BLOG TUNANTE

segunda-feira, 30 de novembro de 2009

LISTA DO TOP 100 DA TUNA - ATUALIZAÇÃO E CORREÇÃO

Atendendo algumas sugestõe e reclamações que recebemos, resolvemos efetuar correção na lista anterior do TOP 100 da Tuna, enviada recentemente para alguns e-mails e publicada no blog da ATAT, com a finalidade de prestar contas do numerário arrecadado com o TOP 100 da Tuna.
Informamos aos amigos e amigas que tivemos de fazer a correção e atualização da lista pois alguns dos nomes que estavam naquela lista, mesmo tendo demonstrado interesse em participar do TOP 100 da Tuna, não haviam dado permissão para divulgação de seus nomes antes de efetuarem o pagamento.
Em atendimento aos reclamantes, atualizamos a lista e retiramos os nomes daqueles que ainda não pagaram o TOP 100 da Tuna.
Aproveitamos para pedir desculpas aos nomes divulgados indevidamente e que se sentiram prejudicados e lamentamos muito o mal entendido.
Sugerimos aos amigos e amigas que quando tiverem qualquer dúvida ou reclamação em relação ao TOP 100 da Tuna que entrem logo em contato diretamente com meu e-mail ao invés de ficarem fazendo comentários indelicados.
Aos que aderiram e já pagaram a sua contribuição do TOP 100 da Tuna podem ficar certos de que suas contribuições estão sendo bem usadas e de forma bastante transparente.
Segue abaixo a lista atualizada apenas de quem aderiu e já pagou o TOP 100 da Tuna.

Lusos aniquilam o Tubarão

Tunantes enfiaram 4 a 0 no Bragantino e respiram na tabela da primeira fase do campeonato paraense
A Tuna não contou conversa. Se deu bem diante do lanterna Bragantino. Goleou o Tubarão por 4 a 0 na manhã de ontem no Souza, reabilitando-se da derrota para o Ananindeua. A vitória devolveu a Lusa ao quadro do G-4, além de amenizar o clima tenso que havia se criado na Vila Olímpica depois do tropeço diante da Tartaruga.
Reforçada com Rogério Belém, Marcelo Lemos, Cassiá e Marquinhos Belém, todos estreando no campeonato, a equipe de Lucena não teve bom começo. Custou acertar o passo em campo. Mas depois do primeiro gol as coisas mudaram e a Lusa pôde mostrar um futebol convicente. O Bragantino, enquanto teve fôlego, encarou os tunantes e, inclusive, criou as melhores oportunidades de gols. Logo aos 4 minutos Balaio chutou e Cléber mandou a bola para escanteio. Aos 18’ outra boa jogada bragantina. Esquerdinha mandou um petardo de longe e Cléber, num grande esforço, desviou a pelota para escanteio. Dois minutos depois Marcelo Caeté teve tudo para concluir, mas acabou escorregando na hora.
Após a momentânea vantagem do tricolor de Bragança, a Tuna chegou ao primeiro gol. Escanteio tunante e a bola alçou área bragantina. Dênis saiu mal e Cássio, sozinho, tocou para dentro. Os bragantinos pediram falta no goleiro. Aos 36 minutos Ary sentiu uma fisgada na coxa e deu lugar a Rodriguinho, que mudou a cara do jogo em favor dos lusos. O atacante virou terror dos bragantinos no segundo tempo com os três gols marcados.
No segundo tempo o Bragantino já não foi o mesmo da primeira etapa. O time veio mais fechado. Mesmo assim nao deu pra segurar Rodriguinho e a categoria de Rogério Belém e Marcelo Lemos. A Tuna tomou conta da partida.
Não demorou para marcar o segundo gol com Rodriguinho após jogada de Cássio. O segundo gol dele nasceu no centro de Hamilton e o terceiro gol do atacante, o quarto da Tuna no jogo, começou com o cruzamento de Marquinhos Belém. Com o placar definido, Carlos Lucena saiu trocando as peças principais da equipe.
Boa vitória e três pontos apagam clima tenso entre tunantes
Nada melhor de que uma goleada para conter algum vestígio de crise, mesmo que ela seja pequena. O clima de instabilidade que cercou o elenco tunante após a inesperada derrota para o Ananindeua foi varrida pra debaixo do tapete com a goleada de 4 a 0 sobre o Bragantino. Tão boa que fez do atacante Rodriguinho o artilheiro do campeonato, com 3 gols.
Ele figurou no banco de reserva. Entrou no lugar de Ary, ainda no primeiro tempo e não perdeu a oportunidade. Fez gols e mostrou atitude de grande goleador, apesar da sua baixa estatura. ‘’Estou feliz com os gols. Esta é a primeira fez que faço três gols numa só partida’’, falou. Apesar de ser artilheiro, Rodriguinho não tem certeza de que será titular nos próximos jogos. ‘’O técnico (Carlos Lucena) sabe o que é melhor para time. Mas estou pronto para qualquer momento’’, disse.
O tecnico Carlos Lucena avaliou o desempenho da equipe, apontando como fator importante da vitória a disposição de cada jogador. ‘’Hoje (ontem) o time foi bem. Apesar do calor o pessoal se dedicou ao máximo e ganhamos o jogo com um placar folgado. Acho que isso aí. A derrota (contra o Ananindeua) veio na hora certa para a gente reparar o que estava errado, consertar tudo e colocar o time em forma e muito determinado pra vencer’’, explicou.
fonte: Amazônia Jornal - Edição de 30/11/2009

domingo, 29 de novembro de 2009

Tuna goleia o Bragantino por 4 a 0 e time cruzmaltino assume a vice-liderança

CONCURSO GAROTA E GAROTO CAMISETA MOLHADA TUNA 2009

Neste domingo, 29/11 a partir das 12h, será realizado na sede campestre da Tuna Luso Brasileira, na avenida Almirante Barroso, o concurso Garota e Garoto Camiseta Molhada da TUNA 2009.
A promoção é do pessoal da ATAT (Associação dos Torcedores e Amigos da Tuna) e a coordenação é da abnegada Mara Ligia que espera poder contar com a presença da imprensa local e dos associados da Tuna.
A foto acima é do concurso do ano passado.

NOVA CAMISA OFICIAL DA TUNA LUSO BRASILEIRA PARA A 1ª FASE DO CAMPEONATO PARAENSE DE FUTEBOL PROFISSIONAL 2010

COMPRE LOGO A SUA !!!






sexta-feira, 27 de novembro de 2009

Acompanhe a prestação de contas do TOP 100 da Tuna.



Olá amigos e amigas do TOP 100 da Tuna, boa tarde!

Segue em anexo planilha com as receitas e despesas do TOP 100 da Tuna, até o dia 23/11/2009.

Efetuamos algumas arrecadações e gastos com os numerários provenientes de vossas doações e que tem a finalidade exclusiva de ajudar o futebol da Tuna Luso. Temos até o momento uma lista com 50 nomes que aderiram ao TOP 100 da Tuna mas apenas 22 já deram a sua contibuição no mês de novembro e apenas 4 adiantaram suas contribuições de dezembro. Arrecadamos até o momento R$1.250,00 e gastamos com materiais diversos R$1.008,94, conforme descrito na planilha. Estamos com um saldo de R$241,06 para usarmos em alguma necessidade eventual. Lembramos para todos que o numerário arrecadado com o TOP 100 da Tuna será usado apenas para compra de material de apoio, remédios, vale transporte, complemento alimentar, etc. Não é nossa intenção entregar nenhum dinheiro proveniente do TOP 100 da Tuna nas mãos dos jogadores, exceto se aparecer alguma necessidade mais urgente ou se a maioria dos participantes do TOP 100 assim concordarem.

Espero estar conseguindo prestar contas de tudo que foi e está sendo arrecadado e dos gastos com a campanha do TOP 100. Se alguém tiver alguma idéia para melhorar a campanha solicito que entre em contato co gerardo.monteiro@gmail.com mas devo lembrar que tenho me sentido um pouco isolado na organização da campanha do TOP 100 e preciso de ajuda pois sozinho difcilmente conseguirei alcançar os 100 nomes necessários para fechar a lista do TOP 100 da Tuna.

No momento estou fora de Belém e só deverei retornar no dia 09/12. Nesse período sugiro o nome do Sr. João Araujo, presidente da ATAT (cel. 091 9119-5753), para ficar como responsável pela arrecadar as contribuições do TOP 100 da Tuna, visto que não podemos arriscar em colocar muita gente para fazer a arrecadação de numerário sob pena de corrermos o risco de aparecerem aproveitadores de última hora, entendem né!

Na quarta-feira passada, 26/11, contra o Ananindeua, não teve venda de camisas no Souza devido o fornecedor do material, a JBM, não ter entregue as encomendas a tempo mas é provável que no próximo domingo já estejam disponíveis para venda.

Agora, resta aguardar que os demais amigos e amigas façam as suas contribuições com o TOP 100 da Tuna para conseguirmos o nosso objetivo principal.

Boa sorte para todos e muito sucesso à Tuna Luso.

Gerardo Von

quinta-feira, 26 de novembro de 2009

Não é "SELEÇÃO" e nem SELETUNA"!

Lembram do DENOREX? Parece mas não é!
Quem vem dizendo que a Tuna Luso está com um projeto pioneiro e ousado está certo. Agora, dizer que o time virou uma "SELEÇÃO" ou "SELETUNA" é ser otimista demais!
O time que iniciou a 1ª fase do campeonato no domingo, 22/11, venceu com folga do Sport Clube Belém mas não teve pique para dar a sequência de vitória que todos esperavam nesta segunda rodada. Após a derrota para o Ananindeua, o técnico Lucena sentiu que a Tuna precisa e muito melhorar seu desempenho para conseguir uma das quatro vagas da próxima fase.
Se vocês aceitarem uma opinião, achamos que seria bom pararmos de chamar a Tuna Luso de "SELEÇÃO" ou de "SELETUNA" pois não é verdade e os jogadores poderão até acreditar nisso e pensar que são mesmo melhores que os demais.
Será que eles são mesmo? Isso eles terão que provar dentro de campo!
Se tiverem um pouco mais de humildade e pés no chão poderão partir com mais vontade para brigar de igual para igual contra os adversários.
De qualquer forma, está valendo a determinação e vontade de todos nesta luta para manter o futebol da Tuna em atividade, apesar de alguns dicordarem da forma como está sendo feito. É preciso que todos acreditem e vistam a camisa para podermos elevar o nosso moral e a dos jogadores também que precisam de um choque de humildade para melhorarem o desempenho dentro de campo.
Estamos tentando ajudar no que podemos e está ao nosso alcance.
Um forte abraço para todos e até domingo apoiando a Tuna rumo a mais uma vitória.
Sds,
Gerardo Von

CAMPEONATO PARAENSE DE FUTEBOL PROFISSIONAL

Classificação - 1ª Fase - 2010
POS TIMES PG J V E D GP GC S
1° INDEPENDENTE 6/2/2/0/0/6/2/4
2° ANANINDEUA 6//2/2/0/0/3/1/2
3° CAMETÁ 4/2/1/1/0/3/2/1
4° TUNA 3/2/1/0/1/4/2/2
5° CASTANHAL 3/2/1/0/1/2/1/1
6° SANTA ROSA 3/2/1/0/1/3/3/0
7° TIME NEGRA 3/2/1/0/1/2/3/-1
8° SPORT BELÉM 1/2/0/1/1/3/6/-3
9° BRAGANTINO 0/2/0/0/2/1/3/-2
10° VILA RICA 0/2/0/0/2/2/6/-4

ARTILHEIROS:
2 GOLS: Eric (SANTA ROSA) e Moisés (INDEPENDENTE)
1 GOL: Del Curuçá, Paulinho Pitbull e Everton (CAMETÁ), Cássio, Preto Barcarena , Ari e Cristóvão (TUNA), Marcelinho (SANTA ROSA) , Benevides, Amaral e Jr. Moraes (SPORT BELÉM) , Leandro Cearense e Henrique (VILA RICA), Ricardo Henrique , Kanu e Joãozinho (ANANINDEUA), Marquinhos Taira (BRAGANTINO), Joca e Aru (TIME NEGRA) , Joel , Cafu, Daniel e Diego Silva (INDEPENDENTE), Geovani e Claudinei (CASTANHAL).

1ª RODADA
CASTANHAL 0X1 CAMETÁ 21.11 SAB 20:00 CASTANHAL
VILA RICA 1X3 SANTA ROSA 22.11 DOM 09:30 CURUZU
SPORT BELÉM 1X4 TUNA 22.11 DOM 09:30 SOUZA
ANANINDEUA 2X1 BRAGANTINO 22.11 DOM 15:30 BAENÃO
TIME NEGRA 1X3 INDEPENDENTE 22.11 DOM 17:00 MARABÁ

2ª RODADA
SANTA ROSA 0X2 CASTANHAL 24.11 TER 20:00 CASTANHAL
ANANINDEUA 1X0 TUNA 25.11 QUA 15:30 SOUZA
INDEPENDENTE 3X1 VILA RICA 25.11 QUA 16:00 TUCURUÍ
BRAGANTINO 0X1 TIME NEGRA 25.11 QUA 19:30 CAPANEMA
CAMETÁ 2X2 SPORT BELÉM 25.11 QUA 20:00 CAMETÁ

3ª RODADA
SPORT BELÉM X ANANINDEUA 28.11 SAB 15:30 CURUZU
VILA RICA X CAMETÁ 28.11 SAB 20:00 CAMETÁ
TIME NEGRA X SANTA ROSA 29.11 DOM 09:30 MARABÁ
TUNA X BRAGANTINO 29.11 DOM 10:00 SOUZA
INDEPENDENTE X CASTANHAL 29.11 DOM 16:00 TUCURUÍ
fonte: Rádio Clube do Pará

Tartaruga abate Lusa no Souza

A Tuna Luso estava embalada pela goleada na estreia no Parazão, mas acabou surpreendida pelo Ananindeua
A mesma Tuna Luso que goleou o Sport Belém, domingo passado, começou a partida de ontem pressionando o Ananindeua, mas acabou surpreendida. O time comandado pelo técnico Válter Lima superou a equipe cruzmaltina e venceu o jogo por 1 a 0. O confronto, válido pela segunda rodada da primeria fase do Parazão-2010, foi disputado no Souza e decidido em uma jogada dos atacantes Canu e Joãozinho, autor do gol.
A Lusa dominou a partida até os 31 minutos do primeiro tempo, quando Canu subiu pela direita, se livrou da marcação de Preto Barcarena e cruzou para Joãozinho. Desmarcado, o atacante da Tartaruga dominou e chutou, sem chance para o goleiro Cléber.
Bastou o gol para fazer a Tuna perder o ritmo de jogo e o Ananindeua ganhar espaço. Antes da segunda etapa, o setor ofensivo da equipe visitante ainda perdeu duas chances de aumentar a vantagem, todas com o atacante Canu.
Como já era esperado, a Tuna retornou do intervalo com pressa para conseguir o empate. O Ananindeua, por sua vez, apresentou tranquilidade para conter o time cruzmaltino e buscou ampliar a diferença no placar. Os times, porém, não souberam finalizar e perderam várias chances de gol. Até mesmo as jogadas ensaiadas, usadas estrategicamente na última partida da equipe cruzmaltina.
Na Tartaruga, Válter Lima optou por trocar Joãozinho por Helinho, mas não adiantou. Embora tivesse criado mais jogadas, nenhuma foi concluída com sucesso para o gol.
Aos 15 minutos, Janderson ainda levou perigo à meta de Jefferson, cobrando uma falta que desviou na barreira e bateu na trave. A Tuna não desistiu de buscar o empate, mas, no desespero, cedeu à falta de entrosamento e errou passes demais. Resultado: o Ananindeua aproveitou alguns contra-ataques e levou perigo à meta lusa, mas nada que pudesse alterar o marcador.
Com a vitória, a Tartaruga soma seis pontos na classificação geral. A Tuna, porém, perdeu o primeiro lugar na tabela e permanece com três.

ANANINDEUA
Jefferson; Leandro Silva, Max Melo (Júnior Belém), Ricardo Henrique e Róbson; Marabá, Amaral, Cléberton e Marituba (Hugo); Canú e Joãozinho (Helinho). Técnico: Válter Lima

TUNA LUSO
Cléber; Michel, Cristóvão, Sérgio e Janderson (Chicão); Paulo de Tárcio (Romeu), Preto Barcarena, Tiago (Arinélson) e Jóbson; Cássio e Ari. Técnico: Carlos Lucena.
FICHA TÉCNICA:
Hora: 15h30
Local: Souza
Renda: R$ 3.940,00
Público: 419 pagantes
Árbitro: Hislene de Lima Gomes.
Cartões amarelos: Róbson e Amaral, do Ananindeua; Romeu, Arinelson e Ari, da Tuna.
O técnico Carlos Lucena, irritado com o resultado desfavorável e com a impensa, deixou o campo apressado e não saiu dos vestiários para dar entrevista. Contudo, os jogadores cruzmaltinos tiraram a derrota por menos e garantiram que aprenderam a lição.
'Perdemos na hora certa, ainda é a segunda rodada. Agora, temos que trabalhar para que isso não aconteça de novo', comentou o meio-campista Tiago.
O Ananindeua enfrentará o Sport Belém, no próximo sábado, às 15h30, pela terceira rodada da primeira fase do Parazão-2010. A Tuna receberá o Bragantino, domingo, às 10 horas, no Souza.
fonte: Amazônia Jornal

Rapidinhas do Henrique Amado

AMADORISMO
A atleta paraense Gaby Figueiredo ganhou vaga na seleção brasileira principal de nado sincronizado que vai ao Canadá disputar um torneio internacional.
Certame Estadual de Vôlei
Terça-feira (AP)
Mirim Feminino - AP 3 – 0 COPM
Infanto Masculino – AP 3 – 1 Remo Sábado - AP
Final Pré-mirim feminino – 9h – Tuna – AP
Semifinal Pré-mirim masculino – 10h20 – Remo – AP
Juvenil feminino – 18h – COPM – Tuna
Infanto masculino – 19h30 – Remo – Tuna Certame Estadual de Handebol
Ontem
IFPAADULTO MASCULINO IFPA x PALMEIRAS
ADULTO MASCULINO PAYSANDU x ESMAC
Amanhã
IFPA ADULTO MASCULINO
19:30 IFPA x ESMACADULTO MASCULINO
21:00 PAYSANDU x ADEMA

Certame Estadual de Futsal
Ontem
SUB-9 MADRE AABB WxO SÃO DOMINGOS
SUB-9 MADRE ESMAC 2x2 CLUBE DO REMO
SUB-17SESI ESMAC x PAYSANDU
SUB-17SESI MESON PI x AAEB
Amanhã
S. OURO STA. IZABEL 21:00 IZABELENSE x SÃO PAULO
S. OUROSESI 19:30 SÓ AMIGOS x CLUBE DO REMO VETERANO
SESI 19:30 SÓ AMIGOS x CLUBE DO REMO

FUTEBOL PROFISSIONAL
ONTEM A "SELEÇÃO PARAENSE - SELETUNA" CONHECEU SUA 1ª DERROTA NESTA 1ª FASE DO PARAZÃO 2010. PERDEU PARA O ANANINDEUA POR 1 A 0, PELA 2ª RODADA DA COMPETIÇÃO.
A TUNA FORMOU COM: CLEBER, MICHEL/CHICÃO, CRISTÓVÃO, SÉRGIO E JANDERSON. P. BARCARENA, P. TARSO/ROMEU (C.A), JÓBSON E TIAGO/ARINELSON (C.A). ARI E CÁSSIO.
O JOGADOR ARINELSON LEVOU SEU 2° CARTÃO AMARELO, E ROMEU ACABOU CONTUNDINDO SUA CONTRA-COXA ESQUERDA E HOJE DEVE PASSAR POR UMA AVALIAÇÃO MÉDICA MAIS DETALHADA. PARA O PRÓXIMO COMPROMISSO DA TUNA, DOMINGO (10h) AQUI NO SOUZA, HAVERÁ 4 MUDANÇAS POIS QUATRO ATLETAS DEVERÃO ESTAR A DISPOSIÇÃO DE LUCENA PARA ESTA PARTIDA: MARQUINHOS BELÉM, ROGÉRIO BELÉM, MARCELO LEMOS E CASSIÁ. ALÉM DESSES QUATRO, AINDA NÃO ESTÃO REGULARIZADOS RONDINELI, ADMILTON E INÁCIO.
AGORA PELA MANHÃ, 26/11, APENAS OS ATLETAS QUE NÃO JOGARAM ONTEM TRABALHARÃO, O RESTANTE DO ELENCO REAPRESENTA-SE SOMENTE À TARDE, A PARTIR DAS 15h. O DETALHE É QUE ROGÉRIO BELÉM TRABALHARÁ TANTO DE MANHÃ QUANTO PELA TARDE.
ONTEM O "ESPANHOL" FOI APRESENTADO OFICIALMENTE COMO NOVO SUPERVISOR DE FUTEBOL.

quarta-feira, 25 de novembro de 2009

Tuna Luso perde para o Ananindeu por 1 a 0

Na tarde desta quarta-feira, 25/11, em cumprimento a segunda rodada da 1ª fase do campeonato paraense de futebol, a Tuna Luso não foi feliz no estádio do Souza e não apresentou o bom futebol da primeira rodada, quando venceu com folga o Sport Belém pelo placar de 4 a 1. A Lusa paraense perdeu para o Ananindeua por 1 a 0 e com a derrota, a perdeu também a invencibilidade no campeonato. Agora, terá que vencer o Bragantino no próximo domingo para não ficar para trás na tabela e encostar novamente nos líderes.
O gol isolado do ananindeua foi feito pelo jogador Joãozinho aos 31 minutos do primeiro tempo. O goleiro Kleber, da Tuna, teve uma boa performance e evitou que o esquadrão luso levasse mais gols.
Não está nada perdido ainda e o momento não é de desespero pois há tempo para acertar os erros da partida de hoje e partir com tudo no domingo para recuperar os pontos perdidos. Novos jogadores deverão estrear e com isso espera-se um melhor desempenho da equipe da Tuna.
Muita calma nessa hora!
Classificação da 1ª Fase - 2ª rodada (2010)
POS TIMES PG J V E D GP GC S
1° INDEPENDENTE 6/2/2/0/0/6/2/4
2° ANANINDEUA 6/2/2/0/0/3/1/2
3° TUNA 3/2/1/0/1/4/2/2
4° CASTANHAL 3/2/1/0/1/2/1/1
5° CAMETÁ /3/1/1/0/0/1/0/1
6° SANTA ROSA 3/2/1/0/1/3/3/0
7° BRAGANTINO 0/1/0/0/1/1/2/-1
8° TIME NEGRA 0/1/0/0/1/1/3/-2/
9° SPORT BELÉM 0/1/0/0/1/1/4/-3
10° VILA RICA 0/2/0/0/2/2/6/-4

ARTILHEIROS:
2 GOLS: Eric (SANTA ROSA) e Moisés (INDEPENDENTE)
1 GOL: Del Curuçá (CAMETÁ), Cássio, Preto Barcarena , Ari e Cristóvão (TUNA), Marcelinho (SANTA ROSA) , Benevides (SPORT BELÉM) , Leandro Cearense e Henrique (VILA RICA), Ricardo Henrique , Kanu e Joãozinho (ANANINDEUA), Marquinhos Taira (BRAGANTINO), Joca (TIME NEGRA) , Joel , Cafu, Daniel e Diego Silva (INDEPENDENTE), Geovani e Claudinei (CASTANHAL).

Sucesso

O comportamento em campo dos jogadores que estão disputando o campeonato pela Tuna Luso numa espécie de cooperativa, surpreendeu. E mostrou que nem tudo está perdido no futebol paraense. Jóbson, Preto Marabá e Arinelson deram o bom exemplo.

Idade
E ainda estão chegando Marquinhos Belém, Marcelo e Rogério Belém, para formar a melhor equipe do futebol paraense na atualidade. A única dúvida é o condicionamento físico, que a idade às vezes atrapalha. Tecnicamente falando, é um time acima da média.
fonte: Amazônia Jornal - por: Hamilton Gualberto - Edição 25/11/2009

Águia enfrenta a tartaruga

Equipes, que estrearam com vitória na primeira fase do parazão, voltam a campo hoje, no estádio do souza
A Tuna Luso volta a campo hoje, contra o Ananindeua, embalada pela vitória por 4 a 1 sobre o Sport Belém no último domingo. O jogo será às 15h30, no Souza, embora o mando de jogo seja da Tartaruga. Pelo que deu a entender no treino coletivo de ontem, o técnico Carlos Lucena deve manter a base da equipe cruzmaltina.No Ananindeua, a julgar pelo bom desempenho do time na última partida, contra o Bragantino Válter Lima também deve fazer poucas mudanças no time.
O duelo será entre duas das principais candidatas às quatro vagas na fase principal do Campeonato Paraense 2010, apesar da temporária falta de entrosamento. Os dois times
têm ogadores experientes e novos talentos. Porém, a Tuna leva uma breve vantagem nesse quesito. Reforçada por Jóbson, que já mostrou estar apto a ajudar o time, Arinélson, Sérgio, Preto Barcarena e Paulo de Tárcio, a equipe de Lucena iniciou a competição com uma goleada.
Outra vantagem tunante são os novatos. No ataque, Cássio e Ari marcaram gols logo na estreia pela equipe e são as promessas da Tuna para o torneio. No meio, Tiago Nicolau dividiu com Jóbson a responsabilidade pela criação de jogadas. E saiu-se bem. Na partida de hoje, todos eles voltarão a campo, sob pressão ainda maior. 'Espero uma boa partida', diz Ari, de 25 anos. 'Conheço vários jogadores e sei que o time deles tem qualidade, mas a cada dia estamos mais entrosados'.
Para Tiago Nicolau, a partida deverá ser mais difícil do que a última, contra o Sport. A Tuna, no entanto, tem várias cartas na manga para vencer o Ananindeua.
'Não tem jogo fácil. Eles são perigosos, mas vamos jogar em casa. E nosso time tem jogadores que disputaram grandes partidas, na Série A, na Libertadores. Fora os estreantes, que também têm qualidade. Essa é a receita da Tuna: experiência e juventude', afirma o meio-campista, de 25 anos.
Do lado do Ananindeua, as dificuldades devem ser as mesmas da primeira rodada: preparação física e entrosamento. O técnico Válter Lima assumiu a equipe na semana passada e está conhecendo o grupo. Ainda assim, venceu o Bragantino sem dificuldade no último domingo. Agora, precisará superar um time que começou a treinar cedo e já mostrou qualidade.

ANANINDEUA
Jonathan; Frank, Max, Jô e Móia; Edson, Pagé, Zé Dias e Erlon; Joãozinho e Kanú.
Técnico: Válter Lima.

TUNA LUSO
Kléber; Michel, Cristóvão, Sérgio e Janderson; Paulo de Tárcio, Preto Barcarena, Tiago e Jóbson; Cássio e Ari.
Técnico: Carlos Lucena.

Hora: 15h30
Local: Souza
Árbitro: Hislene de Lima Gomes
Auxiliares: Fernando de Brito Miranda e José Raimundo Gonçalves Gomes
Regra-três: Andrey da Silva e Silva
fonte: Amazônia Jornal - Edição 25/11/2009

Segunda rodada do paraense promete fortes emoções


A segunda rodada da primeira fase do Campeonato Paraense já teve bola rolando ontem à noite, com Santa Rosa 0 x 2 Castanhal na “Cidade Modelo”. Hoje, mais três jogos estão programados. O principal é o encontro entre Tuna e Ananindeua, a partir das 15h30, no Estádio do Souza.
Após a estreia vitoriosa diante do Sport Belém, o time de Carlos Alberto Lucena almeja confirmar a decolagem na etapa inicial do Parazão, mas terão um adversário que promete equilibrar as ações em pleno Ninho da Águia. O ex-treinador do Paysandu, Válter Lima, também já adiantou que quer a segunda vitória consecutiva no torneio – a Tartaruga ganhou do Bragantino na rodada de abertura.
Para obter o triunfo, Valtinho confia no potencial do ataque, formado por Helinho e Joãozinho. Do lado tunante, a cooperativa ainda não contará com os recém-integrados Marcelo Lemos e Rogério Belém, mas terá a juventude e boa fase dos artilheiros Cassió e Ari.
Às 16 horas, a rodada terá prosseguimento com o embate entre Independente e Vila Rica, no Navegantão, em Tucuruí. Às 19h30 será a vez de Bragantino e Time Negra se enfrentarem, em Capanema. Para finalizar, o Cametá recebe o Sport Belém, no Parque do Bacurau a partir das 20 horas.

Japiim vence a primeira e sobe na tabela
Em jogo marcado por jogadas violentas e várias expulsões, o Castanhal somou seus primeiros pontos na primeira fase do Parazão 2010 ao vencer a equipe do Santa Rosa pelo placar de 2 a 0 em partida realizada na noite desta terça-feira no estádio Maximino Porpino em Castanhal. Os gols do “Japiim da Estrada” foram marcados por Geovani (cabeça) aos 23 minutos e Claudinei aos 44 minutos, ambos na etapa final. A renda divulgada foi de R$ 2.814,00 e apresentou um público total de 625 torcedores, sendo 559 pagantes e 66 credenciados.O resultado do jogo fez o Castanhal subir da sétima para a terceira posição na classificação e o Santa Rosa descer da segunda para a sexta colocação.
Classificação:
1º Tuna – 3 pts
2º Independente – 3
3º Castanhal – 3
4º Ananindeua – 3
5º Cametá – 3
6º Santa Rosa – 3
7º Bragantino – 0
8º Time Negra – 0
9º Vila Rica – 0
10º Sport Belém - 0
fonte: Rádio Clube do Pará

terça-feira, 24 de novembro de 2009

RECORDANDO AS BOAS LEMBRANÇAS DE 2007!

RAPIDINHAS DO HENRIQUE AMADO

HOJE PELA MANHÃ FOI FOLGA GERAL AO PLANTEL. O ELENCO PROFISSIONAL REAPRESENTA-SE APENAS PELA PARTE DA TARDE, A PARTIR DAS 15h, QUANDO FARÁ UM COLETIVO APRONTO, VISANDO A PARTIDA DE AMANHÃ, 4ª FEIRA, FRENTE O ANANINDEUA, PELA 2ª RODADA DO CAMPEONATO PARAENSE DA 1ª FASE, NO SOUZA (15H30).
ONTEM PELA MANHÃ TAMBÉM HOUVE FOLGA AO PLANTEL, OS ATLETAS REAPRESENTARAM-SE APENAS PELA PARTE DA TARDE, QUANDO FIZERAM UM TREINO RECREATIVO SOB O COMANDO DO TREINADOR CARLOS ALBERTO LUCENA E DO SUPERVISOR CHINA E DO PREPARADOR FÍSICO SIDNEY FLORES. DESDE ONTEM, O ATACANTE MARCELO LEMOS, O MEIA RONDINELI (EX-TIME NEGRA) E O DEFENSOR ADMILTON (EX-PSC) ESTÃO TREINANDO NO NINHO DA ÁGUIA. O JOGADOR ROGÉRIO BELÉM DEVE SE APRESENTAR NESTA TERÇA-FEIRA. JÁ ROMEU, CASSIÁ E MARQUINHOS BELÉM DEVEM FICAR A DISPOSIÇÃO DE LUCENA A PARTIR DE AMANHÃ, SENDO QUE MARQUINHOS BELÉM SÓ TERÁ CONDIÇÕES DE JOGO NO PRÓXIMO DOMINGO, CONTRA O BRAGANTINO, POR ESTAR FINALIZANDO SEUS EXAMES MÉDICOS, O QUE ACONTECERÁ TAMBÉM COM OS DEMAIS ATLETAS DA TUNA.
O JOGADOR BAIANO QUERIA VIR PARA CÁ TAMBÉM, PORÉM O ELENCO JÁ ESTÁ CHEIO, AO TODO SÃO 40 PROFISSIONAIS, E O “BELGA”, HUGO VAN KERKHOVE JÁ DISSE QUE QUER FECHAR O ELENCO COM 30 ATLETAS NO MÁXIMO, DE 8 A 10 JOGADORES DEVERÃO SER DISPENSADOS A CRITÉRIO DE LUCENA NOS PRÓXIMOS DIAS. O JOGADOR PAULINHO FOI LIBERADO DO ELENCO, POIS O NÚMERO MÁXIMO DE TRANSFERÊNCIAS (3) FOI EXPIRADO, E POR CONTA DISSO NÃO PODERÁ SER CONTRATADO, A DIREÇÃO SÓ VAI PROCURÁ-LO A PARTIR DO DIA 1º DE JANEIRO. QUEM TAMBÉM PODE APARECER POR AQUI É O ALDIVAN, E AINDA HÁ A EXPECTATIVA PARA QUE CIRO E BALÃO ACERTEM SUAS VINDAS. PARA O JOGO DE AMANHÃ FRENTE O ANANINDEUA (15h30).
JOÃO LUIS DEVE JOGAR PELO MENOS 20 MINUTOS NO PRÓXIMO JOGO. A BAIXA É O GOLEIRO CLEBER QUE NA GOLEADA DO ÚLTIMO DOMINGO FRENTE AO SPORT BELÉM POR 4 A 1 CONTUNDIU-SE NO TORNOZELO ESQUERDO E DESFALCARÁ A EQUIPE. NO DOMINGO PASADO O INGRESSO FOI R$ 10,00, POIS O MANDO DE JOGO FOI DO SPORT BELÉM, AMANHÃ, COMO O MANDO É DO ANANINDEUA O PREÇO DO INGRESSO FICARÁ A CRITÉRIO DO ANANINDEUA, MAS NO JOGO DE DOMINGO (10h), CONTRA O BRAGANTINO, O MANDO DE JOGO É DA TUNA E EM FUNÇÃO DISSO OS INGRESSOS DEVERÃO SER A R$ 5,00, SENDO QUE MULHERES E CRIANÇAS ATÉ 12 ANOS NÃO PAGAM.
POR: Henrique Amado - Locutor Esportivo da Super Rádio Marajoara 1130 AM
9908-57 76 4005-44 12

segunda-feira, 23 de novembro de 2009

MARCELO LEMOS, A MAIS NOVA CONTRATAÇÃO DA TUNA LUSO.




Tuna Luso vence o Sport Belém por 4 a 1 na estréia da 1ª fase do campeonato paraense de 2010.


O campeonato paraense de futebol profissional, em sua 1ª fase, teve início na noite deste sábado com a vitória do Cametá por 1 a 0 sobre o Castanhal, na cidade modêlo.
A Tuna Luso fez sua estréia no campeonato com uma boa vitória. Venceu sob forte sol na manhã do domingo, 22/11, o Sport Clube Belém pelo placar de 4 a 1.
O Jogo iniciou frio e com cautela dos dois lados mas logo aos 5 minutos a Tuna fez 1 a 0 através de Cássio. O Sport foi para cima e aproveitou a queda de rítimo da Tuna para empatar o jogo ainda no primeiro tempo com gol de Benevides. Com mais presença e experiência em campo, a Tuna fez 2 a 1 com Preto Barcarena ainda no primeiro tempo.
No segundo tempo, a Tuna continuou melhor e fez mais 2 gols, com Ari aos 8 minutos e Cristovão aos 46 minutos, finalizando o placar em 4 a 1 para a Tuna Luso. O Sport Belém teve dois jogadores expulsos, facilitando o trabalho da Tuna.








Em cinco jogos realizados neste final de semana, foram marcados 17 gols o que corresponde a uma média de gol de 3,4 por partida.








Os torcedores da Tuna ficaram satisfeitos com o time que viram atuar em campo. Ainda mais depois que venceu bem do seu etérno calo, o Sport Belém.
No intervalo de jogo foi apresentado para o público presente um belo jogo de futebol feminino entre modelos da Beckmodel, do promoter Gustavo Beckman.










FICHA TÉCNICA:
Tuna Luso: Cleber, Michel, Cristovão, Sergio, Janderson (Chicão), Preto Barcarena, Nicola, Paulo de Társio, Jobson (Arinelson),Ari, Cássio (Placa).
Técnico Carlos Lucena.

Sport Clube Belém: Jackson, Helder, Ronny, (Expulso), Adjael, Benevides (Expulso), Amaral, Jr. Moraes, Marlindo, Totó, (Titê), Carlos Alberto, Carlinhos Maraú.
Técnico. Fernando Carioca.

Juiz: Fernando José de Castro Rodrigues
Auxiliares: Silverio Ferreira e Fernando de Brito Miranda
Público: 678 (presentes)
Renda: R$4.380,00

Resultados da primeira rodada do Parazão 2010:
Sábado (21/11)
Em Castanhal – Castanhal 0 x 1 Cametá Domingo
Domingo (22/11)
No Souza - Sport Belém 1 x 4 Tuna Luso
Na Curuzu - Vila Rica 1 x 3 Santa Rosa
No Baenão - Ananindeua 2 x 1 Bragantino
Em Marabá - Time Negra 1 x 3 Independente

Classificação:
1º Tuna – 3 pts saldo: 3
2º Santa Rosa – 3 saldo: 2
3º Independente – 3 saldo: 2
4º Ananindeua – 3 saldo: 1
5º Cametá – 3 saldo: 1
6º Bragantino – 0
7º Castanhal – 0
8º Time Negra – 0
9º Vila Rica – 0
10º Sport Belém - 0

sexta-feira, 20 de novembro de 2009

Campeonato Paraense de Futebol da 1ª dIvisão 2010

Tabela da 1ª fase e Regulamento
http://www.fpfpara.com.br/portal/site/paraense/Paraense2010/TabParaense/Tabela_Paraense2010_1fase.pdf

TABELA - 1ª FASE 17-11-2009 / 1ª RODADA
JOGO / DATA / DIA / HORA / LOCAL
CASTANHAL x CAMETÁ 21.11 SÁB 20:00 MAXIMINO PORPINO - CASTANHAL
ANANINDEUA x BRAGANTINO 22.11 DOM 15:30 BAENÃO - BELÉM
VILA RICA x SANTA ROSA 22.11 DOM 09:30 CURUZÚ - BELÉM
SPORT BELÉM x TUNA 22.11 DOM 09:30 SOUZA - BELÉM
TIME NEGRA x INDEPENDENTE 22.11 DOM 17:00 ZINHO OLIVEIRA - MARABÁ

quinta-feira, 19 de novembro de 2009

Copa do Brasil de Futebol Feminino: Sereias da Vila Sorriso goleiam e avançam às semifinais

As meninas do Pinheirense continuam fazendo bonito na terceira edição da Copa do Brasil de Futebol Feminino e golearam nesta quinta-feira a tarde na Curuzu o São Raimundo de Roraima pelo placar de 6 a 2. Os gols do representante paraense na competição foram marcados através da artilheira Pingo (3x), Suzi, Wal e Kate (contra). Pelo São Raimundo marcaram as jogadoras Naiana e Ádria.
Na fase semifinal, o Pinheirense irá enfrentar ( de acordo com o sorteio realizado hoje a tarde pela CBF) o classificado do confronto entre Santos-SP e Novo Mundo-PR que se enfrentarão na Vila Belmiro-SP na noite de hoje. No primeiro jogo realizado erm Curitiba, o Santos venceu pelo placar de 4 a 0. A data do jogo único válido pela fase semifinal esta confirmada para o dia 26/11 (quinta-feira) às 20h (horário de Belém) no estádio Alfredo de Castilho em Bauru (SP). A outra partida semifinal esta marcada para o dia 27/11 no mesmo horário e local.
A final será realizada no dia 1º de dezembro às 20h (horário de Belém) no estádio Pacaembu em São Paulo.
A decisão do terceiro lugar será no mesmo dia da final às 17h30, também no Pacaembu.
fonte: Rádio Clube do Pará

Tuna Luso vence amistoso contra Pedreira (Vigia)



Olá amigos e amigas da Tuna, a paz do Senhor esteja convosco!
Conseguimos ontem, 4ª feira (18/11), uma apertada mas importante vitória no futebol profissional junto ao time amador do Pedreiras, da Vigia de Nazaré. Foi apenas o primeiro jogo treino realizado pela atual equipe da Tuna que ainda está em formação.
No domingo, 22/11, faremos a nossa estréia na 1ª fase do campeonato paraense de 2010 contra o Sport Clube Belém, às 09:30h no estádio do Souza. Esperamos poder sair de campo no domingo com uma boa vitória para o time embalar em busca de uma das quatro vagas para a 2ª fase do campeonato de 2010.

A Tuna jogou e venceu com:
(1) Cleber, (2) Michel, (3) Cristovão, (4) Sergio, (6) Cassiá, (7) Paulo de Tarsio, (5) Preto Barcarena, (10) Arinelson, (8) Thiago, (11) Ari e (9) Cássio.

Reservas: Junior Maranhão, Marquinhos Belém, Chicão, Lua, Paulinho, Rodrigo, Zé Augusto, Tabu, Gil, Alan, Placa e Romeu.
Técnico: Carlos Lucena
Auxiliar técnico: China

Tuna vence jogo amistoso: 1 a 0

Após a partida, Lucena partiu para o ataque contra a imprensa
A Tuna sofreu, mas venceu o Pedreira, do município de Vigia, por 1 a 0, em amistoso disputado ontem à tarde, no Souza. O time cruzmaltino só ofereceu risco aos visitantes no segundo tempo, com a substituição de praticamente toda a equipe. Logo após voltar a campo, aos 3 minutos, o atacante Ari recebeu lançamento do meia Placa e marcou o único gol da partida, de cabeça. Depois do jogo, visivelmente descontente com o desempenho do grupo, o técnico Carlos Lucena descontou a raiva na imprensa.
Questionado sobre as dificuldades que a Tuna Luso teve para vencer o time vigiense, Lucena evitou falar da partida e acusou a imprensa de fazer campanha contra o time. 'O jogo foi bom', declarou, inicialmente. 'Ruim é o que vocês têm feito com a gente. Que o Paysandu roubou dinheiro público vocês não falam lá no jornal de vocês. Problema de vocês, da imprensa, é que só dão ‘ibope’ para Remo e Paysandu. Tudo o que eles fazem está certo', disse o treinador.
Os torcedores que foram ao Souza conferir a equipe tunante antes do início da 1ª fase do Campeonato Paraense 2010, no próximo fim de semana, não pouparam críticas ao time. 'Deu calo na vista. Com certeza, esse time ainda não está preparado para disputar uma competição', desabafou Elton dos Reis, de 27 anos. Apesar das queixas, Pedro Souza, de 57 anos, não se arrependeu de ter levado a família ao estádio. 'O primeiro time estava ruim, mas o segundo está bom. Falta só arrumar o meio-campo', avaliou.
A Tuna Luso entrou em campo com Cléber; Michel, Cristóvão, Sérgio, Cassiá; Paulo de Tárcio, Preto Barcarena, Romeu, Arinelson; Ari e Cássio. No segundo tempo, Lucena escalou Marquinhos Belém na lateral-direita, Paulino para a esquerda, Thiago e Placa no meio-campo, e Rodriguinho e Zé Augusto para o ataque.
O primeiro time finalizou pouco e mostrou falta de entrosamento. Após a substituição, a equipe ficou mais ofensiva, conduziu melhor a bola e finalizou mais vezes. Só faltou acertar o alvo.
O zagueiro Sérgio, o volante Preto Barcarena, o lateral Marquinhos Belém e o atacante Ari se destacaram na partida. Marquinhos Belém foi o principal responsável pelas jogadas no segundo tempo. E o atacante Ari mostrou habilidade para criar e finalizar. Só não marcou mais por falhas no setor de meio-campo. Apesar do placar, a partida mostrou que o técnico Carlos Lucena ainda terá um longo trabalho pela frente para evitar que a Tuna fique novamente de fora da fase principal do Parazão.

Vitória sobre o Pedreira marca "Nova Tuna"
Bem que foi previsto. O técnico Carlos Alberto Lucena já havia deixado bem claro para a torcida cruzmaltina que compareceu ao estádio Francisco Vasques na tarde de ontem que a Tuna Luso não iria dar “show de bola” no amistoso contra o Pedreira, do município de Vigia. O placar de 1 a 0 foi o suficiente para mostra a “nova Lusa”, que se prepara com jogadores experientes do futebol paraense para a estreia na primeira fase do Estadual, marcada para o próximo domingo (22), a partir das 9h30, no Sousa, contra o Sport Belém.
Monótono e sem grandes emoções. Assim foi o primeiro tempo do jogo de ontem. A Tuna mostrava certo desentrosamento, principalmente no meio campo com Arinélson, de 36 anos, e Romeu, ex-Remo e vice-campeão paraense com a Águia em 2007, que estava no Marília e acertou recentemente com a Lusa. A defesa mostrava insegurança em algumas oportunidades, mas o veterano Sérgio, capitão da equipe, não dava grandes espaços para os vigienses, que tocava mais a bola.
No segundo tempo, Lucena mudou meio time, inclusive com a entrada de Marquinhos Belém na lateral-direita, e com jogadores mais leves em campo, a Elite do Norte foi outra e segurou o adversário no campo de defesa. Em cruzamento do meio campo Placa, Ari cabeceou certeiro aos dois minutos e fez o único gol da partida: 1 a 0 Tuna. “O time se movimentou, tocou bem a bola, só faltou finalizar mais. Colocamos outras peças no segundo tempo e o time melhorou. Estávamos lentos na saída de bola mais isso deve melhorar com o tempo”, explicou Lucena.
O volante João Luis e o meia atacante Jóbson não foram relacionados para o jogo por estarem fora da forma física ideal.
fonte: Radio Clube do Pará

quarta-feira, 18 de novembro de 2009

TREINAMENTO DOS REMADORES DA TUNA LUSO PARA O TROFÉU BRASIL DE REMO UNIFICADO 2009



Uma equipe formada por 22 pessoas, entre atletas de remo e comissão técnica, está treinando firme para participar e representar a Tuna Luso no Troféu Brasil de Remo 2009, que será disputado no Rio de Janeiro, entre os dias 1º e 6 de dezembro próximo.

Segundo o técnico "Lindão" a Tuna Luso tem grande chance de pelo menos 4 vitórias na competição.

As 26 passagens de ida e volta, de avião, para 12 atletas mais a Tia Maria que estão em Belém, já foram compradas pelo colaborador Luis Otávio, da fábrica Santa Maria, produtora da margarina VitaPalma, Sabonete Carimbó e Sabão Regente. As 18 demais passagens dos atletas que moram em Manaus serão bancadas pelos próprios atletas.

A Tuna Luso conseguiu uma grande economia para o clube com as isenções das inscrições dos seus 17 atletas que custaria R$93,00 (cada atleta), totalizando R$1.581,00 e também no aluguel nos barcos para poder competir onde cada assento custa R$50,00 por atleta, totalizando R$5.100,00. A economia total foi de R$6.681,00.

Delegação da Tuna Luso: Herick, Deyvson, Wilhames, Patrick, Morato, Matheus, Albert, Japonês, Gisele, Naiara, Eliana, Alexandre, Ailson Eráclito, Waldomilton, Matheuzinho, Jucélia, Cristiane, Hiago, Cristovam, Augusto, Tia Maria e o técnico Manasseh.

POR QUESTÃO PROFISSIONAL E COMPROMISSOS PARTICULARES ASSUMIDOS EM BELÉM, O TÉCNICO "LINDÃO" NÃO PODERÁ ACOMPANHAR A DELEGAÇÃO DURANTE A DISPUTA DO TROFÉU BRASIL.
ScullerBrasil: http://www.scullerbrasil.com/

terça-feira, 17 de novembro de 2009

Entrega de remédios no departamento médico da Tuna Luso

Entregamos nesta terça-feira, 17/11, diversos medicamentos para o departamento médico da Tuna Luso.
O material foi adquirido pela ATAT (Associação dos Torcedores e Amigos da Tuna) através das doações recebidas do TOP 100 da Tuna.

ELE FAZ PARTE DA HISTÓRIA DA TUNA LUSO

Nome: Valdir dos Santos
Nascimento: Maceió-AL (1940)
Pai: Luis Antonio dos Santos
Mãe: Maria do Carmo dos Santos
Esposa: Elizabeth Queiroz dos Santos
Filhos: 3 homens e 1 mulher

Valdir chegou em Belém para jogar na Tuna Luso em 1962 e ficou até 1963. Depois foi para o Ceará Sporting, de Fortaleza, onde foi tri-campeão invícto. No Ceará jogou com Edilson, irmão do atual técnico Carlos Lucena, da Tuna Luso.
O veterano Valdir tem dois filhos que seguiram o seu caminho no futebol e jogaram na Tuna. Os dois jogadores são Claudiomiro e Valber, ambos campeões brasileiros da taça de prata pela Tuna em 1992.
A maior lembrança de Valdir quando jogava na Tuna foi durante o torneio Cidade de Belém, em 1962. A Tuna Luso jogou contra Paysandu, Remo e Sport Recife. Venceu o Paysandu por 3x1, venceu o Clube do Remo por 2x1 e na final venceu do Sport Recife por 3x1, tornando-se campeão do torneio pela Tuna Luso.
Valdir está aposentado e mora atualmente no bairro do Curuçambá, em Belém, com sua esposa e dois netos, um de 12 anos (Luan) e outro de 13 anos (Igor) que estão treinando nas categorias de base da Tuna Luso, com o treinador Antenor que também foi contemporâneo de Valdir.

TURMA DO BATE PAPO (RÁDIO CLUBE DO PARÁ) NA MASTER ACADEMIA DA TUNA LUSO


Os dois próximos programas "TURMA DO BATE PAPO", da rádio Clube do Pará, serão realizados na Master Academia, no Castelinho da Tuna Luso Brasileira, nos dias 23 e 30 de novembro, das 20 às 22h. A informação é do competente Francisco Urbano, setorista da rádio Clube na Tuna Luso.
O 1º programa, no dia 23/11, acontecerá um dia após a primeira rodada da 1ª fase do campeonato paraense de futebol de 2010.

segunda-feira, 16 de novembro de 2009

Abuso de poder

Abuso de poder é o ato ou efeito de impôr a vontade de um sobre a de outro, tendo por base o exercício do poder, sem considerar as leis vigentes (importa esclarecer que a noção de abuso de poder carece sempre de normas pre-estabelecidas para que seja possível a sua definição. Desta maneira é evidente que a palavra "abuso" já se encontra determinada por uma forma mais subtil de poder, o poder de definir a própria definição. Assim que o abuso só é possível quando as relações de poder assim o determinam. ). A democracia direta é um sistema que se opõe a este tipo de atitude. O abuso de poder pode se dar em diversos níveis de poder, desde o doméstico entre os membros de uma mesma família, até aos níveis mais abrangentes. O poder exercido pode ser o econômico, político ou qualquer outra forma a partir da qual um indivíduo ou coletividade têm influência directa sobre outros. O abuso caracteriza-se pelo uso ilegal ou coercivo deste poder para atingir um determinado fim. O expoente máximo do abuso do poder é a submissão de outrem às diversas formas de escravidão.


A noção de poder envolve aspectos mais amplos e complexos do que o mero excercício da autoridade sobre outrem. O poder pode ser exercido desde às formas mais sutis até aos níveis mais explícitos e comumente identificáveis. Assim sendo, caracterizar o abuso de poder deixa de ser uma tarefa de simples identificação da ação do forte sobre o fraco, passando a considerar que o poder, em determinadas situações e circunstâncias, muda de mãos e ganha nuances implícitas, que dificultam a identificação do abuso do mesmo.
Uma pessoa em situação desvantajosa que saiba identificar em que aspectos tem poder, pode usar de artifícios abusivos para sair da posição desvantajosa. Isso pode ser facilmente identificado em países
democráticos, nos quais os direitos das minorias são salvaguardados e que indivíduos pertencentes a estas minorias aproveitam-se do argumento do politicamente correcto para neutralizar seus adversários em questões jurídicas, por exemplo. Nestes casos, o direito adquirido legitimamente e ideologicamente correcto, aceite socialmente, passa a ser uma forma de poder nas mãos de quem o detém. Poder este que pode ser exercido da forma genuína ou da forma abusiva, dependendo do caso.

Algumas formas de abuso de poder
Econômico:
Quando o indivíduo ou coletividade tira vantagem ilícita do
dinheiro ou bens materiais em detrimento de outrem.
Político: O uso da autoridade legítima ou da influência para sobrepujar o mais fraco de modo ilegítimo.
No domínio da informação: Recurso utilizado por quem detém o
conhecimento ou a informação e os nega aos demais como forma de proteger-se ou de tirar vantagem.
Ideológico: Quando se utiliza ilicitamente da
ideologia socialmente aceite como forma de tirar vantagens ou de vencer opositores.
Apadrinhamento (
nepotismo): Uso de notoriedade, conhecimentos ou autoridade para favorecer outrem de forma ilícita.

Abuso de autoridade
Constitui-se abuso quando uma autoridade, no uso de suas funções, pratica qualquer atentado contra a liberdade de locomoção, a inviolabilidade do
domicílio, o sigilo da correspondência, a liberdade de consciência e de crença, o livre exercício do culto religioso, a liberdade de associação, os direitos e garantias legais assegurados ao exercício do voto, o direito de reunião,a incolumidade física do indivíduo e, aos direitos e garantias legais assegurados ao exercício profissional. (Incluído pela Lei nº 6.657,de 5 de junho de 1979). O abuso de autoridade levará seu autor à sanção administrativa civil e penal, com base na lei. A sanção pode variar desde advertência até à exoneração das funções, conforme a gravidade do acto praticado.

RELAÇÃO DE JOGADORES QUE ESTÃO TREINANDO NA TUNA LUSO


ATUALIZAÇÃO EM 13/11/2009

JÁ CONFIRMARAM PRESENÇA NO ELENCO PARA A PRIMEIRA FASE DO CAMPEONATO PARAENSE DE 2010 E ESTÃO TREINANDO:

- CLEBER E JUNIOR MARANHÃO E MAIS UM DO SUB-20 (GOLEIROS);
- MICHEL, CASSIÁ, SERGIO, LUA, CRISTOVÃO, CHICÃO, ALAN, GIL, HENRIQUE, JANDERSON, PLACA, ZÉ AUGUSTO, NICOLA, PELEZINHO, HAMILTON MARABÁ, JOBSON, WELTON, CÁSSIO, TALES MACARRÃO, RODRIGUINHO, JOÃO LUIZ, ARINELSON, PRETO BARCARENA E PAULINHO.

FALTAM CONFIRMAR CHEGADA OU ASSINAR CONTRATO:
WILSON, VELBER, PAULO DE TARSO, BEÁ, ROMEU.

INFORMAMOS QUE TANTO A CT QUANTO OS JOGADORES QUE SE APRESENTARAM E ESTÃO TREINANDO ATUALMENTE NA TUNA LUSO CHEGARAM POR VONTADE PRÓPRIA NO CLUBE PARA PARTICIPAR DA PARCERIA EM VIGOR E POR ISSO A MOTIVAÇÃO PARA TREINO E JOGO ESTÁ SENDO MAIOR QUE O ESPERADO.

COMISSÃO TÉCNICA:
- CARLOS LUCENA (TÉCNICO)
- CHINA (AUXÍLIAR TÉCNICO)
- BRUNO NORONHA (FISIOLOGISTA)
- ELTON NOVOA (MÉDICO)
- SIDNEY FLORES (PREPARADOR FÍSICO)
- LUBRAX (PREPARADOR DE GOLEIRO)
- JUCA (ENFERMEIRO)
- MACAQUINHO E TOCO (MASSAGISTAS)

sexta-feira, 13 de novembro de 2009

TUNA LUSO NO LUAU



Venha participar do maior e melhor evento do ano!

1º LUAU CRUZMALTINO DO CEGUINHO!!!!

DIA 04/12/2009


TOP 100 DA TUNA E REUNIÃO COM JOGADORES

Aconteceu na noite desta quinta-feira, 12/11, no salão vermelho da Tuna Luso, reunião entre torcedores e jogadores de futebol da Tuna. Os jogadores João Luiz e Sergio estiveram presentes representando a parceria por parte dos jogadores enquanto que cerca de 15 pessoas estiveram presentes representando torcedores e membros da ATAT.
Foi bastante proveitoso o encontro que serviu para esclarecer muitos dúvidas referentes ao inédito sistema de parceria firmado entre Tuna Luso e um grupo de jogadores profissionais.
Durante a reunião recebemos cinco adesões ao TOP 100 da Tuna, inclusive já recebendo o pagamento das referidas adesões. Cada membro que aderiu ao TOP 100 da Tuna efetuou a doação de R$50,00, sendo arrecadado R$250,00 na ocasião que serão usados integralmente na compra de medicamentos para os jogadores.
Em breve retornaremos com a lista de quem já aderiu ao TOP 100 da Tuna e com novidades.

TOP 100 DA TUNA
A ATAT, com apoio de seus colaboradores, lançou nesta semana o TOP 100 da Tuna. A idéia partiu do amigo Hugo, do sindicato dos bancários, e visa juntar 100 nomes ilústres de colaboradores e torcedores que queiram efetuar a doação de R$50,00 por mês durante esta primeira fase do campeonato paraense de 2010. Se conseguirmos a adesão de 100 colaboradores iremos arrecadar R$5.000,00 por mês. O numerário arrecadado junto ao TOP 100 da Tuna será integralmente usado para aquisição de medicamentos, vale transportes, complemento alimentar e materiais diversos de apoio ao treinamento dos jogadores. Os interessados em fazer parte do TOP 100 da Tuna devem enviar e-mail confirmando sua adesão para o e-mail gerardo.monteiro@gmail.com ou se preferir pode ligar para 091 8882-1119 (Von).
Já temos 20 nomes confirmados para participar do TOP 100 da Tuna. Seja você também um membro e colaborador TOP 100 da Tuna!
Prestaremos contas neste blog de todo o numerário arrecadado e onde ele foi ou será aplicado.

terça-feira, 10 de novembro de 2009

Biscoitos e massas Trigolino, da RICOSA, para os jogadores da Tuna Luso.


Entregamos hoje, terça-feira 10/11, na sede da Tuna Luso, a cota de biscoitos e massas que a OCRIM se comprometeu em fornecer mensalmente para os jogadores de futebol da Tuna, fruto da parceria firmada entre as partes para a primeira fase do campeonato de 2010.
Foram entregues 10 caixas de biscoito salgado Trigolino, 15 caixas de biscoito doce Trigolino, 15 fardos de espaguete e massas Trigolino para sopa, no valor total de R$ 501,00.
A OCRIM também ficou de doar 10 bolas Penalty para treinamento do elenco.

segunda-feira, 9 de novembro de 2009

Tuna à espera de trio para acelerar os trabalhos visando ao Paraense


(da esq. para dir.) Presidente da Tuna, Sr. Fabiano Bastos, João Luiz e Jobson, meio-campistas da Tuna e o Sr. João Araujo, presidente da ATAT.

Após a chegada do meio-campista Jóbson, só faltam o zagueiro Preto Barcarena e os laterais Marquinhos Belém e Paulinho para completar o elenco da Tuna Luso. Os jogadores ficaram de se apresentar na semana passada, mas, após conversa com o técnico Carlos Lucena, acertaram para hoje a chegada no clube. Eles terão uma semana de preparação antes do primeiro amistoso da equipe cruzmaltina, contra o Remo, que ainda deve ser confirmado para a próxima quinta-feira, 19, no Baenão.

O valor dos ingressos é uma das pendências. Porém, o presidente da Tuna, Fabiano Bastos, deve propor entradas a R$ 10. 'Não sei se o Amaro Klautau vai concordar, mas a partida será à noite, numa quinta-feira', declarou o dirigente da Lusa. Para o Leão, o objetivo do jogo é colocar o time em teste. Para a Tuna, a renda é ainda mais relevante. 'Nese momento, o que a Tuna conseguir arrecadar vai para os jogadores', assegura Bastos.

Apesar do interesse em motivar o elenco e mostrar que o modelo de participação nas rendas dará certo, a Lusa também pretende testar a equipe, que estreará na primeira fase do Paraense dia 22, contra o Sport Belém.

Aposentadoria - O meio-campista Jóbson se apresentou ao técnico Carlos Lucena na semana passada. Ele voltou à Tuna para cumprir uma antiga promessa de recompensar o clube que o revelou no início dos anos 90. Pretende fazê-lo com o acesso à fase principal do Parazão 2010. Dependendo dos resultados que tiver em campo, o meio-campista de 35 anos decidirá se se aposentará após a competição ou se estenderá a carreira.
fonte: Amazônia Jornal- Edição de 10/11/2009

Aconteceu hoje no "Souza".

A rotina de treinamento do futebol profissional da Tuna Luso aconteceu normalmente nesta segunda-feira, 09/11, no gramado do Souza. Os treinamentos acontecem diariamente, de segunda a sexta, apenas pela parte da manhã, de 08:00h até 11:00h.
Na primeira parte do treinamento o preparador Sidnei Flores, realiza um trabalho físico coordenado até às 09:30h. A partir das 10:00h, o técnico Lucena comanda o treinamento técnico e tático.
Na parte da tarde a folga é geral.

João Luiz e Jobson (Meias), jogadores e membros coordenadores da parceria com a Tuna.

Junior Maranhão e Cleber, os Goleiros.









"TOCO", o nosso novo massagista (aquele baixinho que corre pacas e era o massagista do Pedreira, lembram?).








"FONFON", o fiel guardião do gramado do Souza.

domingo, 8 de novembro de 2009

TOP 100 DA TUNA


Após descontraido bate-papo entre alguns associados da Tuna Luso e membros da ATAT, na sede campestre da Tuna Luso neste final de semana, foi sugerido pelo amigo Hugo, do sindicato dos bancários, fazermos uma espécie de enquete para criarmos o TOP 100 da Tuna.

A idéia do TOP 100 da Tuna é juntarmos 100 nomes ilústres de colaboradores e torcedores que queiram efetuar expontaneamente a doação de R$50,00 por mês durante esta primeira fase do atual campeonato paraense de 2010, previsto para iniciar no próximo dia 22/11. Se conseguirmos a adesão dos 100 colaboradores previstos iremos arrecadar R$5.000,00 por mês.

A arrecadação do numerário conseguido junto ao TOP 100 da Tuna será integralmente usada para aquisição de vale transporte, complemento alimentar e materiais diversos de apoio ao treinamento dos jogadores.

Os interessados em fazer parte do TOP 100 da Tuna para ajudar o clube devem enviar e-mail confirmando sua adesão. Para confirmar a adesão ao TOP 100 da Tuna envie e-mail para gerardo.monteiro@gmail.com ou se preferir pode ligar para 8882-1119 (Von).

Já temos 20 nomes confirmados para participar do TOP 100 da Tuna. Seja você também um membro e colaborador do TOP 100 da Tuna!

Prestaremos contas neste blog de todo o numerário arrecadado com o TOP 100 da Tuna e onde ele será aplicado.

Produtividade será moeda lusa


por: LEANDRO LAGE

No próximo campeonato paraense, os jogadores da Tuna Luso trabalharão sem receber salário fixo. Ganharão por produtividade. Quem estiver na relação dos jogos, receberá parte da renda. Seja quanto for. Quem não estiver, trabalhará duro para entrar na próxima, porque a Lusa só arcará com os encargos sociais do elenco. Os 'vencimentos' sairão direto das bilheterias para o rateio entre os jogadores e a comissão técnica. Ao menos é isso o que dizem os diretores cruzmaltinos.

Esse modelo de gestão é, no mínimo, esquisito. Mas, sem ele, o clube não participaria do Estadual. Tão afundada financeiramente quanto Remo e Paysandu, a Tuna não teve dinheiro para bancar um plantel. A solução foi arrumar um de graça. Dessa forma, o clube se livra dos prejuízos com o futebol profissional, mas também não lucra. 'Aqui não tem salário. É participação na renda. Jogou, ganhou. Não jogou... Isso é melhor do que prometer salário e não pagar', explica o treinador Carlos Lucena, que entrará no rateio.

Na carteira de trabalho dos jogadores e nos contratos com o clube, constará apenas um salário fixo de R$ 500. Apesar disso, os atletas só receberão esse valor se as rendas das partidas forem significativas. Problema é que isso só deve ocorrer na fase principal do Parazão, quando o time enfrentará os campeões de público Remo e Paysandu. Até lá, o clube luso-brasileiro deve buscar nos patrocínios e nas colaborações de abnegados o dinheiro para honrar pelo menos os acertos contratuais.

Um grupo de nove pessoas, entre eles o zagueiro Sérgio, o técnico Lucena e o presidente Fabiano Bastos, será responsável pelo 'modelo administrativo' do Departamento de Futebol Profissional. Foram convocados, também, um contador e um advogado, para garantir a viabilidade do projeto.
'É arriscado para o jogador, mas é para a Tuna também. Eles podem ganhar R$ 10 mil. Se passarem para a próxima fase, tiram isso numa partida. Se não classificarem, quem corre o risco é o clube', admite o presidente Fabiano Bastos.

Matemática - Em 2008, a média de renda líquida dos jogos disputados pela Tuna Luso no Campeonato Paraense não passou de R$ 3 mil. Contra Remo e Paysandu, a média é de R$ 20 mil. Ou seja, na primeira fase do Estadual, que terá nove partidas contra times pequenos, a Tuna arrecadará no máximo R$ 27 mil. Metade disso, na verdade, pois os jogos são em casa e fora. Portanto, para os 25 jogadores que devem compor o elenco, sobrarão apenas R$ 13,5 mil. Numa previsão otimista de público para o torneio, cada jogador ganhará R$ 540.

Iniciativa afasta veteranos e atrai os mais jovens ao clube
Logo de cara, o resultado desse 'jeitinho' que a Tuna Luso deu para colocar o time profissional em atividade é a falta de jogadores tarimbados. O elenco está minado de atletas novatos, recém-saídos das divisões de base ou desprezados por Remo e Paysandu. A longo prazo, a principal consequência é que o clube pode acabar mal com a Justiça do Trabalho. Pois, se não pagar o dinheiro arrecadado nas bilheterias como salário e, assim, descontar os impostos trabalhistas, o rateio da renda se tornará ilegal.

'Isso já acontece em times menores há muito tempo', explica o advogado Bruno Castro, especialista em causas trabalhistas envolvendo clubes e atletas de futebol. 'Eles assinam a carteira com um salário mínimo e os jogadores ganham em cima do ‘bicho’. A vantagem, portanto, é jogar contra times grandes', detalha. Nesse caso, além dos 5% da renda que devem ser pagos ao INSS no borderô, o clube ainda terá que descontar o imposto sobre o que cada jogador receber, o que nem sempre ocorre.

O modelo correto de pagamento por produtividade, segundo Bruno Castro, tem regras definidas. 'Os jogadores ganham o piso salarial e, numa final, por exemplo, o clube paga um valor a mais, só que a título de prêmio e não como salário. E, sobre essa quantia, incidem os encargos', explica o advogado. Para Bruno Castro, o lado bom é que os dirigentes cruzmaltinos estão sendo verdadeiros com o elenco. 'Podemos dividir alegrias e tristezas', diz o presidente da Tuna Luso, Fabiano Bastos.

Contas - O dirigente tunante assegura: a divisão igualitária das rendas não é um plano usado somente para classificar o time à fase principal. 'Isso vai funcionar pelo menos até o fim do Parazão. Se der certo, vai mudar a história do futebol paraense. Porque, nesse time, ninguém vai ganhar mais do que o colega. E, se a Tuna arrecadar R$ 200 mil, o valor será todo dividido entre o elenco e a comissão técnica. Serão tiradas apenas as despesas e os encargos', promete Fabiano Bastos.

'Bicho' pode ser salvação do elenco
Com o rateio das arrecadações, os jogadores não correm o risco de ficar sem salários. Por outro lado, se as rendas não pagarem os custos da partida, o que é comum nos jogos entre dois times pequenos, o elenco dependerá do famoso 'bicho' para receber ao menos alguns trocados. 'É melhor do que ganhar esses R$ 500 em Santa Rosa, Izabelense e Ananindeua, sem participação na renda dos jogos. Alguns times nem pagam direito', avalia o treinador Carlos Lucena.
Para os jogadores, o rateio soa estranho, mas é a única opção de se manter em atividade e num clube de tradição. 'Joguei no sub-20 do Paysandu, mas não fui aproveitado. No início, fiquei meio de lado. Mas se o cara pensar só nisso, não vai jogar em lugar nenhum. Quando estamos começando, temo que acreditar no que aparecer', diz o volante Alan Kardec, de 21 anos, que passou na peneirada da Tuna e vai defender o time no torneio de acesso à fase principal do Parazão 2010.
Alan Kardec garante que, apesar da insegurança salarial, essa forma de acordo com o clube motiva os jogadores a buscarem a classificação a todo custo.

Até porque é somente na fase principal, jogando contra Remo e Paysandu, que terão a chance de receber salários mais altos. 'Já venho treinando no time titular, agora é só manter o ritmo. Quero primeiro começar a mostrar meu futebol para depois pensar em acordo com o clube e em salários', comenta o jogador.

Como funcionará
1. Os 25 jogadores assinarão contrato para disputar a primeira e, caso o time se classifique, a segunda fase do Campeonato Paraense 2010. No contrato dos atletas, constará um salário de apenas R$ 500.
2. O clube, porém, pagará aos atletas somente o que for arrecadado nas bilheterias. Ao final do jogo, serão descontados os impostos e o valor restante será dividido entre os jogadores e membros da comissão técnica.
3. Para receber o dinheiro, os jogadores devem ser relacionados. Quem não for escalado nem para o banco de reservas não levará nada. Isso, segundo Lucena, forçará os jogadores a buscarem sempre um lugar no time principal.
4. Dessa forma, se forem arrecadados R$ 25 mil nas bilheterias, serão descontados os encargos sociais e os custos do jogo. O que sobrar será rateado. Por lei, o clube deverá pagar, também, os impostos sobre o que cada jogador receber.

Benefícios desse tipo de administração
1. O clube não promete salários altos. Os jogadores só ganham quantias significativas se avançarem na competição e disputarem jogos decisivos com os gigantes Remo e Paysandu, recordistas de público e renda.
2. Ao menos em tese, os jogadores se dedicarão mais ao time. Pois, se deslizarem e ficarem de fora da relação, não ganharão nada. Ou melhor, até ganharão, mas só o que os abnegados do clube oferecerem.

Perigos da divisão de renda
1. Caso não cumpra todas as obrigações trabalhistas, o clube pode responder vários processos na justiça ao longo do campeonato e depois da competição. Dessa forma, acabaria tendo despesas.
2. Somente jogadores em início ou final de carreira aceitariam essas condições de trabalho. Tanto é que o elenco tunante é formado praticamente apenas por jogadores recém-saídos das categorias de base ou desprezados por Remo e Paysandu.
3. Com a baixa média de público na primeira fase do Parazão, a Tuna Luso corre o risco de enfrentar uma debandada antes da fase principal. A arrecadação seria baixa demais e, consequentemente, sobraria pouco para dividir.
4. Não ficou claro como o clube procederá com os jogadores lesionados que, portanto, não serão relacionados nas partidas. Por lei, o clube deve arcar com todos os custos de tratamento.

fonte: Amazônia Jornal - Edição 08/11/2009

Conheça Santarém e a torcida do São Raimundo, campeão da Série D do Brasileirão 2009


Fomos informados que está previsto um amistoso de futebol entre Clube do Remo e Tuna Luso na próxima semana. O presidente da Tuna, Fabiano Bastos, informou que falta apenas confirmar o dia do jogo que está entre quinta-feira ou domingo, no Baenão. As cotas de cada um time será 30% ou 40% pra Tuna e o restante do Clube do Remo.

Achamos que será um bom teste para os dois times, principalmente para o novo time da Tuna. Parece que o jogador Giovani está em Belém e segundo o presidente Fabiano a idéia é falar com ele para que jogue meio tempo por cada time durante o amistoso e assim chamar a atenção do público e da imprensa.

Por enquanto a Tuna já tem confirmado os seguintes jogadores: Sergio, João Luiz, Jobson, Marquinho Belém, Preto Barcarena, Paulinho, Cleber (goleiro), Cassiá, além de outros jogadores que chegaram do Maranhão e dos sub-20 do clube. Falta confirmar a vinda dos jogadores Fabinho, Velber, Wilson e Paulo de Tarso.

Assim que tivermos novidades voltaremos a informar.

sábado, 7 de novembro de 2009

Lusa apresenta Jóbson, de volta após 15 anos, e João Luís, ex-Paraná Clube


O meia Jóbson, enfim, se apresentou à Tuna. Ontem, pela manhã, o jogador treinou com o elenco cruzmaltino no Souza, sob o comando do técnico Carlos Lucena. Além do meio-campista, o volante João Luís, também revelado pelo clube, voltou ao time. O zagueiro Preto Barcarena e os laterais Marquinhos Belém e Paulinho também constam nos planos da Lusa, que terá um elenco formado por pelo menos 25 jogadores para disputar a primeira fase do Campeonato Paraense, que começa no próximo dia 22.
Jóbson, hoje com 35 anos, foi revelado pela Tuna em 1992. O jogador não vestia o uniforme cruzmaltino desde 1994, quando foi para o Paraná. Outro jogador repatriado foi o volante João Luís, que deixou o time da Vila Olímpica para defender o Papão. Com dificuldades financeiras, a Tuna Luso não deve contratar mais jogadores. 'Não haverá mais contratações. Vamos ver o que falta e pinçar da base', garantiu Lucena no início da semana. Do time sub-20, foram promovidos os meias Elton e Pelezinho, além dos laterais Léo e Édipo.

fonte: Amazônia Jornal - Edição 07/11/2009

terça-feira, 3 de novembro de 2009

INDIQUE O ATLETA DO ANO ! Remo2016


por: Carlos Martins

Quem já indicou, parabéns!
Quem ainda não indicou o melhor atleta do remo acesse http://www.remo2016.com.br/

Juntos poderemos transformar o remo em paixão nacional e num orgulho para o Brasil.

segunda-feira, 2 de novembro de 2009

TUNA LUSO EM JUNDIAÍ-SP


Publicamos abaixo a foto enviada pelo amigo GUILHERME GALDINO GOMES, morador da cidade de Jundiaí-SP, ao lado de seu pequeno e amado filho EDUARDO. Ambos apresentam com orgulho as camisas da Tuna Luso, tipo regata, que receberam em mãos, especialmente ofertadas pelo técnico "Lindão" e enviadas pelo editor deste blog, via mala postal.
Ao Guilherme, seu filho Eduardo e demais familiares, o nosso agradecimento pela escolha e consideração.
Desejamos muita sorte e saúde para todos em Jundiaí.
Saudações cruzmaltinas!

domingo, 1 de novembro de 2009

SÃO RAIMUNDO É CAMPEÃO DA SÉRIE-D DO CAMPEONATO BRASILEIRO DE 2009



Num jogo emocionante neste domingo, 1º de novembro, a equipe santarena do São Raimundo venceu o Macaé por 2 a 1 no estádio Barbalhão lotado. Cerca de 17 mil torcedores foram assistir a decisão da Série D do Campeonato Brasileiro.
O São Raimundo é o campeão da 1ª edição da Série D, 4ª divisão do Campeonato Brasileiro de futebol.
Na partida de ida, em Volta Redonda, o placar foi 3 a 2 para o Macaé. O São Raimundo ficou com o título por ter marcado mais gols fora de casa do que o adversário.
Jogando no Colosso do Tapajós, com mais de 17.000 torcedores presentes, o São Raimundo fez uma partida dramática. O primeiro tempo terminou empatado em 0 x 0. Aos 16 minutos do segundo tempo, Léo Santos cabeceou para abrir o placar e deixar o Macaé na frente, aumentando sua vantagem na final.
O destino reservou para o São Raimundo a surpresa que viria em seguida. Em três minutos o time paraense virou o jogo.
Aos 27, Michel empatou a partida e, aos 30, Rafael Oliveira decretou a vitória para a alegria da torcida do "Pantera Negra" presente ao estádio Colosso dos Tapajós.
O São Raimundo também conhecido como Pantera Negra é treinado por Lúcio Santarém ( foto ) ex-atacante da Tuna Luso e que já dirigiu o São Raimundo durante o Parazão. Ele assumiu o comando da equipe no dia 26 de agosto, depois que Valter Lima foi demitido. Um dos destaques do time é o meia Luis Carlos Trindade, 39 anos e que já passou pelo Paraná, Remo e Paysandu.A Série D foi criada em 2008 pela CBF. A sua 1ª edição, disputada nesta temporada, contou com 39 clubes. Para 2010, os participantes serão definidos através dos campeonatos estaduais. São Raimundo, Macaé, Alecrim-RN e Chapecoense-SC foram os semifinalistas da Série D e, assim, garantiram o acesso para a Série C do Campeonato Brasileiro de 2010.
Este é o primeiro título de expressão do São Raimundo. Comandado pelo técnico Lúcio Santarém, a equipe paraense foi regular ao longo de toda a competição, somando oito vitórias, quatro empates e outras quatro derrotas.
Após a partida uma carreta percorreu as principais ruas de Santarém. A festa que começou ainda no Estádio Barbalhão não tem hora para acabar.
CLUBES PARAENSES CAMPEÕES DE TÍTULOS NACIONAIS:

TUNA LUSO BRASILEIRA: 1985 (SÉRIE B) / 1992 (SÉRIE C)
PAYSANDU SPORT CLUBE: 1991 (SÉRIE B) / 2001 (SÉRIE B) / 2002 (COPA DOS CAMPEÕES)
CLUBE DO REMO: 2005 (SÉRIE C)
SÃO RAIMUNDO: 2009 (SÉRIE D)
Ficha Técnica
São Raimundo 2 x 1 Macaé
Local: Estádio Colosso do Tapajós, em Santarém-PA
Árbitro: João Alberto Gomes Duarte-RN
Cartões Amarelos: Steve (Macaé)
Gols: Michel aos 27’/2T e Rafael Oliveira aos 30’/2T (São Raimundo); Léo Santos 16’/2T (Macaé)
Renda: R$297.765,00
Público Pagante: 15.779/1.813 credenciados/ Total: 17.592
São Raimundo: Labilá; Ceará (Sidivan), Preto Marabá, Filho e João Pedro; Marcelo Pitbull, Beto, Luís Carlos Trindade (Elcio) e Michel; Rafael Oliveira (Amaral) e Déo Curuçá. Técnico: Lúcio Santarém
Macaé: Lugão; Willian, André, Otávio e Vanderson (Jonatan); Gedeil, Anderson, Leo Santos (Tchô) e Wallacer; Bruno Luís e André Gomes (Steve). Técnico: Toninho Andrade