clube do Remo e Paysandu devem participar das 10 provas previstas.
Até o presente momento a FEPAR não decidiu sobre a questão da regata pasada, quando as três embarcações que disputavam a prova final afundaram devido ao mal tempo.

O técnico "Lindão" (Tuna) informa que a "Rainha do mar" está pronta e muito bem preparada para disputar os 10 páreos. De acordo com depoimento do técnico da Tuna, após a saída do Diretor Náutico do Clube, Benemérito Jacinto Campina, o que era difícil ficou ainda mais complicado pois a situação na garagem está muito delicada. "Não temos recebido ajuda de quase ninguém, e o mais lamentável é que a empresa que sempre nos forneceu biscoitos, bolachas e massas me comunicou que ligaram para lá e disseram que a Sede Náutica estava fechada, ou seja, que não estávamos disputando nada. É muito estranho! Ou tem gente querendo derrubar a Tuna, ou existe muita conversa que tem que ser esclarecida. Agora, eu deixo meu trabalho para resolver um assunto da equipe náutica da Tuna e bato com a cara na porta. Não estou entendendo mais nada!", afirmou "Lindão".

De acordo com a fonte que originou essa matéria, e por questões éticas, não iremos divulgar o nome da pessoa ligada a Tuna que ligou para a empresa de alimentos e deu essa notícia de forma errada. Esse tipo de coisa não deve acontecer pois quem perde com tudo isso são os atletas, que em sua grande maioria tomam café na garagem náutica do clube, devido chegarem muito cedo para treinamento (por volta das 5hs, diariamente, inclusive sábados e domingos). Sem os biscoitos, as bolachas e as massas, a coisa fica complicada!
Após a regata de domingo, os atletas e comissão técnica da Tuna irão compartilhar uma feijoada, ofertada por colaboradores, servida na garagem náutica. Espera-se que a Tuna saia novamente com a grande vencedora da regata de domingo.
Boa sorte aos atletas!

quarta-feira, 2 de junho de 2010

PELÉ RECONHECE TUNA COMO FÁBRICA DE CRAQUES

"Na coletiva que deu ontem à Imprensa, Pelé, indiscutivelmente o maior jogador do Planeta, fez questão de dizer que o Pará (e óbviamente, a Tuna Luso Brasileira) é um celeiro de craques. O ex-craque santista e da Seleção Brasileira , lembrou de seu grande amigo e compadre Manuel Maria, que foi ponteiro direito do Santos nas décadas de 60 e 70, tendo sido considerado na época o "Garrincha do Santos", dada sua grande habilidade com a bola. O ídolo do futebol mundial, que veio a Belém pela quarta vez (duas como jogador, uma para passear), esta agora como empresário, para lançamento de uma franquia sua, falou também dos dois outros grandes jogadores paraenses que ainda brilham no Santos: Giovanni e Paulo Henrique Ganso, a quem chamou de craques e disse que não entendia por que Dunga não levou Ganso, "que é um dos melhores meias do Brasil no momento".
Será coincidência? Claro que não! Os três grandes jogadores paraenses que brilharam no Santos Futebol Clube e na Seleção Brasileira (Ganso já jogou na Seleção Brasileira Sub-20 e com certeza vai para a Seleção principal) são oriundos da Tuna Luso Brasileira. Manuel Maria, que jogou com Pelé; Giovanni, que foi um dos maiores ídolos santistas e que também vestiu a jaqueta amarelinha e agora Ganso, foram craques da Lusa Paraense, que assim se confirma como a maior fábrica de talentos de futebol do Pará e uma das maiores do Brasil. Muitos Manuel Marias, Giovannis e Gansos ainda virão por aí e, com certeza, oriundos da gloriosa Tuna Luso Brasileira! Aguardem.
A Tuna voltará!"

por Marcos Moraes de Lima (Blog Didascália)